free web stats
AMODEFA

A AMODEFA – Associação Moçambicana para o Desenvolvimento da Família, pretende recrutar um (1) Coordenador de Projecto, para a Província de Nampula.

Tarefas

  • Assegurar a implementação dos objectivos ao nível da província;
  • Participar activamente na planificação das actividades a serem implementadas na província;
  • Executar todas as actividades relativas a informação, Educação e Orientação integrados de Saúde Sexual e Reprodutiva, HIV/SIDA incluindo aconselhamento de base;
  • Fazer o acompanhamento sistemático das actividades levadas a cabo pelos supervisores, activistas e voluntários da AMODEFA;
  • Assegurar a logística necessária para as actividades da AMODEFA;
  • Preparar os relatórios a serem apresentados à sede sobre o grau de implementação das actividades em curso ao nível da província;
  • Colaborar na elaboração de avaliação das actividades levadas a cabo na província;
  • Colaborar para o cumprimento dos regulamentos e políticas relativos a diferentes sectores do funcionamento da AMODEFA;
  • Liderar a elaboração de projectos para a Província;
  • Representar a AMODEFA ao nível da Província;
  • Coordenar todas outras actividades da Delegação;
  • Ajudar na selecção, formação e apoio técnico dos activistas;
  • Monitorar e supervisar os trabalhos dos supervisores e activistas no campo.

Requisitos

  • Mínimo, Bacharel em Ciências Sociais, Gestão, ou áreas afins;
  • Formações específicas em Gestão de Projectos e/ou Desenvolvimento Comunitário constituirão uma vantagem;
  • Pelo menos três (3) anos de experiência em gestão de projectos de desenvolvimento comunitário;
  • Conhecimentos profundos dos seguintes pacotes informáticos: MS Word, Excel, Access, Web & Email;
  • Experiência em programas comunitários virados para a Tuberculose e HIV/SIDA;
  • Conhecimento das línguas locais;
  • Ter residência na zona especifica de implementação (Cidade de Nampula);
  • Disponibilidade para viajar, trabalhar sob pressão e fora do horário normal de expediente.

Conhecimentos e Habilidades

  • Ter trabalhado no sistema nacional de saúde na área de Tuberculose e HIV (é uma vantagem);
  • Conhecimentos de técnicas de mobilização social;
  • Conhecimento e domínio na área de actuação de programas;
  • Capacidade de interpretação e análise de dados;
  • Capacidade para articular com instituições governamentais, em especial com a Direcção Provincial e Serviços Distritais de Saúde;
  • Capacidade de Planificar, executar e reportar dentro dos prazos estabelecido;
  • Boas habilidades de apresentação e capacidade de comunicar-se eficazmente na língua Portuguesa e local;
  • Capacidade de usar a iniciativa e adoptar uma abordagem priorização e gestão da carga de trabalho;
  • Capacidade de trabalhar em equipe;
  • Alta capacidade de mobilização comunitária;
  • Capacidade de se comunicar de forma eficaz em língua Português e local;
  • Capacidade de trabalhar de forma independente e trabalhar sob pressão;
  • Executar outras tarefas relacionadas com a prevenção do HIV e Tuberculose.
Partilha esta Vaga
AMODEFA

A AMODEFA – Associação Moçambicana para o Desenvolvimento da Família, pretende recrutar um (1) Assistente de Monitoria e Avaliação, para a Província de Nampula, será responsável pela assistência aos activistas e voluntários, assegurando a disponibilidade atempada de ferramentas de M&A, estabelecendo a ligação com a AMODEFA, a US e outros parceiros locais em questões de M&A.

Tarefas

  • Assegurar a implementação dos objectivos ao nível da província;
  • Apoiar os activistas e voluntários no preenchimento e utilização das ferramentas de M&A para as actividades em implementação;
  • Receber fichas de recolha de dados dos Activistas e Voluntários, e inserir dados na base de dados;
  • Recolher, processar, analisar e armazenar informação tendo em conta a referência e contra-referência na cascata de serviços (Activistas –Voluntários–Unidade Sanitária) outros serviços complementares;
  • Prestar informações sobre M&A das actividades;
  • Participar activamente na planificação das actividades a serem implementadas na província;
  • Fazer o acompanhamento sistemático das actividades levadas a cabo pelos supervisores, activistas e voluntários da AMODEFA;
  • Colectar e sistematizar os dados fornecidos pelos Supervisores;
  • Colaborar para o cumprimento dos regulamentos e políticas relativos a diferentes sectores do funcionamento da AMODEFA;
  • Participar na elaboração de projectos.

Requisitos

  • 12ª Classe (ou equivalente) ou Bacharel em Ciências Sociais, Gestão, ou áreas afins;
  • Formações específicas em Gestão de Projectos e/ou Desenvolvimento Comunitário constituirão uma vantagem;
  • Pelo menos dois (2) anos de experiência em monitoria e avaliação/gestão de projectos de desenvolvimento comunitário;
  • Conhecimentos profundos dos seguintes pacotes informáticos: MS Word, Excel, Access, Web & Email;
  • Conhecimento de pacotes estatísticos (EPI Info/SPSS) constituirá uma vantagem;
  • Experiência em programas comunitários virados para o Tuberculose e HIV/SIDA;
  • Conhecimento das línguas locais;
  • Ter residência na zona especifica de implementação (Cidade de Nampula);
  • Disponibilidade para trabalhar sob pressão e fora do horário normal de expediente.

Conhecimentos e Habilidades

  • Ter trabalhado no sistema nacional de saúde na área de Tuberculose e HIV (é uma vantagem);
  • Conhecimento e domínio na área de actuação de programas;
  • Capacidade de interpretação e análise de dados;
  • Boa articulação com a Direcção Provincial e Serviços Distritais de Saúde;
  • Capacidade de Planificar, executar e reportar dentro dos prazos estabelecidos;
  • Boas habilidades de apresentação e capacidade de comunicar-se eficazmente na língua local;
  • Capacidade de trabalhar em equipe e sob pressão;
  • Alta capacidade de mobilização comunitária;
  • Capacidade de se comunicar de forma eficaz em língua Português e local;
  • Capacidade de trabalhar de forma independente e trabalhar sob pressão;
  • Capacidade de ler e escrever em Português;
  • Executar outras tarefas relacionadas com a prevenção do HIV e Tuberculose.
Partilha esta Vaga
Comentários fechados em Vaga para Assistente de Administração e Finanças (AMODEFA)

Vaga para Assistente de Administração e Finanças (AMODEFA)

Colocado por | Abril 26, 2016 | Recrutamento

AMODEFA

A AMODEFA – Associação Moçambicana para o Desenvolvimento da Família, pretende recrutar um (1) Assistente de Administração e Finanças, para a Província de Nampula.

