Advertisements

Endereço: Rua de Sofala, nº 62, Cidade Alta, Nacala-Porto – Nampula

Email: [email protected]

Validade: 18/08/2017

Local: Nampula

A Save the Children Internacional (SCI) pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Assistente de Recursos Humanos VG 20/17 Maputo.

Requisitos

  • Grau académico mínimo de 12ª Classe ou o equivalente, de preferência com alguma formação na área de Gestão de Recursos Humanos;
  • Conhecimento da legislação laboral moçambicana;
  • Conhecimento de informática (pacotes Excel, Word, Email, Internet);
  • Conhecimentos básicos da língua Inglesa constitui uma vantagem.

Conhecimentos/ Habilidades

  • Excelentes habilidades de relacionamento interpessoal e capacidade de comunicar de forma efectiva a todos os níveis;
  • Capacidade para trabalhar de forma independente e como membro de uma equipa;
  • Alto sentido de discrição no tratamento de informação confidencial;
  • Comprovada capacidade de organização incluindo habilidades para planificar, estabelecer prioridades e assegurar o cumprimento do trabalho de acordo com as exigências e metas estabelecidas;
  • Ser um individuo auto motivado e humilde na relação com as comunidades, colegas e demais pessoas que entrem em contacto com a Save the Children;
  • Actuar com ética no exercício da própria função;
  • Falar e escrever fluentemente Português;
  • Compromisso para entender e aplicar os valores, objectivos e princípios da Save the Children;
  • Possuir residência ou condições pessoais para residir permanentemente na cidade de Nampula.

Exigências

  • Carta de Candidatura;
  • Curriculum Vitae;
  • Três (3) Referências.
Advertisements

Endereço: Bairro Namutequeliua, Rua dos Combatentes, Casa nº 42 – Cidade de Nampula

Email: [email protected]

Validade: 30/08/2017

Local: Nampula

A AMODEFA está a recrutar para o seu quadro de pessoal uma (1) Enfermeira de SMI.

A Associação Moçambicana para o Desenvolvimento da Família – AMODEFA, cuja missão é de “Liderar, advogar e assegurar os direitos e acesso aos serviços de Saúde Sexual e reprodutivos integrados e de qualidade de forma inclusiva, em especial para adolescentes e jovens, numa abordagem baseada nos direitos”, é uma organização não-governamental de carácter não lucrativo, fundada a 15 de Junho de 1989, está a recrutar profissionais qualificados no âmbito do Projecto denominado LGBTI.

Introdução

O projecto de provisão de serviços de saúde para a comunidade LGBTI é uma iniciativa de um consorcio entre três organizações nomeadamente, AMODEFA, LAMBDA, e HAIA, com foco na provisão de serviços, informação, educação e comunicação em HIV e Saúde e Direitos Sexuais e Reprodutivos, visando tornar estes serviços mais abrangentes e amigáveis no âmbito da implementação do plano estratégico Nacional de resposta ao HIV e SIDA.

A efectivação desta intervenção prevê a contratação de Enfermeiras de Saúde Materno Infantil que serão integradas nas equipas de trabalho ao nível distrital em Cabo Delgado, Nampula, Cidade e Província de Maputo, locais onde terão lugar as intervenções da AMODEFA. Para o sucesso da intervenção, uma atenção especial será dedicada para a coordenação com os serviços distritais na planificação, implementação e monitoria conjunta das actividades, através da integração das equipas de supervisão, além de brigadas móveis de saúde.

Objectivos

O objectivo geral da intervenção é:

  • Apoiar a implementação da provisão de serviços de HIV e SSR ao grupo LGBT;
  • Os objectivos específicos da intervenção são os seguintes:
    • Apoiar às equipas distritais na melhoria do acesso aos serviços de SSR aos beneficiários (Aconselhamento e testagem em HIV, tratamento de ITS e seguimento dos casos positivos);
    • Aumentar o acesso e a qualidade dos serviços, através da sensibilização dos técnicos de saúde na prestação de serviços amigáveis para a comunidade LGBT.

Responsabilidades

  • Apoiar na planificação distrital de saúde e processos de monitoria e avaliação, assegurando a inclusão adequada destes serviços;
  • Contribuir para uma maior coesão e trabalho em equipe, através do envolvimento de todos na planificação, execução, coordenação e supervisão das acções ao nível do distrito;
  • Elaborar mensalmente relatórios descritivos e analíticos que informem o processo de gestão da intervenção.

