Advertisements

Email: nwetiorg@gmail.com

Validade: 30/05/2017

Local: Maputo

A N’weti – Comunicação para Saúde pretende recrutar para o quadro de pessoal um (1) Contabilista – Ref. da Vaga Nº RH/C/Maputo/2017.

Objectivo da Função

  • Realizar actividades de contabilidade geral, assegurando que todos os relatórios e registos sejam feitos de acordo com os princípios, normas contabilísticos e a legislação pertinente dentro dos prazos, das directrizes e dos procedimentos estabelecidos pela política da N’weti.

Requisitos

  • Curso Médio de Contabilidade;
  • Experiência de trabalho nas ONGs de pelo menos três (3) anos;
  • Conhecimento da legislação fiscal;
  • Conhecimento de informática na óptica do utilizador (Word, Excel e Outlook);
  • Conhecimento da língua Portuguesa e Inglesa falada e escrita;
  • Pró-activo, com capacidade a trabalhar com o mínimo de supervisão;
  • Boa capacidade de relacionamento interpessoal e de trabalho em equipa culturalmente diversa;
  • Experiência de trabalhos com fundos do Governo Americano é uma vantagem.

Exigências

  • Carta de Candidatura;
  • Curriculum Vitae, com indicação da Ref. da Vaga.
Advertisements

Email: adm@wlsa.org.mz

Tel: 21 415 811

Cel: 82 385 8100

Validade: 02/06/2017

Locais: Maputo Cidade, Maputo Província, Gaza, Manica, Sofala, Tete, Zambézia e Niassa

WLSA Moçambique em parceria com a FHI360 pretende recrutar para o seu quadro de pessoal oito (8) Profissionais de Pontos Focais.

Responsabilidades

  • Coordenar as actividades da WLSA/FHI360 ao nível local;
  • Monitorar as actividades previstas no plano de acção;
  • Contribuir para a harmonização e operacionalização dos planos de advocacia dos parceiros;
  • Trabalhar para o desenvolvimento de um directório de serviços de VGB;
  • Coordenar e reportar regularmente a WLSA as actividades realizadas e constrangimentos que possam eventualmente ocorrer no decurso da implementação.

Requisitos

  • Ter Licenciatura em Ciências Sociais ou áreas afins;
  • Falar Português fluentemente;
  • Preferência para quem falar a língua local maioritária na província de trabalho;
  • Residir no local onde ficará sediada a acção;
  • Ter capacidade de trabalho em grupo, dinamismo e sentido de responsabilidade;
  • Ser sensível e reconhecer a importância de uma abordagem de direitos humanos e igualdade de género;
  • Experiência de trabalho no combate à Violência Baseada no Género (VGB), HIV/SIDA e direitos humanos;
  • Habilidades comprovadas de comunicação;
  • Trabalho a tempo inteiro;
  • Sensibilidade para as diferenças culturais e compreensão das questões éticas que envolvem os direitos humanos e VBG entre as populações-chave em Moçambique.

Exigências

  • Carta de Candidatura;
  • Curriculum Vitae;
  • Termos de Referência.

Email: recursoshumanos@ccsaude.org.mz

Validade: 01/06/2017

Local: Maputo

O Centro de Colaboração em Saúde (CCS) pretende recrutar para o seu quadro pessoal um (1) Oficial de Logística.

Requisitos

  • Licenciatura em Administração Pública, Gestão de Empresas ou áreas afins;
  • Experiência mínima quatro (4) anos em compras e gestão da cadeia de fornecimento;
  • Proficiência em Microsoft Office na óptica do utilizador;
  • Fluência verbal e escrita em Português e conhecimentos de Inglês;
  • Capacidade para trabalhar com autonomia e responsabilidade;
  • Habilidades de comunicação, coordenação e trabalho em equipa;
  • Habilidade para realizar múltiplas tarefas e gerir situações de pressão.

Exigências

  • Curriculum Vitae;
  • Cópias de Certificados de Habilitações Literárias;
  • Três (3) Referências Profissionais.

Nota: Indicar no assunto: “Oficial de Logística”

Email: recursoshumanos@ccsaude.org.mz

Validade: 01/06/2017

Local: Maputo

O Centro de Colaboração em Saúde (CCS) pretende recrutar para o seu quadro pessoal um (1) Gestor Sénior de Administração.

Requisitos

  • Licenciatura em Administração Pública, Gestão de Empresas ou áreas afins;
  • Experiência mínima cinco (5) anos na área de administração;
  • Proficiência em Microsoft Office na óptica do utilizador;
  • Fluência verbal e escrita em Português e Inglês;
  • Habilidades de comunicação, coordenação e trabalho em equipa;
  • Capacidade para trabalhar com autonomia e responsabilidade;
  • Habilidade para realizar múltiplas tarefas e gerir situações de pressão;
  • Disponibilidade para viajar para as províncias.

Exigências

  • Curriculum Vitae;
  • Cópias de Certificados de Habilitações Literárias;
  • Três (3) Referências Profissionais.

Nota: Indicar no assunto: “Gestor Sénior de Administração”

Email: icaphr@columbia.org.mz

Validade: 05/06/2017

 Local: Maputo

O ICAP-Moçambique pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Assessor de Melhoria de Qualidade (MQ).

Objectivo

  • O Assessor  de Melhoria de Qualidade irá apoiar a implementação da Directriz Nacional de Melhoria e Qualidade para HIV, Tutoria Clínica, SMS, e outros projectos de MQ programáticos (premiações, etc) nas províncias de Nampula e Zambézia.

Responsabilidades

  • Servir como ponto focal para projectos de melhoria de qualidade, baixa supervisão do Gestor da Unidade de Implementação do ICAP;
  • Apoiar às equipas provinciais de Melhoria de Qualidade na organização das tarefas;
  • Apoiar a implementação das iniciativas da MQ nas províncias apoiadas pelo ICAP;
  • Apoiar o seguimento dos planos de acção elaborados nas US;
  • Apoiar a tutoria clínica, incluindo formação de tutores e utilização dos instrumentos (fichas de verificação de competências e sua respectiva base de dados);
  • Treinar a equipa clínica da ICAP em métodos de melhoria de qualidade incluindo recolha de dados, construção dos indicadores, interpretação dos resultados e elaboração de projectos de intervenção;
  • Acompanhar a implementação das estratégias de melhoria de qualidade do Ministério da Saúde e CDC através da participação em reuniões provinciais do grupo técnico de MQ, do apoio a discussão sobre o processo de implementação, análise de dados e resultados alcançados pelas unidades sanitárias apoiadas por ICAP;
  • Reunir e discutir regularmente a evolução dos projectos com o seu supervisor assim como a monitoria mensal das actividades de melhoria de qualidade provinciais assinaladas no plano programático;
  • Identificar os recursos necessários para as actividades;
  • Participar em encontros regulares com as equipas de Monitoria e Avaliação e equipas clínicas para coordenar actividades que promovam qualidade dos dados do sistema electrónico de seguimento de pacientes e a sua aplicação para melhoria dos serviços clínicos.

Requisitos

  • Possuir Licenciatura em Medicina;
  • Mínimo de cinco (5) anos de experiência clínica a trabalhar em países com recursos limitados;
  • Experiência com o desenho e implementação de estratégias de melhoria no contexto clínico;
  • Disponibilidade para viajar 50% do tempo às províncias e distritos;
  • Português e Inglês fluentes e boa capacidade de comunicar oralmente e por escrito.

Exigências

  • Carta de Candidatura;
  • Curriculum Vitae;
  • Cópias de Certificados de Habilitações Literárias;
  • No mínimo duas (2) cópias de Cartas de Referência dos Empregos Anteriores.

Sobre a Empresa

A líder mundial de saúde, ICAP tem trabalhado desde 2004 com um objectivo central de melhorar a saúde das famílias e comunidades. Trabalhando lado a lado com os indivíduos em todos os níveis do sistema de saúde, desde pacientes a prestadores de cuidados de saúde  de centros de saúde do governo, ICAP é dedicada a oferecer iniciativas de fortalecimento desempenho do sistema de saúde de qualidade e acessível.

Endereço: Rua da Frente de Libertação de Moçambique, nº 240, Bairro da Sommerschield – Maputo

Email: maputo@unesco.org

Validade: 31/05/2017

Local: Maputo

A Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO) pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Consultor Nacional sobre Capacidades para Melhorar os Dados de Educação.

Contexto

  • Neste contexto, a UNESCO procura um Especialista Nacional Moçambicano, dinâmico e experiente no campo da Estatística ou Matemática que esteja familiarizado com a recolha de dados nacionais de educação, produção e análise de estatísticas e indicadores da educação, com uma boa compreensão das questões e tendências actuais na educação e com um excelente conhecimento (oral e escrito) em Inglês e Português.