Tarefas

  • Assegurar a implementação dos objectivos da organização;
  • Liderar o processo de planificação e implementação das actividades definidas para projecto;
  • Assegurar uma gestão adequada aos recursos disponíveis para Organização;
  • Negociar financiamentos e acordos de parcerias com outras instituições parceiras e doadoras;
  • Assegurar a integridade do orçamento, relatórios financeiros e sistemas de controlo interno estabelecidos para projecto;
  • Submeter a apreciação da Direcção o plano anual de trabalho e de actividades;
  • Elaborar relatórios periódicos para apresentação junto da Direcção Executiva;
  • Controlar regularmente os movimentos bancários e estabelecer as necessárias ligações com os serviços bancários.

Requisitos

Nível de Educação e Qualificações

  • Nível Médio em Contabilidade.

Competências

  • Conhecimento e domínio na área de administração e finanças;
  • Capacidade de Planificar, executar e reportar dentro dos prazos estabelecidos;
  • Boas habilidades de apresentação e capacidade de comunicar-se eficazmente na língua local;
  • Capacidade de usar a iniciativa e adoptar uma abordagem proactiva, priorizar e gerenciar a carga de trabalho;
  • Capacidade de trabalhar em equipe e sob pressão.

Habilidades

  • Capacidade de se comunicar de forma eficaz em língua Português e local;
  • Capacidade de trabalhar de forma independente e trabalhar sob pressão;
  • Capacidade de ler e escrever em Português;
  • Executar outras tarefas relacionadas com a prevenção do HIV e Tuberculose.
Partilha esta Vaga
Comentários fechados em Vagas para Guardas (AMODEFA)

Vagas para Guardas (AMODEFA)

Colocado por | Abril 26, 2016 | Recrutamento

AMODEFA

A AMODEFA – Associação Moçambicana para o Desenvolvimento da Família, pretende recrutar um (3) Guardas, para a Província de Nampula.

Tarefas

  • Controle de visitantes;
  • Responsabilizar-se pela Segurança às Instalações;
  • Atender aos visitantes através da apresentação de uma documentação, preenchendo o livro de controlo de entradas e saídas de pessoas e o assunto a tratar;
  • Controle e registo de entradas e saídas do material e equipamento (bens da empresa).

Requisitos

Nível de Educação e Qualificações

  • Deve ter pelo menos 10ª Classe.

Competências

  • Capacidade de Planificar, executar e reportar dentro dos prazos estabelecidos;
  • Boas habilidades de apresentação e capacidade de comunicar-se eficazmente na língua portuguesa e local;
  • Capacidade de trabalhar em equipe e sob pressão.

Habilidades

  • Capacidade de trabalhar de forma independente e trabalhar sob pressão;
  • Capacidade de ler e escrever em Português;
  • Executar outras tarefas do escritório.
Partilha esta Vaga
Comentários fechados em Vaga para Oficial de Finanças (Malaria Consortium)

Vaga para Oficial de Finanças (Malaria Consortium)

Colocado por | Abril 22, 2016 | Recrutamento

Malaria Consortium

Cargo: Oficial de Finanças
Departamento: Finanças
Supervisionado por: Coordenador Provincial

Contexto Organizacional

A Malaria Consortium é uma Não- Governamental sem fins lucrativos, dedicada ao controlo da malária e outras doenças infecciosas no continente Africano e Sudoeste Asiático. A Malaria Consortium trabalha com o governo, comunidades, Organizações não-governamentais, instituições académicas e organizações nacionais e internacionais na garantia de provisão de serviços eficazes através de apoio técnico para a monitoria e avaliação de programas e actividades para planificação estratégica e tomada de decisão baseada em evidências. A nossa organização trabalha não só para a melhoria da saúde das pessoas mas também para a melhoria da capacidade dos sistemas nacionais de saúde, o que contribui para o alívio da pobreza e para a melhoria do crescimento económico.
Neste Ambiito, a Malaria Consortium pretende Recrutar para os seus Quadros, um Oficial de Finanças baseado em Nampula ou Niassa.

Objectivo do cargo

  • O Oficial de Administração e Finanças terá como função principal, assegurar o bom funcionamento financeiro e administrativo do escritório provincial.

Responsabilidades

Na Área Financeira:

  • Organizar e manter o sistema financeiro a nível da província, conforme as politica da Malaria Consortium e as orientações do Gestor Nacional Financeiro ou representante designado;
  • Efectuar os desembolsos e as respectivas reconciliações para a realização de workshops, conferências e outras actividades de projectos de acordo com as normas estipuladas;
  • Assegurar a implementação e supervisão dos procedimentos financeiros em estreita coordenação com o Coordenador Provincial e o Gestor Nacional de Finanças;
  • Monitorar as despesas mensais e manter os arquivos e a base de dados financeira no formato requerido pelo escritório de Maputo;
  • Monitorar os custos de funcionamento do escritório e desenvolver estratégias sustentáveis de contenção;
  • Manter o controlo dos pagamentos efectuados através do fundo de maneio, assegurando-se que os limites estipulados sejam cumpridos;
  • Assegurar a retenção na fonte do imposto sobre o rendimento, quando aplicável, e assegurar o encaminhamento do valor retido e de outros, dentro do prazo as entidades competentes;
  • Preparar, em colaboração com os Project Managers, as necessidades de fundos mensais para o funcionamento do escritório provincial e a implementação das actividades, segundo indicações do escritório de Maputo;
  • Trabalhar em estreita coordenação com o escritório central em assuntos relacionados com finanças e operações e aconselhar GNF quando surgirem questões financeiras e partilhar as áreas de preocupação, sugerindo soluções;
  • Apoiar o escritório central na supervisão da folha salarial competente ao escritório provincial, quando lhe forem requeridos;
  • Outras actividades solicitadas.

Relatório:

  • Reconciliação de Fundo de Manejo, regularização de facturas, conferência de caixa, compilação do mapa de Contas e envio atempado para Maputo, ate o segundo dia útil após final de mês acompanhado por a lista completa do fim do mês (Month End Checklist);
  • Enviar até ao 3º dia útil de cada mês o processo de contas mensal, incluindo todos os documentos de suporte aos escritórios de Maputo para verificação e consolidação;
  • Preparar atempadamente os relatórios financeiros das actividades realizadas.

Requisitos

Qualificações

Essencial:

  • Bacharelato em Finanças;
  • Mínimo de dois (2) anos de experiência em finanças.

Desejável:

  • Conhecimento prático de software de contabilidade;
  • Experiência de trabalho em um departamento de finanças de uma ONG;
  • Experiência na preparação de Relatórios de doadores

Experiência Profissional e Competências:

Essencial:

  • Atenção a detalhes;
  • Boas aptidões de Excel;
  • Flexível e disposto a viajar no interior da província.