Qualificações

  • Nível Médio ou Superior em SMI;
  • Experiência mínima de cinco (5) anos na área de SMI (vantagem) ou outras áreas relevantes relacionada com a saúde.

Competências (Conhecimentos, Habilidades e Atitudes)

  • Excelente conhecimento na implementação de programas de saúde, sobretudo em acções ao nível dos distritos e envolvimento comunitário no do Sistema Nacional de Saúde;
  • Excelente capacidade de análise de dados estatísticos e habilidades em produção de relatórios;
  • Capacidade em trabalhar num ambiente multicultural;
  • Fluente na língua Portuguesa e capacidade de comunicar-se eficazmente em línguas locais;
  • Conhecimentos e Habilidade no uso de computadores na óptica de utilizador como meio de informação e de trabalho para o processamento de dados e elaboração de relatórios;
  • Boa capacidade de adaptação e de trabalhar em equipa;
  • Boa capacidade de negociação;
  • Capacidade e disponibilidade para viver numa zona rural (distrito);
  • Habilidades em relações interpessoais e integração em ambientes diversificados e multiculturais;
  • Capacidade de trabalhar de forma independente e sob pressão.

Endereço: Rua Justino Chemane nº 271, R/C, Bairro Sommerschield II – Maputo

Email: [email protected]

Validade: 25/08/2017

Local: Nampula

A Plan International pretende recrutar para o seu quadro pessoal um (1) Consultor (Estudo de Base: Inquérito aos Agregados Familiares).

Background

  • A PlMz vai implementar a partir do corrente ano o projecto “Mulheres e meninas Saudáveis” – Healthy Women & Girls. Através deste projecto, a PIMz buscará melhorar a saúde sexual e reprodutiva, materna e neonatal – incluindo a redução dos riscos para a saúde associados aos casamentos e união marital precoce e forçada – em populações desfavorecidas na província de Nampula, Moçambique.

Objectivos do Estudo de Base

  • Estabelecer valores de linha de base para indicadores aprovados dos resultados pretendidos do projecto;
  • Providenciar informações para estabelecer metas realistas e realizáveis para o projecto de quatro (4) anos;
  • Fornecer evidências sobre factores contextuais chaves e verificar a compreensão da situação da Plan International nas áreas de intervenção do projecto em Moma, Mogovolas e cidade de Nampula.

Requisitos

  • Experiência demonstrada na coordenação e administração de estudos de linha de base/final, incluindo recolha, análise e interpretação de dados sensíveis ao género, gestão de dados e armazenamento, de preferência para estudos envolvendo adolescentes;
  • Experiência demonstrada em treinamento, facilitação e supervisão de pesquisadores digitadores para recolher e inserir dados de acordo com padrões de alta qualidade;
  • Experiência na colecta de dados através de dispositivos móveis é fortemente preferida;
  • Experiência demonstrada na análise de dados quantitativos e qualitativos;
  • Conhecimento e experiência com questões saúde sexual e reprodutiva, materna e neonatal, casamentos e união marital precoce e forçada, políticas e sistemas de serviços em Moçambique;
  • O conhecimento e a experiência em questões de igualdade de género são altamente preferidos;
  • Fluência em Inglês e Português (falado e escrito) é obrigatória.

Exigências

  • Curriculum Vitae;
  • Propostas Técnicas e Financeiras em envelope fechado (3 exemplares.

Sobre a Empresa

A Plan é uma organização internacional estabelecida em todo mundo, baseada em direitos da criança e centrada no Desenvolvimento Comunitário direccionado a criança (com ênfase as meninas), com orientada para a realização de direitos humanos com a finalidade de eliminar a pobreza infantil nos países em desenvolvimento. A visão da Plan está virada a criar um mundo em que todas as crianças realizam todo seu potencial em sociedades que respeitem os direitos e a dignidade

Endereço: Rua Justino Chemane nº 271, R/C, Bairro Sommerschield II – Maputo

Email: [email protected]

Validade: 25/08/2017

Local: Nampula

A Plan International pretende recrutar para o seu quadro pessoal um (1) Consultor (Estudo de Base: Avaliação de Igualdade de Género e Adolescência).

Background

  • A PlMz vai implementar a partir do corrente ano o projecto “Mulheres e meninas Saudáveis” – Healthy Women & Girls. Através deste projecto, a PIMz buscará melhorar a saúde sexual e reprodutiva, materna e neonatal – incluindo a redução dos riscos para a saúde associados aos casamentos e união marital precoce e forçada – em populações desfavorecidas na província de Nampula, Moçambique.