Responsabilidades

O candidato seleccionado trabalhará sob a autoridade do Representante da UNESCO e sob a supervisão técnica da Equipa do UIS e em estreita colaboração com os Oficiais Nacionais de Programas para a Educação responsáveis pela implementação deste programa. Ele/ela irá:

  • Prestar apoio técnico e logístico na planificação e implementação das intervenções da UNESCO sobre as capacidades nacionais para melhorar os dados e o acompanhamento da educação;
  • Prestar apoio técnico à Equipe Técnica Nacional e solicitar orientação do UIS sempre que necessário;
  • Assegurar a organização do trabalho das equipas técnicas nacionais estabelecidas e preparar os documentos e relatórios necessários para informar sobre os progressos e os desafios na implementação do programa;
  • Contribuir e prestar apoio na elaboração do relatório que conduza à formulação da Estratégia Nacional para o Desenvolvimento da Estatística da Educação.

Requisitos

As qualificações e competências mínimas exigidas são:

  • Diploma Universitário de Pós-Graduação (Mestrado ou equivalente) em Estatística ou Matemática, de preferência com experiência profissional reconhecida em estatísticas sociais e sistemas estatísticos nacionais;
  • Estar familiarizado/a com a recolha de dados nacionais da educação e com a produção e análise de estatísticas e indicadores da educação;
  • Excelente compreensão das questões e tendências nacionais e globais actuais em educação;
  • Excelente conhecimento (oral e escrito) em Inglês e Português.

Exigências

  • Carta de Candidatura;
  • Curriculum Vitae;
  • Termos de Referência da Consultoria.

Nota: Indicar o título da consultoria no envelope ou no assunto do correio electrónico.

Email: cmallari@sri-executive.com

Validade: 31/05/2017

Local: Maputo

SRI Executive Search nomeado pela Elizabeth Glaser Pediatric AIDS Foudation (EGPAF) pretende recrutar um (1) Director Nacional.

Contexto

  • O Director Nacional, Moçambique, irá promover  a missão da Elizabeth Glaser Pediatric AIDS Foudation através do seu plano estratégico global, ao liderar e gerir o Programa de Estratégia Nacional de Moçambique e a equipa, bem como a entrega e expansão eficaz e eficiente de projectos e serviços apoiados pela Fundação em colaboração com o governo local, doadores e outros interessados em Moçambique. Alocado em Maputo, o Director Nacional irá liderar e facilitar o desenvolvimento, revisão e implementação dos Planos de Estratégia e Negócios, para garantir que o Programa de Moçambique se mantenha estrategicamente focado, viável e competitivo. Actuando na equipa de Liderança Mundial da EGPAF, o Director Nacional irá colaborar com unidades de apoio mundiais para garantir que estes objectivos sejam alcançados.

Requisitos

Educação:

  • O candidato ideal tem um Bacharelato ou um curso Superior (MD, MPH, MBA, MSc, MA).

Experiência Relevante:

  • Oito (8) anos ou mais de experiência bem-sucedida gerindo programas de múltiplos sectores complexos em um ambiente africano, preferível experiência em Moçambique;
  • Pelo menos cinco (5) anos de experiência comprovada gerindo subsídios governamentais dos EUA e/ou acordos de cooperação;
  • Experiências com outros doadores internacionais é uma vantagem;
  • Ter pelo menos cinco (5) anos de experiência comprovada na liderança e gestão pessoal, incluindo recrutamento, desenvolvimento de pessoal, treinamento, orientação e avaliação de desempenho;
  • Experiência demonstrada na prestação de serviços de saúde pública, preferencialmente gestão de programas/ projectos de HIV/SIDA;
  • Demonstrar liderança madura com uma forte capacidade para desenvolver equipas e influenciar o desenvolvimento de uma cultura baseada em desempenho coesivo;
  • Consciência política com capacidade de criar e construir redes de relacionamentos sustentáveis de trabalho com funcionários governamentais, doadores, parceiros de projecto, etc;
  • Experiência demonstrada em gestão financeira, incluindo a preparação e gestão de orçamentos e contratos, bem como a gestão de actividades bancárias e de relacionamentos, incluindo a adesão aos procedimentos de aquisição;
  • Experiência comprovada na criação de redes de relacionamento, relações públicas, comunicações, advocacia e desenvolvimento de novos negócios;
  • É necessário viajar nacionalmente e internacionalmente (até 30% do tempo).

Exigências

  • Curriculum Vitae;
  • Carta de Motivação em formato Microsoft Word;
  • Documentação relevante.

Email: apn.vagas@gmail.com

Validade: 31/05/2017

Local: Maputo

A Ajuda Popular da Noruega (APN) pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Gestor Financeiro.

Resumo

  • Está é uma função sénior que que exige uma pessoa madura, profissional de alta integridade. O Gestor Financeiro (GF) desempenhará um papel fundamental na elaboração e gestão do orçamento dos projectos e programas de acordo com as exigências dos doadores, gestão de subvenções, relatórios financeiros, auditoria dos programas, implementação dos regulamentos financeiros, supervisão do pessoal das finanças, visitas de monitoria financeira, avaliação da capacidade financeira dos parceiros, treinamento. O Gestor Financeiro responde perante o Director Regional e Gestor do Programa e faz parte da equipa de gestão da APN Moçambique como membro do conselho de direcção.

Responsabilidades

  • Responsabilidade geral da gestão financeira da APN Moçambique, incluindo actividades de contabilidade, auditoria e monitoria;
  • Facilitar e coordenar as auditorias internas e externas no país e dar seguimento às recomendações;
  • Responsável pela garantia de qualidade de controle contabilístico e financeiro de acordo com as políticas, regras e regulamentos da APN (Manual Financeiro) e legislação nacional relevante;
  • Responsável pelos processos de orçamentação e previsão, acompanhamento e elaboração de relatórios;
  • Preparar o orçamento mensal em funções dos relatórios efectivos para os gestores de programas numa base pontual para um seguimento orçamental prudente;
  • Desenvolver competências e capacidades no âmbito das finanças, tanto para o pessoal local como para os parceiros;
  • Em cooperação com os gestores de programas e o director regional, assegurar que os prazos e exigências dos doadores em todos os programas sejam na íntegra cumpridos, assegurar que os relatórios financeiros dos doadores sejam elaborados de acordo com as obrigações contratuais;
  • Capacitação do pessoal do programa na gestão e monitoramento das finanças;
  • Gestor de linha para o pessoal de finanças;
  • Responsável por relatórios mensais, trimestrais e anuais para o Oficial Chefe de Contabilidade na sede da APN em OSLO;
  • Manter a integridade do balanço garantindo a pronta preparação da reconciliação do balanço garantindo a pronta preparação da reconciliação do balanço de fim do mês (TBR);
  • Manter o fluxo de caixa e garantir que há dinheiro suficiente no país para actividades/ operações;
  • Realizar visitas de campo regulares e assegurar controlos internos adequados;
  • Responsável pelo acompanhamento de casos de corrupção de acordo com a Política e Directrizes Anti-Corrupção da APN;
  • Implementar a aprendizagem e procedimentos na organização para prevenir casos de corrupção;
  • Responsável pelo estabelecimento, implementação e/ou desenvolvimento de políticas e procedimentos locais para a gestão de riscos;
  • Esforça-se para melhorar a colaboração entre Finanças e Operação/ Programas (DP e HD);
  • Monitoria e Controlo Orçamental, despesas e auditorias dos parceiros de APN;
  • Auxiliar na avaliação de capacidade financeira e revisão dos sistemas financeiros e orçamentos dos parceiros de APN.

Requisitos

  • Bacharel em Contabilidade, Finanças ou campo relacionado ou experiência de trabalho equivalente;
  • Qualificações em Contabilidade como ACCA, CPA, etc;
  • Proficiência escrita e verbal em Inglês;
  • Boa compreensão dos sistemas de TIC e experiência com aplicativos do MS Office, Word, Agresso, Excel incluindo Internet;
  • Experiência de uma Organização Internacional de Desenvolvimento;
  • Experiência com capacitação de pessoal;
  • Experiência em trabalhar com parceiros;
  • Capacidade de alcançar resultados através de outros;
  • Estruturado, preciso e eficiente;
  • Capacidade de lidar sob pressão e flexível para lidar com prioridades em mudança;
  • Sensível à diversidade cultural.

Vantagem Acrescida:

  • Qualificações de auditoria interna ou externa;
  • Conhecimento prático do sistema “Agresso” ou software de contabilidade semelhante.