Desejável:

  • Boas Habilidades analíticas;
  • Conhecimentos de informática nível profissional em Microsoft Excel;
  • Nível Médio Inglês (leitura e escrita).
Partilha esta Vaga
Comentários fechados em Vaga para Gestor de Projecto – PROPREM (CARE)

Vaga para Gestor de Projecto – PROPREM (CARE)

Colocado por | Abril 22, 2016 | Candidatura

CARE logo

Email: recrutamentos@care.org.mz

Validade: 22/04/2016

Local: Nampula

A CARE International pretende recrutar para o seu quadro de pessoal, um (1) Gestor de Projecto – PROPREM – (Programa de Prevenção e Resposta a Emergências em Moçambique).

Requisitos

  • Habilidades de liderança;
  • Fortes habilidades analíticas;
  • Experiência e cometimento em trabalhar com parcerias;
  • Alta capacidade de comunicação efectiva e interacção com pessoas;
  • Proficiência na fala e escrita das línguas Inglesa e Portuguesa;
  • Forte compreensão de assuntos de género e cometimento de combater à desigualdade do género;
  • Académico: Nível Licenciatura de preferência Mestrado ou equivalente numa das seguintes áreas: (Sociologia, Antropologia, Desenvolvimento Económico, Gestão Empresarial, Economia Agrícola, Estudos de Género ou estudos relacionados);
  • Pelo menos cinco (5) anos de experiência no desenvolvimento e/ou organizações humanitárias, incluindo experiência significativa de trabalhar com parceiros em programas humanitários ou para reforçar a capacidade para a preparação a resposta da emergência;
  • Compreensão dos conceitos e aplicação e práticas de códigos e padrões humanitários tais como a SPHERE the People In Aid Code, HAP;
  • Experiência comprovada na Gestão de Projectos e habilidades provadas no planeando e controle de orçamentos;
  • Capacidades em influenciar e negociação da parceria com vários actores humanitários, incluindo governos, agências UN, instituições académicos, redes das ONGs, e grupos da comunidade nacionais/locais.

Benefícios

  • Esta posição ordena um salário mensal entre US$ 2.475 e US$ 3.000.

Exigências

  • Carta de Motivação;
  • Curriculum Vitae.

Nota: Através do link: http://www.care.org.mz/careers_currentopportunities.php – fazer download do “Application Pack”, inclui um formulário pessoal e um teste escrito para ser devidamente preenchimento citando o número da vaga (VAGA/ECHO).

Sobre a Empresa

A CARE International é uma organização de desenvolvimento e humanitária registada desde 1986 com escritórios em mais de 70 países e parte duma grande federação internacional focalizada sobre mulheres e raparigas.

Partilha esta Vaga
Comentários fechados em Vaga para Contabilista Sénior (SDO Moçambique)

Vaga para Contabilista Sénior (SDO Moçambique)

Colocado por | Abril 21, 2016 | Recrutamento

SDO LOGO

A SDO Moçambique encontra-se a recrutar, um (1) Contabilista Sénior para uma Empresa Multinacional que actua no sector de Shipping, em Nacala.

Responsabilidades

  • Capacidade de verificação e selecção de documentação de valor contabilístico;
  • Classificação, lançamentos e registo contabilístico de documentos;
  • Análise de Balancetes e Demonstrações de Resultados;
  • Elaboração de reconciliações bancárias;
  • Reconciliação de contas de fornecedores e clientes;
  • Conferência de contas e preparação de movimentos contabilísticos;
  • Cálculo e apuramento de impostos (IVA, INSS, IRPS, IRPC, Duplas tributações);
  • Preparação e execução de declarações fiscais;
  • Apoio no fecho de contas mensais e anuais;
  • Execução de tarefas administrativas;
  • Liderança e apoio aos restantes elementos da Equipa de Contabilidade.

Requisitos

  • Experiência mínima de cinco (5) anos na função (Carteira profissional é uma mais valia – OCAM);
  • Domínio preferencial do Software “SAP”;
  • Sólidos conhecimentos de Office (Word, Excel, Outlook);
  • Fluência na língua Inglesa;
  • Licenciatura em Contabilidade, Finanças ou Gestão;
  • Residência em Nacala e Beira (preferencial).
Partilha esta Vaga
Comentários fechados em Vaga para Empregada Doméstica (Moz Clean)

Vaga para Empregada Doméstica (Moz Clean)

Colocado por | Abril 21, 2016 | Recrutamento

12417859_925517597526334_5005400370716628392_n

A Moz Clean pretende recrutar para o seu quadro de pessoal, uma (1) Empregada Doméstica.

Requisitos

  • Limpeza e arrumação de casa T3;
  • Assegurar tarefas domésticas (cozinhar, lavar e engomar a roupa);
  • Honesta e de preferência com referências;
  • Educada e de bom senso;
  • Apresentação cuidada;
  • Não fumadora e sem vícios;
  • Idade entre 30 a 50 anos;
  • Ter experiência na área das tarefas domésticas;
  • Com disponibilidade total para pernoitar de 2ª a 6ª feira.

Oferta

  • Oferecemos Remuneração compatível com a função
Partilha esta Vaga
Comentários fechados em Vaga para Profissionais de Limpeza (Moz Clean)

Vaga para Profissionais de Limpeza (Moz Clean)

Colocado por | Abril 21, 2016 | Recrutamento

12417859_925517597526334_5005400370716628392_n

A Moz Clean pretende recrutar para o seu quadro de pessoal, sete (7) Profissionais de Limpeza, para Nampula.

Requisitos

  • Apresentação cuidada;
  • Comunicação assertiva;
  • Dinamismo e pro-actividade;
  • Pontualidade e responsabilidade;
  • Disponibilidade também ao fim-de-semana;
  • Formação profissional em limpeza;
  • Disponibilidade imediata;
  • Idade entre 18 e 30 anos;
  • Espírito de Equipa;
  • Vontade de trabalhar;
  • Nível académico 10ª Classe a 12ª Classe.

Oferta

  • Integração em empresa de sucesso.
Partilha esta Vaga
Comentários fechados em Vaga para Coordenador Provincial (Malaria Consortium)

Vaga para Coordenador Provincial (Malaria Consortium)

Colocado por | Abril 21, 2016 | Recrutamento

Malaria Consortium

Posição: Coordenador Provincial
Reporta a: Directora Nacional
Local: Nampula

Malaria Consortium é uma organização internacional operando em África e na Ásia, assim como a nível global, no controlo de doenças transmissíveis. Malaria Consortium opera em estreita colaboração com o Ministério da Saúde de Moçambique e está envolvida em todos os aspectos do controlo da malária, desde políticas e estratégias de desenvolvimento à implementação e avaliação de actividades. No âmbito do financiamento disponibilizado pelo Fundo Global Ronda 9, para a implementação do projecto Prevenção da Malária, Malária Consortium recebe fundos para apoiar o Ministério da Saúde na implementação do programa nas províncias de Nampula e em Niassa. O objectivo do projecto é de contribuir para a redução da morbilidade e mortalidade por causa da malária nas províncias referidas.