Objectivos do Estudo de Base

  • Estabelecer valores de linha de base para indicadores aprovados dos resultados pretendidos do projecto;
  • Providenciar informações para estabelecer metas realistas e realizáveis para o projecto de quatro (4) anos;
  • Fornecer evidências sobre factores contextuais chaves e verificar a compreensão da situação da Plan International nas áreas de intervenção do projecto em Moma, Mogovolas e cidade de Nampula.

Requisitos

  • Experiência demonstrada na realização de análises qualitativas ligadas ao género, preferencialmente para organizações internacionais sem fins lucrativos ou agências multilaterais na área de saúde sexual e reprodutiva, materna e neonatal, casamentos e/ou união marital precoce e forçada;
  • Experiência demonstrada na coordenação de estudos de linha de base e final para projectos específicos com forte enfoque na equidade de género;
  • Experiência demonstrada na concepção e facilitação de discussões de grupos focais e na realização de entrevista com informantes chaves em questões sensíveis como a sexualidade, a violência baseada no género e a dinâmica de género intra-familiar;
  • Experiência passada na facilitação de discussões de grupos focais e na realização de entrevista com informantes chaves de forma adequada para engajar adolescentes e meninos;
  • Conhecimento e experiência com questões de igualdade de género, casamentos e união marital precoce e forçada, saúde sexual e reprodutiva, materna e neonatal, políticas e sistemas de serviços em Moçambique;
  • Fluência em Inglês e Português (falado e escrito) é obrigatória.

Exigências

  • Curriculum Vitae;
  • Propostas Técnicas e Financeiras em envelope fechado (3 exemplares.

Sobre a Empresa

A Plan é uma organização internacional estabelecida em todo mundo, baseada em direitos da criança e centrada no Desenvolvimento Comunitário direccionado a criança (com ênfase as meninas), com orientada para a realização de direitos humanos com a finalidade de eliminar a pobreza infantil nos países em desenvolvimento. A visão da Plan está virada a criar um mundo em que todas as crianças realizam todo seu potencial em sociedades que respeitem os direitos e a dignidade

Endereço: Rua Justino Chemane nº 271, R/C, Bairro Sommerschield II – Maputo

Email: [email protected]

Validade: 25/08/2017

Local: Nampula

A Plan International pretende recrutar para o seu quadro pessoal um (1) Consultor (Estudo de Base: Avaliação das Instalações de Saúde).

Background

  • A PlMz vai implementar a partir do corrente ano o projecto “Mulheres e meninas Saudáveis” – Healthy Women & Girls. Através deste projecto, a PIMz buscará melhorar a saúde sexual e reprodutiva, materna e neonatal – incluindo a redução dos riscos para a saúde associados aos casamentos e união marital precoce e forçada – em populações desfavorecidas na província de Nampula, Moçambique.

Objectivos do Estudo de Base

  • Estabelecer valores de linha de base para indicadores aprovados dos resultados pretendidos do projecto;
  • Providenciar informações para estabelecer metas realistas e realizáveis para o projecto de quatro (4) anos;
  • Fornecer evidências sobre factores contextuais chaves e verificar a compreensão da situação da Plan International nas áreas de intervenção do projecto em Moma, Mogovolas e cidade de Nampula.

Requisitos

  • Mínimo de cinco (5) anos de experiência na coordenação e administração de avaliações de instalações de saúde e outros estudos relacionados, incluindo colecta e entrada de dados sensíveis ao género, gestão e armazenamento, de preferência organizações internacionais sem fins lucrativos ou agências multilaterais e estudos multinacionais;
  • Experiência demonstrada na facilitação e supervisão do pessoal de avaliação das instalações de saúde para colectar e inserir dados de acordo com padrões de alta qualidade;
  • Experiência demonstrada na análise de dados quantitativos e qualitativos.

Exigências

  • Curriculum Vitae;
  • Propostas Técnicas e Financeiras em envelope fechado (3 exemplares.