Exigências

  • Carta de Candidatura;
  • Curriculum Vitae;
  • Cópias autenticadas das Qualificações.

Endereço: Av. Ho Chi Min, 57 – Maputo

Website: https://villagereach-international-postings.workable.com

Tel: 21 326 446

Validade: 31/05/2017

Local: Maputo

A VillageReach pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Assessor Regional para o Programa Alargado de Vacinação.

Responsabilidades

  • Prestar assistência técnica às DPS, SDSMAS na implementação, monitoria, avaliação e gestão do programa de vacinação;
  • Representar a VillageReach em assuntos técnicos, nas reuniões da DPS-PAV e em outros fóruns e entidades, incluindo revisão e pareceres sobre documentos, estratégias e actividades do PAV;
  • Em coordenação com a DPS e o Assessor Regional de HSS fazer a revisão mensal, trimestral e anual da execução do programa, incluindo indicadores e progresso do programa e produzir análises escritas dos resultados dessas revisões, ajustando as actividades do programa sempre que necessário;
  • Liderar, propor e elaborar, junto com a equipa da DPS-PAV, a planificação e orçamentos anuais dos objectivos e actividades do programa, responsabilizando-se pelo seu seguimento;
  • Apoiar a DPS-PAV na elaboração dos relatórios financeiros e técnicos do programa de acordo com cronogramas estipulados pelos financiadores;
  • Elaborar os relatórios técnicos internos de acordo com os procedimentos da VillageReach.

Requisitos

  • Formação Superior em Saúde Pública ou áreas afins;
  • Experiência e conhecimento sólidos na gestão de programas de saúde, em particular o de vacinação;
  • Conhecimentos profundos sobre o programa alargado de vacinação;
  • Experiência comprovada em monitoria e avaliação de projectos;
  • Excelente capacidade de planeamento, análise, avaliação e gestão;
  • Proficiência em gestão de base de dados;
  • Ter disponibilidade de viajar para as províncias e distritos de Moçambique.

Exigências

  • Curriculum Vitae;
  • Carta de Candidatura;
  • Termos de Referência.

Nota: Mande as candidaturas para https://villagereach-international-postings.workable.com, referenciando “Assessor Regional para o Programa Alargado de Vacinação Zona Sul”

Sobre a Empresa

VillageReach é uma organização social parceira do Ministério da Saúde no fortalecimento do Sistema de Saúde da logística de serviços e da cadeia de abastecimento. Como parte de um Projecto de distribuição de vacinas e de fortalecimento da logística das vacinas, esta posição ira garantir a planificação e execução de pesquisas nas áreas de saúde a respectiva analise de dados, elaboração de relatórios divulgação a advocacia junto do Ministério da Saúde.

Website: https://jobs.partneragencies.net/erecruitjobs.html?JobOpeningId=9913&hrs_jo_pst_seq=1&hrs_site_id=2

Validade: 26/05/2017

O Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento em Moçambique (PNUD) pretende recrutar um (1) Oficial de Segurança e Comunicação para a UNDSS.

Funções

Sob a supervisão directa do Conselheiro de Segurança das Nações Unidas, o Oficial de Segurança e Comunicação terá as seguintes funções:

  • Providenciar assistência em questões de segurança ao staff das Nações Unidas 24/7 (turnos de 12 horas) e reagir prontamente a situações de emergência;
  • Dirigir-se ao local do incidente para providenciar assistência e reportar imediatamente a Conselheira de Segurança ou ao Assistente Local de Segurança;
  • Assegurar resposta rápida da polícia local, sendo que em algumas ocasiões ele/ela será solicitado à transportar agentes da polícia para o local do incidente ou mesmo para uma abordagem;
  • Monitorar serviços de segurança providenciados por empresa de segurança privada às Nações Unidas;
  • Casualmente fazer supervisão/ rondas de postos com guardas e reportar qualidade do trabalho dos seguranças privados em áreas referentes a ONU;
  • Preparar e garantir que os relatórios de segurança sejam submetidos no final do seu turno;
  • Dar devido encaminhamento e seguimento em todos assuntos relacionados com segurança ou insegurança e submeter no final do seu turno;
  • Dar devido encaminhamento e seguimento em todos assuntos relacionados com segurança junto às Autoridades Nacionais (PRM, PIC, FIR, Migração e outros órgãos como organizações oficiais e civis);
  • Fazer inspecções continuas ao sistema de segurança em residências dos funcionários contratados internacionalmente;
  • Providenciar assistência nos eventos organizados pelas Nações Unidas;
  • Quando solicitado, acompanhar as delegações das Nações Unidas para os retiros, workshops, conferenciais e outros eventos dentro de Maputo e assim como fora.

Requisitos

  • Ensino Secundário completo;
  • Um mínimo de dois (2) anos de experiência profissional na área de segurança privada, polícia e outras similares;
  • Experiência no uso de computadores e programas como MS Word, Excel;
  • Carta de condução e capacidade para conduzir todos os tipos de veículos (incluindo 4×4);
  • Ser capaz de trabalhar com HF/VHF radio é uma vantagem;
  • Domínio da língua Portuguesa e um nível avançado da língua Inglesa.

Exigências

  • Curriculum Vitae.

Nota: Candidatos interessados deverão submeter as suas candidaturas online através do seguinte website: https://jobs.partneragencies.net/erecruitjobs.html?JobOpeningId=9913&hrs_jo_pst_seq=1&hrs_site_id=2

Website: http://careers.south32.net

Validade: 02/06/2017

A Mozal SA pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Operário.

Na Mozal, reconhecemos que as pessoas são o pilar do nosso negócio e o ingrediente chave para o nosso sucesso. Estamos certos de que para prosperar temos que empregar pessoas que partilham a nossa visão e valores.

Responsabilidades

Trabalhando sob a direcção do seu Supervisor, o Operário é responsável por:

  • Executar as tarefas da área de produção, em segurança e com eficiência e de acordo com o plano de produção da sua área;
  • Trabalhar com ferramentas e equipamentos industriais que exigem um alto grau de responsabilidade e adesão as regras básicas de operação e de segurança estabelecidas pelos regulamentos;
  • Inspeccionar os equipamentos e comunicar o seu estado ao seu supervisor e aos técnicos de manutenção;
  • Participar os incidentes e perigos iminentes no local de trabalho;
  • Prestar contas e providenciar informações relevantes sobre a gestão de produção, para garantir a melhor execução dos planos de produção dentro do tempo estipulado.

Requisitos

  • O candidato deverá apresentar o certificado do nível Médio de Escolaridade (Geral ou Técnico);
  • Carta de Condução, assim como saber ler, falar e escrever Inglês.

Exigências

  • Candidatura online através do endereço: http://careers.south32.net
  • Carta de Candidatura;
  • Curriculum Vitae em Inglês (máximo 3 páginas);
  • Cópia do Certificado;
  • Fotocópia reconhecida do Bilhete de Identidade;
  • Certificado de Registo Criminal.

Nota: Use a referência “779228”

Website: http://careers.south32.net

Validade: 02/06/2017

A Mozal SA pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Administrador de Formação e Desenvolvimento.

Na Mozal, reconhecemos que as pessoas são o pilar do nosso negócio e o ingrediente chave para o nosso sucesso. Estamos certos de que para prosperar temos que empregar pessoas que partilham a nossa visão e valores.

Existe uma oportunidade de emprego no departamento de Recursos Humanos, como Administrador de Formação e Desenvolvimento.

Responsabilidades

  • O Administrador de formação e Desenvolvimento reporta ao Superintendente de Recursos Humanos e Desenvolvimento e presta apoio ao departamento de Carbono;
  •  Terá de trabalhar em estreita colaboração com a Central de Recursos Humanos e Desenvolvimento, bem como com o especialista de Análise e Desenvolvimento do departamento de Carbono;
  • O Administrador/a deverá apoiar as estratégias de desenvolvimento definidas pelo Departamento Recursos Humanos e Desenvolvimento. Será responsável pela execução de tarefas administrativas relacionadas com a análise das necessidades de treinamento do departamento; desenvolvimento e coordenação de actividades de treinamento, bem como rastreamento de relatórios referente ao nível de aderência aos programas de treinamento;
  • Esta função exige a ligação com fornecedores no que concerne a administração de processos de pagamentos, bem como a captura e armazenamento de dados, elaboração de relatórios mensais e gestão de dados (arquivo, actualização de banco de dados de treinamento).