Deste modo, para a implementação do projecto, Malária Consortium pretende contratar um (a) Coordenador Provincial que se baseará em Nampula, com viagens frequentes às províncias de implementação do projecto.

Responsabilidades Chaves

  • Coordenar, planificar e prestar apoio técnico aos diferentes projectos e actividades executados pela MC na província de Nampula;
  • Assegurar o bom funcionamento do escritório de Nampula, garantindo a gestão dos recursos humanos, logística, finanças, em estreita colaboração com os coordenadores dos projectos e a sua equipe de trabalho;
  • Representar a MC nas suas actividades com a Direcção Provincial de Saúde (DPS), parceiros de colaboração e outras instituições sempre que necessário.

Requisitos

Qualificações:

  • Mestrado em Logística, Gestão da Cadeia de Suprimentos, Gestão de Sistemas de Saúde ou disciplinas relacionadas (certificado em gestão de segurança desejável).

Experiencia:

  • Mínimo de sete (7) anos de experiência na gestão de programas, operações e logística para projectos de saúde pública para um INGO;
  • Liderança e pró-activa Comprovada e demonstrada na gestão dos programas, aquisições, gestão da cadeia de suprimentos e gestão de activos com um bom entendimento das políticas dos doadores;
  • Experiência na gestão de diversas equipes num escritório com uma configuração desafiadora e baseada no campo.

Skills:

  • Excelente Inglês falado e escrito;
  • Proficientes em MS Office;
  • Habilidades de liderança e de gestão fortes e decisivas;
  • Capacidade de trabalhar sob pressão e atingir os objectivos em um ambiente desafiador;
  • Fortes habilidades matemáticas e análises;
  • Pró-ativa para abordar problemas e questões que possam surgir;
  • Habilidades Fortes de negociação e de comunicação interpessoal
Partilha esta Vaga
Comentários fechados em Vagas para Guardas (BMM)

Vagas para Guardas (BMM)

Colocado por | Abril 21, 2016 | Candidatura

Bolsa de Mercadorias de Moçambique

Endereço: Bairro da Coop, Rua “E”, nº 13 – Maputo

Email: recrutamento@bmm.co.mz

Validade: 25/04/2016

Locais: Lichinga, Malema, Alto Molócuè e Najua

A Bolsa de Mercadorias de Moçambique (BMM), pretende recrutar para o seu quadro de pessoal, Guardas.

Requisitos

  • Habilitações exigidas: 7ª Classe;
  • Experiência mínima de dois (2) anos;
  • É relevante ter cumprido Serviço Militar Obrigatório;
  • Conhecimento de técnicas de segurança.

Exigências

  • Curriculum Vitae;
  • Carta de Candidatura.
Partilha esta Vaga
Comentários fechados em Vaga para Consultor em Planeamento Urbano (UN-Habitat)

Vaga para Consultor em Planeamento Urbano (UN-Habitat)

Colocado por | Abril 18, 2016 | Candidatura

UN-HABITAT logo

Endereço: Rua Macombe Macossa, 151 – Maputo

Email: fernando.antonio@unhabitat.org

Validade: 25/04/2016

Local: Nacala – Nampula

O Programa das Nações Unidas para os Assentamentos Humanos (UN-Habitat) pretende recrutar para o seu quadro de pessoal, um (1) Consultor em Planeamento Urbano.

Responsabilidades

O Consultor, baseado na UAP-Nampula e com apoio da equipa técnica sediada em Maputo, terás as seguintes tarefas:

  • Apoiar na preparação de workshops;
  • Apoiar na identificação das necessidades de desenvolvimento de capacidade dos parceiros abrangidos pelo projecto ao longo do Corredor de Nacala;
  • Mapear os profissionais existentes do sector público, privado e académico para estabelecimento de uma rede de profissionais;
  • Apoiar a formação e compreensão da liderança local na área do desenvolvimento urbano;
  • Dar suporte técnico na organização de um workshop de mobilização de recursos com envolvimento das lideranças das três cidades, diferentes parceiros incluindo potenciais doadores.

Requisitos

  • Grau mínimo de Licenciatura em Arquitectura, Planeamento Urbano ou áreas afins de estudo, com foco no desenvolvimento estratégico;
  • Alto nível de planeamento e organização pessoal, tomada de decisão, profissionalismo e trabalho em equipa;
  • Pelo menos três (3) anos de experiência trabalhando em planeamento e desenvolvimento urbano no contexto regional, de preferência com conhecimento profundo do contexto moçambicano;
  • Experiência na preparação/ organização de treinamentos/ capacitações;
  • Experiência de trabalho com representantes do nível de instituições como ministérios, universidades governos provincial, distrital bem como autarquias locais;
  • Domínio da língua Portuguesa e um nível avançado da língua Inglesa serão requeridos;
  • Boa capacidade de comunicação e negociações com autoridades governamentais e comunidades locais aos niveis provincial, distrital e municipal;
  • Experiência de trabalho em ambientes multi-culturais;
  • Conhecimentos técnicos e experiência no uso de aplicativos como GIS de nível médio/ avançado, programas de modelagem 3D, CADs, ArcGIS, Adobe Indesign, Adobe Ilustrator e outros.

Exigências

  • Carta de Apresentação;
  • Curriculum Vitae.

Nota: Indicar expectativas quanto à remuneração.

Partilha esta Vaga
Comentários fechados em Vaga para Analista de Monitoria e Avaliação (UNFPA)

Vaga para Analista de Monitoria e Avaliação (UNFPA)

Colocado por | Abril 15, 2016 | Candidatura

UNFPA Logo

Endereço: Av. Julius Nyerere, 1419 –  Maputo

Caixa Postal, 4595 – Maputo

Email: recruitment@unfpa.org.mz

Validade: 28/04/2016

Local: Nampula

O Fundo das Nações Unidas para População (UNFPA), pretende recrutar para o seu quadro de pessoal, um (1) Analista de Monitoria e Avaliação.

