Advertisements

Quantas páginas deve ter meu currículo?

O número de páginas de um currículo sempre foi motivo de debate e constitui dúvida constante para os candidatos. E com alguma razão, a resposta a essa pergunta não é como uma receita de bolo. Um currículo deve ter informação suficiente para chamar a atenção do recrutador e garantir uma entrevista. A resposta pode até desaponta-lo, mas não existe uma regra que funcione para todos. Os factores a serem considerados incluem objectivos de carreira, ocupação, indústria, anos de experiência, número de empregadores e formação.

Como definir o número de páginas do currículo?

Seu currículo é uma ferramenta de marketing de carreira, e não uma autobiografia. Esforce-se para manter seu currículo conciso e focado nos seus aspectos profissionais fortes. Ignore experiências passadas que não agregam valor ao seu objectivo actual. Cada palavra no currículo deve vender “seu peixe”, suas credencias para o futuro empregador. Alguns aspectos podem ser abordados depois na entrevista.

É comum que os empregadores ou recrutadores tenham que avaliar centenas ou até mesmo milhares de currículos de candidatos a preencherem um único cargo. Estes gestores costumam dar uma vista de olhos rápida (alguns segundos) para seleccionar os possíveis entrevistados. Certamente o seu currículo será avaliado com mais vagar caso seja aprovado para uma entrevista, no entanto, assegure-se de que seus pontos mais fortes sejam imediatamente visíveis para que pelo menos chegue a essa fase.

Use um currículo de uma página se:

  • Você possuir menos de 10 anos de experiência.
  • Você está em busca de uma mudança de carreira radical e sua experiência não é relevante para seu novo objectivo.
  • Você já esteve do outro lado da bancada, como empregador.

Use um currículo de duas páginas se:

  • Você tem 10 ou mais anos de experiência relacionada ao seu objectivo actual de carreira.
  • Sua área requer habilidades técnicas e você precisa de espaço para listar e provar seu conhecimento técnico.
  • Coloque as informações mais importantes no topo da primeira página. Conduza seu currículo com um resumo da sua carreira, então suas credenciais principais aparecem na vanguarda do currículo. Na segunda página coloque suas informações de contacto e todo o resto.

Considere um currículo de três páginas ou mais se:

  • Você é um gestor sénior ou executivo com um longo histórico de realizações de liderança.
  • Você está na área académica ou científica com uma extensa lista de publicações, seminários, cursos e palestras.

Até a próxima!

Advertisements

6 Comentários para “Quantas páginas deve ter meu currículo?”

  1. Alberto 11:26 amjaneiro 17, 2018

    Olha Matope José!

    Creio que são bons fundamentos nesta aquisição de saber como redigir um bom CV revelando suas boas informações ao recrutador (impressionar), na verdade em Moçambique é um desafio como “arquitectar” um sistemático curriculum Vitae, acredito que tem haver com o nível de instrução ou conhecimento dos moçambicanos, o desconhecimento nas recomendações do portefólio internacional como redigir um CV: factor multi cultural (querer a perecer primeiro)-FILIAÇÃO, NATURALIDADE, etc.

    Outra discussão almeja-se em buscar toda historia da sua vida para empresa ou organização que não tem nada haver com esses percursos, outro aspecto é o número admirável de certificados de curta duração que amontoa, com isso deixa o recrutador com dúvida até baralhado no seu verdadeiro saber, etc…Muito Obrigado MATOPE

  2. Inora Cossa 8:46 amjaneiro 18, 2018

    Caro amigo, estimei bastante a sua explanação, pude tirar algumas duvidas, sou jovem, na batalha no Mercado de emprego, sempre tive essa duvida, me dedicava muito ao redigir no cv, aspectos pessoas, e pouco na minha experiencia profissional.

  3. Gabriela da Conceicão 10:45 amjaneiro 18, 2018

    Bom dia Dr Matope e obrigada por mais uma aula sobre o curriculum. Tenho estado a discutir com um amigo sobre a relevancia de certas informacoes a conter no CV. Diz ele que o simples facto de concorrer a uma certa vaga numa instituicao, inependentemente de ter ou nao conseguido ser contratado, deve constar no CV que concorreu a vaga x nesta e naquela instituicao. Será que é correcto?

  4. Kenneth 9:42 amjaneiro 19, 2018

    Caro Matope, Obrigado pela explicação. mas o que tem havido por muitas vezes e que os próprios recrutadores, não reparam muito e CV que não esta bastantemente desenvolvido, como eu mesmo tenho dito que escrita e pratica são coisas muito diferentes. alguns recrutadores procuram o o que o recrutado escreve e não o que esse recruta e capaz de fazer.
    Tudo de bom e sucessos para si.

  5. Rosmo Bazima 11:47 pmfevereiro 5, 2018

    Obrigado Dr Matope com explicação do CV, Foi aula interessante, isso implica que aquele que ouviu vai desenvolver a sua experiência

  6. Gerane 5:38 pmabril 10, 2018

    gostei da dica que sempre tem de ser essa maneira de explicar as a pessoas para saberem de como fazer as coisa

Este conteúdo não recebe comentários.