Requisitos

  • O candidato ideal será auto motivado, enérgico e dinâmico e ter habilidades de trabalhar em equipe deverá possuir como requisito mínimo: qualificação 12ª Classe;
  • Dois (2) anos de experiência em área relacionada;
  • Domínio da língua Inglesa (oral/escrita).

Exigências

  • Candidatura online através do endereço: http://careers.south32.net
  • Carta de Candidatura;
  • Curriculum Vitae em Inglês (máximo 3 páginas);
  • Cópia do Certificado;
  • Fotocópia reconhecida do Bilhete de Identidade;
  • Certificado de Registo Criminal.

Nota: Use a referência “779238”

Website: http://careers.south32.net

Validade: 02/06/2017

A Mozal SA pretende recrutar para o seu quadro de pessoal dois (2) Supervisores de Manutenção.

Na Mozal, reconhecemos que as pessoas são o pilar do nosso negócio e o ingrediente chave para o nosso sucesso. Estamos certos de que para prosperar temos que empregar pessoas que partilham a nossa visão e valores.

Objectivo

  • O objectivo deste cargo é liderar uma equipa responsável pela manutenção e actividades relacionadas com manutenção na área designada, garantir que a execução dos planos e cronogramas sejam executados de maneira segura e nos padrões estabelecidos.

Responsabilidades

  • Reportando ao Superintendente de Manutenção, será responsável por zelar pela segurança e boas práticas dos membros da sua equipa de trabalho, pela avaliação atempada do escopo nos diversos pedidos de trabalho  antes da respectiva aprovação, em conformidade com o processo de planeamento em uso na companhia;
  • Irá participar das reuniões semanais de: pré-planificação, priorização e programação, de forma a garantir o alinhamento e alocação de recursos para os trabalhos programados;
  • De forma segura, irá executar os trabalhos de manutenção programados e não programados, bem como reprogramá-los quando for necessário;
  • Será responsável pela verificação regular de actividades para garantir a adesão aos processos de 1SAP e instruções de trabalho;
  • Sempre que necessário, irá inserir dados relevantes no sistema e certificará se os  membros da equipe submetem as mudanças necessárias de base de dados para criar, alterar ou melhorar as listas de tarefas e instruções de trabalho;
  • Fará a revisão da execução das actividades com os membros da equipe, identificando lacunas e tomar acções correctivas para orientar e treinar os membros da equipa de modo a atingir alto nível de desempenho.

Requisitos

  • O candidato ideal terá um grau de Licenciatura em Engenharia Electricidade/ Mecânica;
  • Com experiência de 4 a 6 anos em  trabalhos de manutenção ou supervisão das actividades de manutenção, com o mínimo de dois (2) anos em liderança em ambiente industrial.

Exigências

  • Candidatura online através do endereço: http://careers.south32.net
  • Carta de Candidatura;
  • Curriculum Vitae em Inglês (máximo 3 páginas);
  • Cópia do Certificado;
  • Fotocópia reconhecida do Bilhete de Identidade;
  • Certificado de Registo Criminal.

Nota: Use a referência “779225”

Endereço: Av. Fernão Magalhães, nº 3137 – Maputo

Email: jobslfsm@letshego.com e telma@letshego.com

Validade: 26/05/2017

Local: Maputo

O Micro-Banco Letshego de Moçambique, pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Oficial de Compliance. (REfª da vaga: 006/BL/RH/2017)

Responsabilidades-Chave

  • Propor, manter e rever políticas e procedimentos de modo a garantir funcionamento eficiente das operações do Banco prevenindo comportamentos ilegais, antiéticos ou impróprios;
  • Gerir risco de operações diárias do Banco;
  • Rever e submeter para aprovação Manuais e Políticas de Compliance do Banco;
  • Monitorar o cumprimento das recomendações da Auditoria Internas, Externas e do Legislador.

Requisitos

  • Grau de Bacharelato ou Licenciatura em áreas afins;
  • Experiência mínima de três (3) anos em Gestão de Risco e Compliance (AML e CFT) ou similares;
  • Capacidade de lidar com prazos apertados e trabalhar sob pressão;
  • Capacidade de trabalhar de forma independente com uma supervisão mínima;
  • Conhecimento de relações humanas;
  • Excelente capacidade de comunicação verbal e escrita (língua Portuguesa e Inglesa);
  • Conhecimentos de legislação bancária é uma vantagem;
  • Elevado sentido de responsabilidade, disciplina, organização e método;
  • Espírito de equipa e iniciativa;
  • Boa apresentação;
  • Disponibilidade imediata.

Exigências

  • Curriculum Vitae;
  • Carta de Motivação.

Nota: Indicar o número de referência, a vaga e o local.

Sobre a Empresa

Letshego Financial Services Mozambique SA (LFSM SA), é um micro banco subsidiaria da Letshego Holdings Limited, um grupo financeiro (bancário) presente em mais de 11 países em África, com mais de 10 anos de experiência no mercado Africano.

Website: www.worldbank.org/careers

Validade: 25/05/2017

Local: Maputo

Duração: 2 anos

The World Bank pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Oficial de Operações Sénior.

Contextualização

  • As projecções do Banco Mundial colocam o crescimento de 3,6% para 2016, com riscos significativos de níveis de crescimento mais baixo. Apesar destas perspectivas desfavoráveis a curto prazo, investimentos há muito esperados no sector do Gás Natural Liquefeito (GNL) determinarão a recuperação com projecções de crescimento que pode atingir os 6,9% em 2018, quando dois megaprojectos de gás natural na bacia de Rovuma iniciarem a produção. Os fluxos de entrada do Investimento Directo Estrangeiro (IDE) apoiarão a posição externa, devendo registar-se a recuperação das reservas internacionais, embora a um ritmo lento, para a cobertura de 3,3 meses de importações não relacionadas com os megaprojectos em 2018.

Responsabilidades

As responsabilidades do cargo incluem:

  • A posição de Oficial de Operações Sénior (OO) baseia-se em Maputo, Moçambique, com a responsabilidade primária de apoiar o Gestor para o País (CM), Director para o País (CD) e o Coordenador do Programa para o País (CPC) relativamente ao desempenho da carteira existente, incluindo uma carteira substancial do fundo fiduciário, e de assegurar o seu alinhamento estratégico com o CPS;
  • O Oficial de Operações Sénior apoia o CM, o CD, o CPC e os responsáveis dos programas na realização de actividades de monitorização e de elaboração de relatórios específicos sobre o país relativamente a carteira de crédito e de Fundo Fiduciário existente, e na identificação e resolução de problemas de implementação específicos do país;
  • O Oficial de Operações Sénior mantém informações  actualizadas sobre o desempenho da carteira (IDA, IBRD e Fundos Fiduciários) para Moçambique, em estreita colaboração com o CPC, baseado em Washington;
  • O Oficial de Operações Sénior é membro da Equipa de Gestão do CMU que inclui funcionários seniores, e se reúne regularmente para partilhar informações e resolver todas as questões operacionais e administrativas relevantes do escritório no país.

Os deveres específicos incluem:

  • O Oficial de Operações Sénior é responsável pela realização de actividades nas seguintes áreas:
    • Apoiar a equipa de Moçambique na preparação, avaliação e negociação de projectos nacionais;
    • Apoiar os chefes das equipas a manter relações efectivas com funcionários governamentais de alto nível, ministérios, unidades de implementação de projectos, bem como com os parceiros de desenvolvimento internacional.

Requisitos

  • Mestrado em Letras ou Ciências, com um mínimo de oito (8) anos de experiência relevante;
  • Pós-Graduação em Finanças ou disciplina afim, uma qualificação complementar de Administração de Empresas será uma vantagem;
  • Capacidade para lidar de forma sensível com ambientes multiculturais e desenvolver relações de trabalho efectivas com os clientes e colegas;
  • Habilidades de comunicação efectiva verbal e escrita, em Inglês e Português;
  • Capacidade de trabalhar eficazmente em equipas multidisciplinares, num ambiente de matriz;
  • Bons conhecimentos sobre as políticas, procedimentos e sistemas do Banco;
  • Reconhecido pelos seus pares e/ou gestores pela sua capacidade de identificar e, de forma pro-activa, resolver problemas e questões operacionais.

Exigências

  • Carta de Candidatura;
  • Curriculum Vitae.

Nota: Para obter descrição completa de funções e critérios de selecção para a presente vaga, os candidatos elegíveis deverão visitar o sítio da Internet sobre carreiras no Banco Mundial e submeterem as candidaturas electronicamente em: www.worldbank.org/careers. Uma vez neste sítio da Internet, cliquem em>employment opportunities>Non Managerial>job number 170807.