Responsabilidades

Em coordenação com o pessoal chave do UNFPA e do projecto, ele/ela irá:

  • Desenhar e implementar o quadro lógico e o plano do projecto, e rever os resultados do quadro lógico do projecto Acção para Raparigas (APR);
  • Analisar e usar a base de dados para a gestão do programa, considerando o conhecimento, escolhas e comportamentos entre adolescentes e jovens nas áreas do programa de intervenção;
  • Assegurar que o sistema Real Time Monitoring RTM do projeto APR gira dados confiáveis e completos;
  • Efectuar visitas de campo para monitorar o desempenho de educadores de pares e supervisores;
  • Fornecer relatórios internos e externos em tempo útil, garantindo que os constrangimentos e oportunidades sobre a colheita e uso de dados são identificados e medidas corretivas são tomadas em tempo útil;
  • Participar em reuniões da equipa de gestão do projeto para reportar sobre o resultado da monitoria;
  • Desempenhar qualquer outra actividade solicitada pelos gestores do programa.

Requisitos

  • Mínimo de qualificação de nível de Mestrado em Saúde Pública, Ciências Sociais, Administração ou áreas afins; excelente capacidade de planeamento, análise, avaliação e gestão;
  • Excelentes habilidades na escrita, comunicação, mediação e facilitação;
  • Literacia em informática e excelente fluência em Português e Inglês;
  • Proficiência em gestão de bases de dados e pacotes estatísticos;
  • Mínimo de cinco (5) anos de experiência comprovada na monitoria e avaliação de projectos;
  • Experiência comprovada em pesquisa operacional;
  • Experiência em gestão de projetos multissectoriais ou programas na área da saúde sexual reprodutiva é uma vantagem.

Exigências

Partilha esta Vaga
Comentários fechados em Vaga para Analista Financeiro e Administrativo (UNFPA)

Vaga para Analista Financeiro e Administrativo (UNFPA)

Colocado por | Abril 15, 2016 | Candidatura

UNFPA Logo

Endereço: Av. Julius Nyerere, 1419 –  Maputo

Caixa Postal, 4595 – Maputo

Email: recruitment@unfpa.org.mz

Validade: 28/04/2016

Local: Nampula

O Fundo das Nações Unidas para População (UNFPA), pretende recrutar para o seu quadro de pessoal, um (1) Analista Financeiro e Administrativo.

Responsabilidades

Em coordenação com o pessoal chave do UNFPA e do projecto, ele/ela irá:

  • Apoiar as equipa provinciais e distritais na elaboração do orçamento anual, incluindo planos de desembolsos e preenchimento de formulários específicos;
  • Apoiar na planificação dos orçamentos anuais e planos de aquisições;
  • Garantir a qualidade e abrangência dos pedidos de desembolso para as agências da ONU;
  • Prestar assistência na obtenção de fundos e sistemas de contabilidade eficazes;
  • Assegurar a liquidação atempada dos adiantamentos;
  • Preparar os dados para relatórios financeiros;
  • Apoiar os escritórios na preparação de processos de contabilidade e prestar aconselhamento sobre seus procedimentos financeiros, com o foco na prestação de contas e transparência;
  • Apoiar o desenvolvimento da capacidade – formação em serviço em contabilidade/ gestão financeira dos fundos do projecto para o pessoal do projecto na província e a nível distrital;
  • Apoiar regularmente os parceiros de implementação na produção atempada de relatórios financeiros e de acordo com os prazos e regras acordadas;
  • Desempenhar qualquer outra actividade solicitada pelos gestores do programa.

Requisitos

  • Mestrado em Administração de Empresas e/ou Finanças ou áreas afins;
  • Cinco (5) anos de experiência comprovada na área de administração ou contabilidade de projectos;
  • Excelente capacidade de planificação, orçamentação e verificação de contas;
  • Excelente fluência em Português e domínio de Inglês;
  • Proficiência em aplicações de software de escritório actuais, incluindo domínio de Word e Excel.

Exigências

Partilha esta Vaga
Comentários fechados em Vaga para Administrador de Projecto (SNV)

Vaga para Administrador de Projecto (SNV)

Colocado por | Abril 13, 2016 | Candidatura

SNV

Website: Link – https://cvselection.net/administrador-de-projeto

Validade: 17/04/2016

Local: Nampula

A SNV, pretende recrutar para o seu quadro de pessoal, um (1) Administrador de Projecto.

Exigências

  • Carta de Motivação;
  • Curriculum Vitae.

Sobre a Empresa

A SNV é uma organização Internacional sem fins lucrativos que trabalha em prol do desenvolvimento das capacidades das organizações locais no sector público, ONGs e sector privado. A SNV está presente em 38 países e as suas acções centram-se nas áreas de Água, Saneamento e Higiene, Energias Renováveis e Negócios Inclusivos. Em Moçambique na área de Água e Saneamento, a SNV desenvolve acções nas áreas Rurais e Per-Urbanas.

Partilha esta Vaga
Comentários fechados em Vaga para Gestor de Projecto (SNV)

Vaga para Gestor de Projecto (SNV)

Colocado por | Abril 13, 2016 | Candidatura

SNV

Website: Link – https://cvselection.net/gestor-de-projecto-cdn

Validade: 15/04/2016

Local: Nampula

A SNV, pretende recrutar para o seu quadro de pessoal, um (1) Gestor de Projecto.

Contexto

  • Como parte do seu programa, a SNV pretende implementar um programa de desenvolvimento rural com o enfoque para a promoção da agricultura e geração de renda ao longo de 10 distritos de Corredor de Nacala nas províncias de Nampula e Niassa.

Exigências

  • Carta de Motivação;
  • Curriculum Vitae.

Sobre a Empresa

A SNV é uma organização Internacional sem fins lucrativos que trabalha em prol do desenvolvimento das capacidades das organizações locais no sector público, ONGs e sector privado. A SNV está presente em 38 países e as suas acções centram-se nas áreas de Água, Saneamento e Higiene, Energias Renováveis e Negócios Inclusivos. Em Moçambique na área de Água e Saneamento, a SNV desenvolve acções nas áreas Rurais e Per-Urbanas.

Partilha esta Vaga
Comentários fechados em Vaga para Especialista em Comunicações (WEI/USAID)

Vaga para Especialista em Comunicações (WEI/USAID)

Colocado por | Abril 5, 2016 | Candidatura

WEI-USAID

Email: worldedapal@gmail.com

Validade: 10/04/2016

Local: Zambézia e Nampula

A WEI/USAID em Moçambique, pretende recrutar, um (1) Especialista em Comunicações.

Contextualização do Projecto e Organizações

  • Aprender A Ler é um projecto de financiado pela USAID, com objectivo de apoiar na melhoria das habilidades de leitura dos alunos da 1.ª, 2.ª e 3.ª classes, particularmente nas províncias de Zambézia e Nampula.

Responsabilidades

  • Trabalhar com a equipe de USAID/ApaL e suas escolas relevantes, comunidades e beneficiários para produzir conteúdo de comunicações eficazes com a ideia de promover o trabalho e sucessos do programa USAID/ApaL. Isso pode incluir, mas não está limitado com o levantamento de informações para histórias de sucesso, relatórios, e organização e recolha de conteúdo de mídia de todos os funcionários em Nampula e Zambézia, e gestão da produção de material novo;
  • O Especialista estará disposto a visibilidade das actividades de implementação do programa.