Endereço: Rua do Tchamba, nº 398 – Maputo

Email: SCIMOZ@savethechildren.org

Validade: 24/05/2017

Local: Maputo

A Save the Children Internacional (SCI) pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Assistente de Recursos Humanos – VG-SC 016/17 – Maputo.

Requisitos

  • Diploma em Recursos Humanos ou Administração de Negócios ou áreas afins;
  • Experiência mínimo de três (3) anos de trabalho numa área similar;
  • Nível alto de integridade/ confidencialidade e habilidades de trabalhar como parte de uma equipe profissional;
  • Experiência transcultural, compreensão e sensibilidade;
  • Habilidades excelentes de comunicação;
  • Habilidade comprovada em gerir uma grande carga de trabalho e cumprir com prazos apertados;
  • Bom domínio de Português. Conhecimentos básicas da língua Inglesa constitui vantagem;
  • Habilidades no uso de pacotes de informática Word, Excel, Access, Email e Internet;
  • Compromisso com a visão da Save the Children, missão e valores constitui vantagem.

Exigências

  • Curriculum Vitae;
  • Carta de Motivação.

Endereço: Rua do Tchamba, nº 398 – Maputo

Email: SCIMOZ@savethechildren.org

Validade: 24/05/2017

Local: Maputo

A Save the Children Internacional (SCI) pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Oficial de Recursos Humanos – VG-SC 015/17 – Maputo.

Requisitos

  • Nível Pré-Universitário completo;
  • Mínimo de três (3) anos de experiência profissional numa posição semelhante;
  • Conhecimento de informática pacotes (Excel, Word, PowerPoint, Email, Internet e outros softwares);
  • Falar e escrever fluentemente Português, conhecimentos básicas da língua Inglesa constitui vantagem;
  • Excelentes habilidades de planificação de actividades;
  • Dinâmico, inovador e criativo focalizado e orientado para resultados com alto sentido de responsabilidade;
  • Com capacidade de trabalhar sobre pressão e com disponibilidade para trabalhar sempre que necessário fora das horas normais de expediente;
  • Com fortes habilidades de comunicação escrita e verbal e de relacionamento interpessoal;
  • Capacidade de priorizar a “carga de trabalho”;
  • Entendimento provado da Lei Moçambique de Trabalho, sistema de impostos, segurança social, seguros e outras disposições legais relacionadas com a área;
  • Compromisso com a visão da Save the Children, missão e valores constitui vantagem.

Exigências

  • Curriculum Vitae;
  • Carta de Motivação.

Endereço: Rua do Tchamba, nº 398 – Maputo

Email: SCIMOZ@savethechildren.org

Validade: 24/05/2017

Local: Maputo

A Save the Children Internacional (SCI) pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Especialista de Segurança Alimentar do Programa Humanitário – VG-SC 013/17 – Maputo.

Requisitos

  • Mestrado em Saúde Pública ou Ciências Sociais (ou experiência equivalente de trabalho no campo);
  • Mínimo de 5-7 anos de experiência anterior de gestão de equipes do programa em resposta a seca (essencial);
  • Experiência de gestão de subvenções do DFID;
  • Experiência de representação a nível internacional e coordenação com o governo local, parceiros e outras ONGs/ONU;
  • Experiência comprovada de Monitoria e Avaliação e Prestação de Contas aos beneficiários;
  • Conhecimentos técnicos de segurança alimentar e meios de subsistência e capacidade de trabalhar em toda a programação do FSL ‘humanitária e a longo prazo’;
  • Uma compreensão de resiliência e abordagens actuais para a construção de resiliência, doador, comunidades;
  • Habilidades políticas e culturais sensíveis com qualidades de paciência, tacto e diplomacia;
  • Capacidades e vontade de ser extremamente flexível e eficiente em circunstâncias de trabalho difíceis e, por vezes, inseguras;
  • Compromisso para produzir resultados de alta qualidade e atempadamente;
  • Habilidades excelentes de comunicação;
  • Fluente em Português (falado e escrito) necessário e fortes habilidades em Inglês (verbal e escrito);
  • Capacidade e vontade de ser extremamente flexível e complacente em circunstâncias de trabalho difícil e às vezes inseguro;
  • Compromisso com objectivos e princípios da Save the Children.

Exigências

  • Curriculum Vitae;
  • Carta de Motivação.

Website: https://www.peacecorps.gov/mozambique/contracts

Validade: 26/05/2017

Local: Namaacha – Maputo

O Corpo da Paz/ Moçambique pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Formador de Língua Portuguesa.

Exigências

  • Carta de Candidatura;
  • Curriculum Vitae.

Website: https://www.peacecorps.gov/mozambique/contracts

Validade: 26/05/2017

Local: Namaacha – Maputo

O Corpo da Paz/ Moçambique pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Formador Técnico de TEFL.

Exigências

  • Carta de Candidatura;
  • Curriculum Vitae.

Website: https://www.peacecorps.gov/mozambique/contracts

Validade: 31/05/2017

Local: Maputo

O Corpo da Paz/ Moçambique pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Psicólogo.

Exigências

  • Carta de Candidatura;
  • Curriculum Vitae.

Website: https://www.peacecorps.gov/mozambique/contracts

Validade: 31/05/2017

Local: Maputo

O Corpo da Paz/ Moçambique pretende recrutar para o seu quadro de pessoal Médicos Back-Up.

Exigências

  • Carta de Candidatura;
  • Curriculum Vitae.

Endereço: Av. Fernão Magalhães, nº 3137 – Maputo

Email: jobslfsm@letshego.com e telma@letshego.com

Validade: 26/05/2017

Local: Maputo

O Micro-Banco Letshego de Moçambique, pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Auditor Interno Sénior. (REfª da vaga: 008/BL/RH/2017)

Requisitos

  • Grau mínimo de Bacharelato em Contabilidade e Auditoria;
  • Quatro (4) anos de experiência na área;
  • Capacidade de lidar com prazos apertados e trabalhar sob pressão;
  • Capacidade de trabalhar de forma independente com uma supervisão mínima;
  • Conhecimento de relações humanas;
  • Excelente capacidade de comunicação verbal e escrita (língua Portuguesa e Inglesa);
  • Conhecimentos de legislação bancária é uma vantagem;
  • Elevado sentido de responsabilidade, disciplina, organização e método;
  • Espírito de equipa e iniciativa;
  • Boa apresentação.

Exigências

  • Curriculum Vitae;
  • Carta de Motivação.

Nota: Indicar o número de referência, a vaga e o local.

Sobre a Empresa

Letshego Financial Services Mozambique SA (LFSM SA), é um micro banco subsidiaria da Letshego Holdings Limited, um grupo financeiro (bancário) presente em mais de 11 países em África, com mais de 10 anos de experiência no mercado Africano.

This is your chance to join the FinTech revolution across Africa and join Direct Pay Online! We are one of the leading online payments companies across the continent with over 4,000 customers serving the travel, tourism and hospitality sectors.

Having recently secured a significant round of funding to accelerate the growth of the business there couldn’t be a better time to join our team. Mozambique is one of our key territories and we are now looking to appoint a Sales Representative to work with our leadership team to further develop the market.

People are our most important asset – we invest a great deal of time and resources in training and developing each and every person within the business to help them achieve great things. We do look for some core skills such as strong communication skills, exceptional customer relationship management and of course drive, hunger and tenacity! As we are at the forefront of the FinTech revolution, we have invested heavily in our internal systems in order to limit the amount of administration required on a day to day basis. Our CRM (Customer Relationship Management) System has been designed to help you spend less time administering and more time selling so the more you use it the more productive you’ll become!

As a minimum requirement we are looking for the following skills:

  • 3+ years in Direct Business to Business Sales
  • Experience of selling into the Aviation, Tourism or e-commerce sectors

As part of our commitment to our team, we offer attractive salaries, a generous bonus scheme, the latest Mac Books (!) and a host of fringe benefits designed to help you juggle the work/life balance.

Endereço: Av. Agostinho Neto nº 284 – Maputo

Validade: 24/05/2017

Local: Cidade de Maputo com 60-70% de viagens as províncias de Tete, Zambézia, Manica e Sofala

Duração: 6 meses

A Cruz Vermelha de Moçambique (CVM) pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Consultor de Nutrição em Emergências e M&A.

Metodologias e Abordagem Técnica

  • O Consultor prestará apoio técnico à Cruz Vermelha de Moçambique (CVM) para reforçar a implementação da estratégia de brigadas móveis no contexto da resposta de emergência nutricional em 200 comunidades em 4 das províncias afectadas: Tete, Zambézia, Sofala e Manica;
  • O apoio centrar-se-á principalmente em M&A e assegurar a qualidade da resposta nutricional das actividades apoiadas pelo Ministério da Saúde (MISAU) da CVM e do UNICEF, nas respostas nutricionais nos distritos/ comunidades seleccionadas e incluirá também o reforço da capacidade do pessoal do governo, parceiros, análise de dados e relatórios. Espera-se que o Consultor esteja 60-70% do seu tempo de viagem pelas quatro províncias (e respectivas comunidades);
  • O Consultor trabalhará em estreita colaboração com o respectivo governo provincial e parceiros para assegurar que o programa seja implementado conforme planeado, com monitoria regular no campo e que os relatórios sejam enviados para o devido seguimento.

Actividades e Tarefas

  • Planificação de actividades relacionadas (planos de brigadas móveis, plano de trabalho de acordos de parceria, actividades de capacitação);
  • Monitoria das visitas de campo conjuntas por equipes do MISAU e Consultor da CVM as unidades de saúde (incluindo internamentos) e comunidades alvo para monitorar progresso e apoiar acções correctivas quando necessário;
  • Dados do programa: Os indicadores nutricionais padronizados serão monitorados através de um relatório mensal feito por cada brigada móvel e unidade de saúde, incluídos nos outputs do programa e na lista de verificação feita para orientar a monitoria das actividades;
  • Reuniões mensais e trimestrais de coordenação, co-facilitadas pelo consultor para assegurar que as necessidades são revisadas com base no progresso do programa e no plano de preparação e resposta;
  • Activamente engajar com grupos de trabalho existentes, como fóruns provinciais de ONGs a trabalhar na nutrição e parceiros para coordenar o uso consistente de mensagens nutricionais, compartilhar lições aprendidas e optimizar os níveis de apoio no campo e nas comunidades;
  • Facilitar a partilha de informações, através de exercícios de treino e capacitação, melhores práticas, lições aprendidas e experiências;
  • Relatórios de progresso mensais e trimestrais a serem submetidos à CVM e compartilhados com a UNICEF.

Entregas

Em geral, o Consultor fornecerá:

  • Relatórios mensais e trimestrais baseados na análise de dados do programa, análise de dados secundários e relatórios de parceiros sobre o estado de implementação do programa da CVM e compartilhados com a UNICEF;
  • Plano de supervisão mensal nas comunidades nas 4 províncias;
  • Relatórios das missões de campo e actualizações sobre o progresso das actividades apoiadas pela CVM (incluindo status dos insumos-entradas saídas) que serão compilados após cada visita;
  • No final da consultoria, garantir que o processo de entrega concluído com todos os dados, ferramentas e documentos arquivados no sistema da CVM – UNICEF;
  • Relatório final de consultoria com recomendações e descrição de melhores práticas, lições aprendidas e experiências.

Gestão e Supervisão

  • O Consultor irá reportar ao Gestor do Programa da CVM. Espera-se que o Consultor viaje cerca de 60-70% do seu tempo para as províncias. A CVM garantirá o transporte do Consultor durante as visitas de campo, entre províncias e dentro de cada província para as necessárias comunidades.

Requisitos

Qualificações e Conhecimentos Especializados

Qualificações Académicas:

  • Pelo menos grau Universitário em Saúde Pública e Nutrição ou outra(s) disciplina(s) relevante(s).

Experiência de Trabalho:

  • Pelo menos um (1) ano de experiência de trabalho relevante em nutrição comunitária. Antecedentes/ familiaridade com a emergência nutricional, tratamento da desnutrição aguda ou seja PRN, pesquisa/ avaliação nutricional.

Habilidades de Linguagem:

  • Fluência em Português e Inglês;
  • Familiarizado com os pacotes Excel, Word, PowerPoint e Internet.

Exigências

  • Carta de Candidatura;
  • Curriculum Vitae.

Nota: As candidaturas devem ser entregues em envelope selado com a inscrição: “Consultor de Nutrição em Emergências e M&A”

Email: map_maputo@icrc.org

Validade: 22/05/2017

Local: Maputo

Duração: 1 Ano

O Comité Internacional da Cruz Vermelha (CICV) pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Oficial de RH.

Função

  • Em uma estrutura média, executar todas as tarefas de secretariado e administrativas de RH, incl. preparação de salários, arquivos de pessoal e actualizações, etc;
  • Elaborar documentos em Inglês e em língua nacional de forma independente;
  • Assegurar o fluxo de informações para questões de RH e aconselhar a administração sobre os costumes locais de RH;
  • Supervisionar o pessoal.

Requisitos

Mínimo de conhecimento e experiência exigida:

  • Grau Universitário;
  • Quatro (4) anos de experiência profissional num domínio semelhante;
  • Fluente em Português e Inglês falado e escrito;
  • Excelentes conhecimentos de informática, incl. panilhas e software padrão do CICV;
  • Capacidade para aplicar as regras e procedimentos do CICV;
  • Capacidade para realizar actividades complexas/ arquivos em vários campos;
  • Capacidade para treinar e supervisionar o pessoal;
  • Capacidade de tratamento confidencial das informações.

Exigências

  • Curriculum Vitae em Português e Inglês;
  • Carta de Apresentação (explicando a motivação);
  • Cópias Digitalizadas das Qualificações Académicas;
  • Cartas de Referência de Empregadores Anteriores;
  • Cópia da Carta de Condução.

Email: map_maputo@icrc.org

Validade: 22/05/2017

Local: Maputo

Duração: 1 Ano

O Comité Internacional da Cruz Vermelha (CICV) pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Chanceler.

Função

  • Executar tarefas de secretariado complexas independentemente se for em delegação pequena/ média;
  • Elaborar documentos em Inglês e em língua nacional de forma independente;
  • Manutenção de agenda e vários trabalhos de escritório;
  • Responsável por ficheiros específicos;
  • Implementar e supervisionar o sistema de arquivo da delegação;
  • Treinar e supervisionar o pessoal;
  • Traduzir documentos;
  • Lavrar actas de reunião e elaborar relatórios;
  • Garantir o fluxo de informações dentro do departamento ou da delegação.

Requisitos

Mínimo de conhecimento e experiência exigida:

  • Diploma de Secretariado ou grau Universitário;
  • Quatro (4) anos de experiência profissional num domínio semelhante;
  • Fluente em Português e Inglês falado e escrito;
  • Excelentes conhecimentos de informática, incl. panilhas e software padrão do CICV;
  • Capacidade para aplicar as regras e procedimentos do CICV;
  • Capacidade para realizar actividades complexas/ arquivos em vários campos;
  • Capacidade para treinar e supervisionar o pessoal;
  • Capacidade de tratamento confidencial das informações.

Exigências

  • Curriculum Vitae em Português e Inglês;
  • Carta de Apresentação (explicando a motivação);
  • Cópias Digitalizadas das Qualificações Académicas;
  • Cartas de Referência de Empregadores Anteriores;
  • Cópia da Carta de Condução.

Endereço: Vila-sede, Rua 8, A, 101, Manhiça – Maputo

Email: inhamaprecruit@yahoo.com

Validade: 31/05/2017

Local: Maputo

A ADPP – Hope pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Coordenador de Projecto.

Principais Tarefas

  • Responsável pela gestão, coordenação do projecto, assegurando o cumprimento dos resultados esperados nos distritos das províncias de Maputo e Inhambane;
  • Assegurar que o ATSC com abordagem familiar baseada em Casos de Índice na cidade Maputo e província de Inhambane sejam implementados de acordo com as instruções do doador;
  • Oferecer uma organização técnica eficiente de modo a assegurar uma efectiva implementação do trabalho e o uso efectivo dos recursos do projecto, garantindo que os gastos sejam feitos eficientemente, respeitando o princípio da relação custo-benefício;
  • Monitorar e orientar a equipa do projecto, com especial enfoque para os líderes do projecto, administrador, oficial do programa e co-líderes do projecto;
  • Preparar e liderar treinamentos internos assim como coordenar as oportunidades de treinamentos disponibilizados pelo CCS ao pessoal;
  • Construir fortes relações e servir de ponto de ligação com organizações parceiras sobre a importância da testagem e das pessoas conhecerem o seu estado serológico;
  • Compilar material e coordenar a realização de campanhas comunitárias necessárias nas comunidades seleccionadas no sentido de aumentar a consciencialização sobre os riscos e consequências do VIH/SIDA, TB, VBG e malnutrição para melhorar o conhecimento comunitário sobre a importância da prevenção de qualquer uma dessas enfermidades ou doenças;
  • Recolher elementos de pesquisa, conduzir a recolha de dados e levantamento de informação nos distritos-alvo sobre as tendências de HIV/SIDA, TB, VBG e malnutrição para o plano estratégico;
  • Estabelecer parcerias com a Direcção Provincial de Saúde, Mulher e Acção Social e outras Organizações Não Governamentais (ONG), e líderes comunitários na área do projecto para facilitar o acesso a vários serviços e assegurar a continuidade na qualidade e serviços do projecto;
  • Identificar e conhecer outras partes interessantes que operam a todos níveis para partilhar as actividades e acordar as responsabilidades com todas as áreas de interesse da ADPP;
  • Submeter relatórios bem escritos, precisos e confiáveis ao Administrador de Fundos e ao Ponto Focal da ADPP-Sede numa base mensal, trimestral e semestral para subsequente submissão ao CCS. Manter o registo de todas as actividades, incluindo os detalhes dos participantes de eventos chave, incluindo a participação baseada no género;
  • Monitorar o orçamento do projecto e despesas mensais (mantendo um registo detalhado das despesas, garantindo que todos os recibos originais e cópias são digitalizadas e arquivadas de modo seguro) em colaboração com o administrador e caixa do projecto;
  • Assegurar que as despesas orçamentais estão sendo feitas dentro das correctas alocações e solicitar clarificação em caso de dúvidas do administrador de parcerias;
  • Monitorar transacções em numerário e assegurar que o administrador e caixa seguem todos os procedimentos e políticas financeiras.