Requisitos

  • Licenciatura em uma área relevante;
  • Mínimo de cinco (5) anos de experiência de trabalho na área de Comunicações;
  • Demonstrar conhecimento e experiências relacionadas com a recolha de informação e organização para publicação em vários meios, como rádio, jornais, sites, etc. Uma grande parte deste trabalho contará com a criatividade do candidato e terá de ser auto-motivado;
  • Experiência de trabalho com as organizações internacionais e/ou USAID altamente preferido.

Duração do Trabalho

  • O candidato será esperado para iniciar o mais rapidamente possível. World Education Inc. gostaria de contrata-lo pra esta posição até o final de Novembro de 2016.

Resultados/ Tarefas esperados para completar

  • Identificar e priorizar audiências externas para criar espaços de diálogo, e/ou participar de conversas que ocorrem na mídia tradicional e mídia electrónica relevantes, através do projecto;
  • Avisar o pessoal do projecto em Moçambique na consistência de comunicação e linguagem quando eles estão a escrever e falar sobre o projecto para audiências externas;
  • Colabore com a sede da World Education para produzir conteúdo para histórias de sucesso e relatórios.

Exigências

  • Curriculum Vitae;
  • Uma amostra do seu trabalho na área de Comunicações.
Partilha esta Vaga
Comentários fechados em Vaga para Operador de Empilhador (NETT Moçambique)

Vaga para Operador de Empilhador (NETT Moçambique)

Colocado por | Abril 1, 2016 | Recrutamento

Logo nett-mz Anuncios

A NETT Moçambique, Lda. está a recrutar para empresa cliente do sector industrial alimentar, de referência Nacional e Internacional, e no seguimento da sua estratégia de expansão pretende reforçar a sua equipa com o recrutamento de um (a) Operador (a) de Empilhador, para Nacala.

Responsabilidades

  • Transporte e armazenamento de produtos em locais de armazenamento. Eficientemente empilhar e armazenar os produtos em áreas apropriadas;
  • Garantir que a colocação de produtos é precisa e livre de danos,
  • Denunciar desvios de qualidade;
  • Mover de forma eficiente o produto para áreas de armazenamento em vagões e reboques. Carregar, descarregar, mover, empilhar e produto e materiais usando uma empilhadeira, braçadeira, camião ou outro equipamento.
  • Manter os equipamentos da instalação e materiais de forma organizada, limpa e ordenada. Fiscalizar e executar a manutenção diária da empilhadeira ou outro equipamento;
  • Manter registos e relatórios para garantir que o controlo de stock e de segurança são mantidos. Auxiliar na manutenção da segurança do armazém. Promover e aplicar as regras de segurança e higiene em vigor;
  • Realizar ou auxiliar na construção e manutenção de equipamentos, conforme necessário;
  • Assegurar o cumprimento dos procedimentos do Sistema Integrado de Gestão da sua responsabilidade.

Requisitos

  • Qualificações académicas ao nível do ensino secundário;
  • Três (3) anos de experiência na função;
  • Carta de condução válida (obrigatório);
  • Certificação profissional de Operador de Empilhador (preferencial);
  • Conhecimentos elementares da língua inglesa (preferencial);
  • Elevado sentido de responsabilidade;
  • Elevado nível de comprometimento com regras de segurança;
  • Residir em Nacala.
Partilha esta Vaga
Comentários fechados em Vaga para Operador Báscula (NETT Moçambique)

Vaga para Operador Báscula (NETT Moçambique)

Colocado por | Abril 1, 2016 | Recrutamento

Logo nett-mz Anuncios

A NETT Moçambique, Lda. está a recrutar para empresa cliente do sector industrial alimentar, de referência Nacional e Internacional, e no seguimento da sua estratégia de expansão pretende reforçar a sua equipa com o recrutamento de um (a) Operador (a) Báscula, para Nacala. 

Responsabilidades

  • Efectuar o controlo de acessos: de mercadorias (produtos), dos veículos e reboques, das pessoas cadastradas e autorizadas (transportadores);
  • Recepcionar, controlar, pesar, conferir, entregar as cargas em armazéns, silos, depósitos e/ou terminais estabelecidos para o efeito;
  • Validar e conferir o suporte documental referente à carga e respectiva pesagem;
  • Garantir o registo de dados e emissão de documentos de entrada e saída das mercadorias, veículos e pessoas;
  • Garantir a segurança da informação relacionada com a carga/mercadoria;
  • Verificar o conteúdo dos depósitos em movimento e modo de acomodação da mercadoria;
  • Organizar e controlar os arquivos necessários para o efeito;
  • Assegurar o cumprimento dos procedimentos do Sistema Integrado de Gestão da sua responsabilidade.

Requisitos

  • Habilitações académicas ao nível do ensino Técnico Médio;
  • Experiência mínima de três (3) anos na mesma função;
  • Conhecimentos de Inglês (preferencial);
  • Conhecimentos de informática na óptica de utilizador;
  • Elevada expressão verbal e escrita;
  • Elevado sentido de rigor, responsabilidade e organização.
Partilha esta Vaga
Comentários fechados em Vaga para Chefe de Turno (NETT Moçambique)

Vaga para Chefe de Turno (NETT Moçambique)

Colocado por | Abril 1, 2016 | Recrutamento

Logo nett-mz Anuncios

A NETT Moçambique, Lda. está a recrutar para empresa cliente do sector industrial alimentar, de referência Nacional e Internacional, e no seguimento da sua estratégia de expansão pretende reforçar a sua equipa com o recrutamento de um (a) Chefe de Turno, para Nacala. 

Responsabilidades

  • Assegurar a gestão da equipa ao nível da formação, gestão disciplinar, assiduidade, avaliação de desempenho, escalas de trabalho e cumprimento de práticas de higiene, segurança e saúde no trabalho;
  • Garantir os padrões de qualidade de produção estabelecidos pelo laboratório;
  • Assegurar a produção continua através da manutenção dos stocks de matéria-prima e equipamentos;
  • Assegurar a limpeza e higiene da unidade de produção e sua responsabilidade
  • Garantir implementação de procedimentos e práticas de segurança alimentar;
  • Monitorar e controlar indicadores de produção diariamente;
  • Garantir comunicação interdepartamental sempre que necessário;
  • Assegurar o cumprimento dos procedimentos do Sistema Integrado de Gestão da sua responsabilidade.

Requisitos 

  • Habilitações Académicas ao nível do Ensino Técnico Profissional (Obrigatório);
  • Experiencia mínima de quatro (4) anos em contexto fabril (Obrigatório);
  • Conhecimentos de processos e equipamentos de produção alimentar;
  • Conhecimentos de manutenção industrial;
  • Conhecimentos de higiene, segurança e saúde no trabalho;
  • Proficiência escrita e verbal em Português e Inglês (preferencial);
  • Elevadas capacidades de comunicação e relações interpessoais;
  • Elevada capacidade de organização e planeamento;
  • Capacidade de liderança;
  • Forte espírito de equipa.
Partilha esta Vaga
Comentários fechados em Vaga para Fiel de Armazém (NETT Moçambique)

Vaga para Fiel de Armazém (NETT Moçambique)

Colocado por | Abril 1, 2016 | Recrutamento

Logo nett-mz Anuncios

A NETT Moçambique, Lda. está a recrutar para empresa cliente do sector industrial alimentar, de referência Nacional e Internacional, e no seguimento da sua estratégia de expansão pretende reforçar a sua equipa com o recrutamento de um (a) Fiel de Armazém, para Nacala.

Responsabilidades

  • Assistir e controlar as operações de carga de produto de acordo com as guias de remessa;
  • Prestar apoio administrativo na gestão de armazém (métodos FIFO, LIFO e arrumação);
  • Efectuar o registo das operações relativamente à contagem, condições de embarque das mercadorias, eventuais alterações e acondicionamento;
  • Assegurar o cumprimento dos procedimentos do Sistema Integrado de Gestão da sua responsabilidade.

Requisitos

  • Habilitações académicas ao nível do ensino obrigatório (obrigatório);
  • Experiência prévia em funções semelhantes;
  • Conhecimentos de Inglês (factor preferencial);
  • Conhecimentos de informática na óptica de utilizador frequente;
  • Conhecimentos de ERP Primavera (obrigatório);
  • Elevada expressão verbal e escrita;
  • Elevado sentido de rigor, responsabilidade e organização.
Partilha esta Vaga
Heading logo

A Heading Moçambique encontra-se a seleccionar para um cliente, um (1) Fiel de Armazém (M/F), com base em Nacala.

Responsabilidades

  • Responsável por assistir e controlar as operações de carga de produto de acordo com as guias de remessa, prestar apoio administrativo na gestão de armazém (métodos FIFO, LIFO e arrumação), bem como, efectuar o registo das operações relativamente à contagem, condições de embarque das mercadorias, eventuais alterações e acondicionamento.

Perfil

  • Ensino Médio completo;
  • Experiência prévia em funções semelhantes;
  • Conhecimentos de Inglês (preferencial);
  • Conhecimentos de informática na óptica de utilizador;
  • Conhecimentos de ERP Primavera.
Partilha esta Vaga
Comentários fechados em Vaga para Operador de Báscula (Heading)

Vaga para Operador de Báscula (Heading)

Colocado por | Abril 1, 2016 | Recrutamento

Heading logo

A Heading Moçambique encontra-se a seleccionar para um cliente, um (1) Operador de Báscula (M/F), com base em Nacala.

Responsabilidades

  • Responsável pelo controlo, verificação e movimentação de entradas e saídas de mercadorias e respectivo suporte documental das mesmas.

Perfil

  • Ensino Médio Técnico completo;
  • Experiência mínima de três (3) anos na mesma função;
  • Conhecimentos de Inglês (preferencial);
  • Conhecimentos de informática na óptica de utilizador.
Partilha esta Vaga
Comentários fechados em Vaga para Chefe de Turno (Heading)

Vaga para Chefe de Turno (Heading)

Colocado por | Abril 1, 2016 | Recrutamento

Heading logo

A Heading Moçambique encontra-se a seleccionar para um cliente, um (1) Chefe de Turno (M/F), com base em Nacala.

Responsabilidades

  • Responsável por assegurar a gestão de equipa em termos de: formação, disciplina, controle de assiduidade, avaliação de desempenho, escalas de trabalho e no cumprimento de normas de higiene, segurança e saúde no trabalho;
  • Terá também a responsabilidade de garantir os padrões de qualidade de produção e a sua continuidade através da manutenção dos stocks de matéria-prima e equipamentos.

Perfil

  • Nível Médio Técnico completo;
  • Experiência mínima de quatro (4) anos em contexto fabril;
  • Conhecimentos de processos e equipamentos de produção alimentar;
  • Conhecimentos de manutenção industrial;
  • Conhecimentos de higiene, segurança e saúde no trabalho;
  • Proficiência escrita e verbal em Português e Inglês (preferencial).
Partilha esta Vaga
Comentários fechados em Vaga para Operador de Empilhadora (Heading)

Vaga para Operador de Empilhadora (Heading)

Colocado por | Abril 1, 2016 | Recrutamento

Heading logo

A Heading Moçambique encontra-se a seleccionar para um cliente, um (1) Operador de Empilhadora (M/F), com base em Nacala.

Responsabilidades

  • Responsável pelo transporte e armazenamento de produtos em locais de armazenamento de forma eficientemente, garantir que a colocação de produtos é precisa e livre de danos, realizar as actividades de forma eficiente, de forma a garantir os padrões do cliente, manter os equipamentos da instalação e materiais de forma organizada, limpa e ordenada, fiscalizar e executar a manutenção diária da empilhadora ou outro equipamento, utilizar todos os equipamentos de uma maneira segura e eficiente seguindo métodos de trabalho prescritos.

Perfil

  • Ensino Médio geral completo;
  • Experiência mínima de três (3) anos na função;
  • Carta de condução válida;
  • Certificação profissional de Operador de Empilhadora (preferencial);
  • Conhecimentos elementares da língua Inglesa;
  • Elevado nível de comprometimento com regras de segurança.
Partilha esta Vaga
Comentários fechados em Vaga para Oficial de Comunicação/ Monitoria e Avaliação (NCBA CLUSA)

Vaga para Oficial de Comunicação/ Monitoria e Avaliação (NCBA CLUSA)

Colocado por | Março 30, 2016 | Candidatura

National Cooperative Business Association - NCBACLUSA

Endereço: Av. Eduardo Mondlane, 326, Porta 314 – Nampula

Tel: 26 215826

Cel: 82 3112620

Email: clusaHR@ncbaclusamoz.org

Validade: 31/03/2016

Local: Nampula

Duração: 3 anos

A Liga das Cooperativas dos Estados Unidos (NCBA CLUSA) pretende recrutar para o seu quadro de pessoal, um (1) Oficial de Comunicação/ Monitoria e Avaliação.

Responsabilidades

  • Reportando a Gestora de Projecto, será responsável pela componente de comunicação/ monitoria e avaliação das actividades do projecto consoante as metas definidas;
  • Com base nas análises estatísticas dos dados do projecto e utilizando princípios estatísticos, deverá desenvolver instrumentos de recolha de informação, avaliar o desempenho das actividades do projecto com base nos indicadores do mesmo, devendo também ter capacidade de desenvolver material de disseminação de informação tais como programas radiofónicos, jornais e escrever pequenos artigos sobre as actividades do projecto.