Requisitos

  • Licenciatura em Ciências de Saúde, Sociais, Desenvolvimento Comunitário ou equivalentes;
  • Conhecimento dos métodos de testagem e pesquisa em HIV/SIDA;
  • Excelentes habilidades organizacionais e capacidade de liderar equipas;
  • Capacidade de preparar relatórios escritos, claros e concisos;
  • Conhecimento de procedimentos de monitoria e avaliação;
  • Domínio de de Português e Inglês escrito e falado;
  • Licenciatura em Ciências de Saúde ou Sociais ou equivalentes à experiência de trabalho;
  • Experiência de cinco (5) anos em trabalhos de desenvolvimento comunitário nas ONGs;
  • Experiência em desenho, implementação, avaliação e elaboração de relatórios de projecto.

Exigências

  • Carta de Motivação;
  • Curriculum Vitae.

Nota: Indique o assunto a vaga a que se candidata.

Sobre a Empresa

A ADPP Moçambique tem mais de 30 anos de experiência de trabalho na área de desenvolvimento sócio-económico e actualmente implementa mais de 50 projectos. A ADPP, está empenhada em apoiar a população moçambicana através de diversos projectos que estão a ser implementados em todas as províncias, em parceria com diferentes doadores.

Website: https://south32.sharepoint.com/inside.sitepages/careers.aspx.net

Validade: 31/05/2017

A Mozal SA pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Superintendente de Laboratório.

Na Mozal, reconhecemos que as pessoas são o pilar do nosso negócio e o ingrediente chave para o nosso sucesso. Estamos certos de que para prosperar temos que empregar pessoas que partilham a nossa visão e valores.

Objectivo

  • O objectivo desse cargo é liderar, orientar e coordenar a equipe do laboratório para garantir o cumprimento das metas de desempenho, assegurar que as funções de laboratório sejam efectivamente gerenciadas e queas políticas e os procedimentos sejam implementados e aderidos;
  • Gerir as operações de laboratório do dia-a-dia;
  • Implementar medidas eficazes de controle para operações laboratoriais.

Responsabilidades

Reportando ao Director do Departamento, o incumbente será responsável pelas seguintes tarefas:

  • Liderar a equipe para operar os processos e equipamentos de forma segura e de acordo com o plano de produção;
  • Garantir as especificações do processo e as normas técnicas da operação, implementar estratégias;
  • Monitorar e controlar o processo no Laboratório;
  • Determinar parâmetros e metodologias de processo para análise, investigar desvios e iniciar acções correctivas, comunicar com os departamentos de produção, fornecendo feedback sobre desvios e fazer recomendações;
  • Investigar problemas técnicos e implementar soluções, conduzir e iniciar análises técnicas não rotineiras e especializadas;
  • Avaliar resultados e produzir relatórios, capacitar e desenvolver a equipe em métodos analíticos, para garantir que os vários processos no laboratório são controlados, optimizados e corrigidos.

Requisitos

  • Possuir Licenciatura em Engenharia Química/ Química Analítica ou equivalente;
  • Mínimo seis (6) anos de experiência em um ambiente industrial onde dois (2) anos estiverem em a posição de liderança;
  • Conhecimento do sistema SAP será uma vantagem;
  • Domínio da língua Inglesa (oral/escrito).

Exigências

Nota: Use a referência “779204”

Website: https://south32.sharepoint.com/inside.sitepages/careers.aspx.net

Validade: 31/05/2017

A Mozal SA pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Superintendente de Processos.

Na Mozal, reconhecemos que as pessoas são o pilar do nosso negócio e o ingrediente chave para o nosso sucesso. Estamos certos de que para prosperar temos que empregar pessoas que partilham a nossa visão e valores.

Objectivo

  • Neste cargo, o incumbente irá liderar e orientar a equipe de processos, para garantir a entrega em conformidade com as metas e estratégias traçadas;
  • Identificar oportunidades de melhoria que apoiem as prioridades do negócio e permitam a excelência funcional;
  • Analisar o desempenho e definir as estratégias de trabalho do equipamento de produção no sistema SAP.

Responsabilidades

Reportando ao Director do Departamento, o incumbente realizará análises técnicas do desempenho da função de produção que cobre áreas tais como, Fábrica de Pasta, Forno de Cozimento e Sala de Chumbamento. O incumbente será responsável pelas seguintes tarefas:

  • Iniciar actividades de melhoria da produção;
  • Assegurar que os procedimentos operacionais relevantes são desenvolvidas no padrão exigido;
  • Iniciar mudanças de sistema de controle de processos sustentáveis e melhorar a eficácia da produção;
  • Dirigir a equipe e garantir a eficácia nos processos de análise de dados e sistemas da organização para identificar, ineficiências na execução do trabalho;
  • Diagnosticar problemas no processo e identificar oportunidades da melhoria;
  • Conduzir, acompanhar, registar, avaliar e gerir o desenvolvimento de formação.

Requisitos

  • Possuir Licenciatura em Engenharia Química ou equivalente;
  • Mínimo seis (6) anos de experiência em execução de produção e experiência de processo em um ambiente industrial onde dois (2) anos estiverem em uma posição de liderança;
  • Conhecimento do sistema SAP será uma vantagem;
  • Domínio da língua Inglesa (oral/escrito).

Exigências

Nota: Use a referência “779200”

Website: https://south32.sharepoint.com/inside.sitepages/careers.aspx.net

Validade: 26/05/2017

A Mozal SA pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Superintendente de Gestão de Fornecedores de Serviços.

Na Mozal, reconhecemos que as pessoas são o pilar do nosso negócio e o ingrediente chave para o nosso sucesso. Estamos certos de que para prosperar temos que empregar pessoas que partilham a nossa visão e valores.

Objectivo

  • Neste cargo, o incumbente irá liderar, coordenar e orientar a equipe de Gestão de Fornecedores de Bens e Serviços para garantir a entrega em conformidade com as metas e estratégias traçadas;
  • Identificar oportunidades de melhoria que apoiem as prioridades do negócio e permitam a excelência funcional;
  • Providenciar suporte ao Ponto Único de Contacto (SPA) para assegurar um desempenho eficiente da gestão de contratos de acordo com os padrões exigidos pela Mozal e a South32.

Responsabilidades

Reportando ao Director do Departamento, as suas responsabilidades serão as seguintes:

  • Monitorar os contratos e o desempenho dos contratados por meio de SPAs, garantindo a entrega de acordo com os indicadores Chaves de Desempenho (KPI);
  • Garantir que todas as obrigações contratuais sejam cumpridas;
  • Gerir as partes interessadas internas e externas para assegurar que a estratégia seja compreendida e fornecida por meio de uma gestão eficaz de fornecedores e contratos;
  • Apoiar a organização no desenvolvimento e implementação da estratégica de gestão de contratos;
  • Monitorar o desempenho de fornecedores de acordo com a visão, as políticas e os valores da Mozal e South32;
  • Implementar processos de fornecedores e gestão de contratos para apoiar o desenvolvimento de melhores práticas. Iniciar ideias de qualidade e aperfeiçoamento com empreiteiros-chave;
  • Solicitar novos contratos de acordo com a necessidade e acordar um programa de contratação de actividade. Renegociação é actividade do procurement.