Requisitos

  • Ensino Médio ou Superior em Estatística, Matemática e Comunicação ou áreas afins;
  • Ter capacidade de analisar e gerir uma base de dados;
  • Interpretar os dados de forma que ajude a tirar conclusões sobre a efectividade das intervenções;
  • Excelente capacidade de comunicação, escrita e oral, em Português e falar a língua local;
  • Experiência em gestão de redes sócio-profissionais;
  • Experiência de trabalho comunitário ou associativo será uma vantagem.

Benefícios

  • Oferece-se salário competitivo de acordo com as funções a desempenhar.

Exigências

  • Carta de Manifestação de Interesse;
  • Curriculum Vitae.

Sobre a Empresa

A Liga das Cooperativas dos Estados Unidos (NCBACLUSA), Organização não-governamental, trabalha em Moçambique nas áreas agrícolas de desenvolvimento de organizações de produtos, melhoramento de produção e ligações com mercado nas regiões centro e norte desde 1995.

Partilha esta Vaga
Comentários fechados em Vaga para Consultor de Segurança (WEI/USAID)

Vaga para Consultor de Segurança (WEI/USAID)

Colocado por | Março 29, 2016 | Candidatura

WEI-USAID

Email: worldedapal@gmail.com

Validade: 01/04/2016

Local: Zambézia e Nampula

A WEI/USAID em Moçambique, pretende recrutar, um (1) Consultor de Segurança.

Contextualização do Projecto e Organizações

  • Aprender A Ler é um projecto de financiado pela USAID, com objectivo de apoiar na melhoria das habilidades de leitura dos alunos da 1.ª, 2.ª e 3.ª classes, particularmente nas províncias de Zambézia e Nampula.

Responsabilidades

  • Desenvolver um protocolo actualizado para onde a USAID/ApaL está a implementar suas actividades do programa;
  • O Consultor será responsável por identificar as fontes mais relevantes de informação e avisar o pessoal do programa, o que podem fazer para permanecer vigilantes no caso de qualquer agitação em todos distritos das províncias de Nampula e Zambézia;
  • Além disso, o Consultor vai desenvolver uma política de comunicação e protocolo para abordar as preocupações do pessoal de segurança.

Requisitos

  • Licenciatura em uma área relevante;
  • Mínimo de cinco (5) anos de experiência de trabalho na área de Segurança;
  • Demonstrar conhecimentos e experiências relacionadas com a realização de avaliações de segurança e desenvolvimento de planos de acção;
  • Experiência de trabalho com as organizações internacionais e/ou USAID altamente preferido.

Duração da Consultoria

  • A Consultoria é estimada para aproximadamente 7 dias e vai começar o mais cedo possível, dependendo da disponibilidade do candidato/a.

Resultados/ Produtos a serem entregues

  • A lista completa de recursos em Moçambique a ser consultada em caso de emergências;
  • Um protocolo oficial para os membros da equipa USAID/ApaL a seguir para permanecer seguro, onde as actividades do programa acontecem, conteúdos a serem incluídos serão finalizados em colaboração com USAID/ApaL;
  • Uma política de viagens contextualizada para cada um dos 14 distritos onde o programa está a ser implementado.

Exigências

  • Curriculum Vitae;
  • Carta de Candidatura.
Partilha esta Vaga
Comentários fechados em Vagas para Oficiais Técnicos de Imunização de Rotina (USAID)

Vagas para Oficiais Técnicos de Imunização de Rotina (USAID)

Colocado por | Março 17, 2016 | Candidatura

USAID logo

Email: MCSPMozHR@jsi.com

Validade: 25/03/2016

Local: Nampula

A USAID Moçambique pretende recrutar para o seu quadro de pessoal, quatro (4) Oficiais Técnicos (OTs) de Imunização de Rotina.

Contextualização

  • A JSI está a recrutar OTs de Imunização de Rotina para o MCSP em Nampula. Os OTs trabalharão com a equipa técnica do escritório provincial MCSP em Nampula e equipa do programa, assim como com o Conselheiro de Saúde Infantil e Assessor de Imunização, baseado em  Maputo para coordenar  a implementação de um pacote integrado de serviço à nível distrital e das instalações. Sob a direcção do Líder Provincial de Saúde Infantil e Imunização, os OTs trabalharão numa base rotineira com a equipa técnica do MCSP à nível Provincial e Central. Os OTs irão prestar suporte e assistência técnica ás equipas distritais de saúde e ao seu pessoal. Prevê-se que estes cargos envolvam aproximadamente 50% tempo de viagem/trabalho aos distritos.

Responsabilidades

  • Em coordenação com outras actividades do MCSP, fortalecer as actividades de imunização do MISAU a nível distrital e das unidades sanitárias;
  • Prover apoio técnico as actividades do projecto em abordagens de fortalecimento à nível distrital e comunitário tais como RED/REC, incluindo suporte ao mapeamento, microplaneamento, alcance e serviços de imunização;
  • Assegurar envolvimento comunitário como parte da componente RED e trabalhar com os colegas de comunidade do MCSP a nível provincial;
  • Fortalecer capacidades locais usando técnicas de treinamento comprovadas e metodologias de melhoramento da qualidade;
  • Coordenar com o programa do MCSP, equipas financeira e administrativa para assegurar a disponibilidade de recursos matérias e logísticos para implementar as actividades definidas nos plano mensais e trimestrais;
  • Contribuir para o reporte preciso, atempado e apropriado das actividades do programa, indicadores e resultados;
  • Ajudar a criar uma cultura de compliance na administração financeira dos fundos da USAID.

Requisitos

  • Enfermeiro Licenciado ou Técnico de Medicina Preventiva;
  • Mínimo de cinco (5) anos de experiência profissional na implementação de programas de fortalecimento de imunização de programas de fortalecimento de imunização de rotina, incluindo planeamento e gestão de logística;
  • Conhecimento das principais politicas e estratégias nacionais em relação ao RED/REC em Moçambique;
  • Experiência no reforço das capacidades incluindo a formação (a educação entre partes de enfermeiros) e visitas de assistência técnica /supervisão;
  • Compromisso pessoal e profissional com a igualdade de género

Nota: No assunto/ subject do email: “Oficiais da Equipa Técnica de Imunização de Rotina”

Exigências

  • Curriculum Vitae;
  • Carta de Manifestação de Interesse;
  • Três (3) Referências.

Sobre a Empresa

A USAID é uma agência empregadora, que oferece igual oportunidade de emprego/acção afirmativa e não discrimina com base no estado de HIV/SIDA.

Partilha esta Vaga
Mega Banner