Requisitos

  • Possuir Licenciatura em Gestão ou equivalente;
  • Mínimo seis (6) anos de experiência onde dois (2) anos estiverem em uma posição de liderança;
  • Conhecimento do sistema SAP será uma vantagem;
  • Domínio da língua Inglesa (oral/escrito).

Exigências

Nota: Use a referência “779202”

Endereço: Direcção Provincial  do STAE de Maputo, Comissão de Eleições  de Maputo – Av. 25 de Junho nº 1177 – Cidade da Matola

Direcção do STAE da Cidade da Matola, Comissão Provincial de Eleições  da Cidade da Matola – Rua Rio Zambeze, Q. 270 – Cidade da Matola

Direcção Distrital  do STAE de Namaacha, Comissão Distrital de Eleições  de Namaacha – Bairro da Fronteira, Rua nº 4, Talhão nº 140 – Namaacha

Direcção Distrital do STAE de Manhiça, Comissão Distrital de Eleições  de Manhiça – Rua nº 8, Casa nº 969 – Manhiça

Direcção Distrital do STAE de Boane, Comissão Distrital de Eleições  de Boane – Rua 1 de Maio, Casa nº 285 – Boane

Validade: 03/06/2017

Local: Matola – Maputo

O STAE – Secretariado Técnico de Administração Eleitoral, de acordo com o despacho de 11 de Maio de 2017, do Exmo Senhor Director Provincial do Secretariado Técnico de Administração Eleitoral de Maputo, está aberto o concurso de avaliação curricular seguido de entrevista profissional e teste prático, para o recrutamento de:

  • Um (1) Oficial Eleitoral para Comissão Distrital de Eleições de Namaacha

Requisitos

  • Ter nacionalidade moçambicana;
  • Idade compreendida entre 18 e 55 anos;
  • Não ter sido expulso da Administração Pública.

Exigências

  • Requerimento dirigido ao Exmo. Senhor Director Provincial do STAE de Maputo;
  • Cópia autenticada do Certificado de de Habilitações;
  • Curriculum Vitae actualizado;
  • Cópia de Certidão de Registo de Nascimento autenticado;
  • Declaração de compromisso de honra;
  • Mapa da Junta de Saúde;
  • Declaração Sob Compromisso de Honra;
  • Mapa de Junta de Saúde;
  • Situação Militar Regularizada.

Sobre a Empresa

O Secretariado Técnico da Administração Eleitoral (STAE) é um serviço público personalizado para a administração eleitoral, com representação ao nível provincial, distrital ou de cidade. O Secretariado Técnico da Administração Eleitoral organiza, executa e assegura as actividades técnico administrativas dos recenseamentos e processos eleitorais.

Endereço: Direcção Provincial  do STAE de Maputo, Comissão de Eleições  de Maputo – Av. 25 de Junho nº 1177 – Cidade da Matola

Direcção do STAE da Cidade da Matola, Comissão Provincial de Eleições  da Cidade da Matola – Rua Rio Zambeze, Q. 270 – Cidade da Matola

Direcção Distrital  do STAE de Namaacha, Comissão Distrital de Eleições  de Namaacha – Bairro da Fronteira, Rua nº 4, Talhão nº 140 – Namaacha

Direcção Distrital do STAE de Manhiça, Comissão Distrital de Eleições  de Manhiça – Rua nº 8, Casa nº 969 – Manhiça

Direcção Distrital do STAE de Boane, Comissão Distrital de Eleições  de Boane – Rua 1 de Maio, Casa nº 285 – Boane

Validade: 03/06/2017

Local: Matola – Maputo

O STAE – Secretariado Técnico de Administração Eleitoral, de acordo com o despacho de 11 de Maio de 2017, do Exmo Senhor Director Provincial do Secretariado Técnico de Administração Eleitoral de Maputo, está aberto o concurso de avaliação curricular seguido de entrevista profissional e teste prático, para o recrutamento de:

  • Quatro (4) Auxiliares para Direcção Provincial do STAE
  • Um (1) Auxiliar para Comissão Provincial de Eleições
  • Um (1) Auxiliar para Comissão Distrital de Eleições da Matola
  • Um (1) Auxiliar para Comissão Distrital de Eleições da Manhiça
  • Um (1) Auxiliar para Comissão Distrital de Eleições de Boane

Requisitos

  • Possuir o 2º grau do nível Primário do SNE ou equivalente;
  • Ter nacionalidade moçambicana;
  • Idade compreendida entre 18 e 55 anos;
  • Não ter sido expulso da Administração Pública.

Exigências

  • Requerimento dirigido ao Exmo. Senhor Director Provincial do STAE de Maputo;
  • Cópia autenticada do Certificado de de Habilitações;
  • Curriculum Vitae actualizado;
  • Cópia de Certidão de Registo de Nascimento autenticado;
  • Declaração de compromisso de honra;
  • Mapa da Junta de Saúde;
  • Declaração Sob Compromisso de Honra;
  • Mapa de Junta de Saúde;
  • Situação Militar Regularizada.

Sobre a Empresa

O Secretariado Técnico da Administração Eleitoral (STAE) é um serviço público personalizado para a administração eleitoral, com representação ao nível provincial, distrital ou de cidade. O Secretariado Técnico da Administração Eleitoral organiza, executa e assegura as actividades técnico administrativas dos recenseamentos e processos eleitorais.

Endereço: Direcção Provincial  do STAE de Maputo, Comissão de Eleições  de Maputo – Av. 25 de Junho nº 1177 – Cidade da Matola

Direcção do STAE da Cidade da Matola, Comissão Provincial de Eleições  da Cidade da Matola – Rua Rio Zambeze, Q. 270 – Cidade da Matola

Direcção Distrital  do STAE de Namaacha, Comissão Distrital de Eleições  de Namaacha – Bairro da Fronteira, Rua nº 4, Talhão nº 140 – Namaacha

Direcção Distrital do STAE de Manhiça, Comissão Distrital de Eleições  de Manhiça – Rua nº 8, Casa nº 969 – Manhiça

Direcção Distrital do STAE de Boane, Comissão Distrital de Eleições  de Boane – Rua 1 de Maio, Casa nº 285 – Boane

Validade: 03/06/2017

Local: Matola – Maputo

O STAE – Secretariado Técnico de Administração Eleitoral, de acordo com o despacho de 11 de Maio de 2017, do Exmo Senhor Director Provincial do Secretariado Técnico de Administração Eleitoral de Maputo, está aberto o concurso de avaliação curricular seguido de entrevista profissional e teste prático, para o recrutamento de:

  • Dois (2) Auxiliares Administrativos para Direcção Provincial do STAE
  • Dois (2) Auxiliares Administrativos para Comissão Provincial de Eleições
  • Um (1) Auxiliar Administrativo para Direcção Distrital da Matola
  • Um (1) Auxiliar Administrativo para Comissão Distrital de Eleições da Matola
  • Um (1) Auxiliar Administrativo para Direcção Distrital do STAE de Manhiça
  • Um (1) Auxiliar Administrativo para Comissão Distrital de Eleições da Manhiça
  • Um (1) Auxiliar Administrativo para Direcção Distrital de STAE de Namaacha
  • Um (1) Auxiliar Administrativo para Comissão Distrital de Eleições de Namaacha
  • Um (1) Auxiliar Administrativo para Direcção Distrital do STAE de Boane
  • Um (1) Auxiliar Administrativo para Comissão Distrital de Eleições de Boane

Requisitos

  • Possuir o 2º grau do nível Primário do SNE ou equivalente;
  • Possuir carta de condução de ligeiro-pesado;
  • Possuir experiência mínima de três (3) anos de serviço;
  • Ter nacionalidade moçambicana;
  • Idade compreendida entre 18 e 55 anos;
  • Não ter sido expulso da Administração Pública.

Exigências

  • Requerimento dirigido ao Exmo. Senhor Director Provincial do STAE de Maputo;
  • Cópia autenticada do Certificado de de Habilitações;
  • Curriculum Vitae actualizado;
  • Cópia de Certidão de Registo de Nascimento autenticado;
  • Declaração de compromisso de honra;
  • Mapa da Junta de Saúde;
  • Declaração Sob Compromisso de Honra;
  • Mapa de Junta de Saúde;
  • Situação Militar Regularizada.

Sobre a Empresa

O Secretariado Técnico da Administração Eleitoral (STAE) é um serviço público personalizado para a administração eleitoral, com representação ao nível provincial, distrital ou de cidade. O Secretariado Técnico da Administração Eleitoral organiza, executa e assegura as actividades técnico administrativas dos recenseamentos e processos eleitorais.