Sobre a Empresa

A Plan é uma organização internacional estabelecida em todo mundo, baseada em direitos da criança e centrada no Desenvolvimento Comunitário direccionado a criança (com ênfase as meninas), com orientada para a realização de direitos humanos com a finalidade de eliminar a pobreza infantil nos países em desenvolvimento. A visão da Plan está virada a criar um mundo em que todas as crianças realizam todo seu potencial em sociedades que respeitem os direitos e a dignidade

Email: [email protected]

Validade: 10/08/2017

Local: Moma – Nampula

A Kenmare pretende recrutar para o seu quadro pessoal um (1) Engenheiro de Optimização de Processos. (Ref nº: KME 25.07.17)

Funções e Responsabilidades

  • Implementar acções de sensibilização e reforçar as práticas de trabalho seguro através de reuniões regulares de Saúde e Segurança Ocupacional, formação em segurança ocupacional no local de trabalho e modelar o comportamento de segurança relevante;
  • Garantir uma compreensão das prioridades estratégicas e objectivos da Mina de Kenmare;
  • Identificar, recomendar e implementar melhorias para optimizar a capacidade de negócio para melhorar;
  • Implementar novas tecnologias/ processos para impulsionar a melhoria contínua;
  • Apoiar todas as instalações mineiras e industriais para alcançar seus objectivos de melhoria contínua;
  • Impulsionar a excelência operacional e auxiliar na melhoria contínua do sistema, processo e produto;
  • Fornecer liderança/ orientação/ formação para todos os níveis da operação sobre o uso e prática da metodologia e ferramentas;
  • Apoiar a gestão de operações das minas no desenvolvimento, planeamento e execução de estratégia;
  • Apoiar a Direcção no estabelecimento de indicadores-chave de desempenho e métricas do projecto aos objectivos operacionais estratégicos, usando os princípios do Business Process Management;
  • Planear e auxiliar na execução de vários eventos e projectos de transformação voltados para melhoria e desempenho de instalações mineiras e industriais em segurança, qualidade, produção de resultados e controlo de custos;
  • Actuar como um dos principais impulsionadores das mudanças na Empresa, apoiar decisões administrativas e comunicar as mudanças nas instalações e aos trabalhadores, ajudando-os a aprender, entender, ajustar e crescer com a transformação do negócio;
  • Planear e facilitar as actividades de melhoramento contínuo, isto é, da área operacional até ao sector administrativo, conforme necessário, para suportar planos de melhoria de fluxo de valor;
  • Fazer e documentar propostas para melhoria de processos e procedimentos e comunicar-se com a equipa de gestão e liderança na implementação de mudanças;
  • Apoiar no aprimoramento de sistemas de gestão de qualidade com enfoque na satisfação do cliente, padronização de processos de negócios, confiabilidade e eficácia;
  • Influenciar a liderança da empresa na transformação em apoio a uma cultura de melhoria contínua;
  • Contribuir para competitividade da mina Kenmare, através de redes externas e benchmarking na indústria, fóruns nacionais e internacionais;
  • Contribuir para o processo de orçamentação, ponderando os custos, riscos e potenciais retornos das despesas relacionadas à força de trabalho, materiais, equipamentos, infra-estruturas e tecnologia;
  • Garantir o cumprimento dos requisitos financeiros nos departamentos, tendo em conta as restrições orçamentais acordadas por um período anula (custos operacionais) de capital e de contratos;
  • Utilizar efectivamente os recursos existentes para aumentar a eficiência operacional.

Requisitos

Conhecimentos e Experiência:

  • Formação: Nível Superior (Engenharia, Mineração ou outra similar);
  • Experiência comprovada (Optimização de Processos);
  • Pelo menos sete (7) anos de experiência na Indústria Mineira, dos quais três (3) em funções de Superintendente;
  • Fluência em Português e em Inglês.

O candidato ideal deverá ter os seguintes atributos:

  • Capacidade de trabalhar em equipa;
  • Planeamento e Organização;
  • Gestão de Tempo e de Stress;
  • Alto nível de integridade;
  • Adaptabilidade.

Exigências

  • Carta de Candidatura;
  • Curriculum Vitae.

Guia de recrutamento para quem deseja ter mais informações sobre como conseguir uma oportunidade de emprego na Kenmare em Moçambique.

Sobre a Kenmare

Kenmare Resources plc é uma empresa de mineração internacional, cuja principal actividade do é a exploração da Mina de Minérios de Titânio de Moma, localizada na costa nordeste de Moçambique desde 2009. A Kenmare é reconhecida como um importante fornecedor de produtos de areia mineral para uma base de clientes global que opera em mais de 15 países.

Oportunidades de emprego na Kenmare

Oportunidades de emprego na Kenmare

Consulte as mais recentes vagas de emprego da Kenmare clicando na página de vagas da Kenmare no MMO emprego e escolha aquela que melhor se adeqúe ao seu perfil.

Clique aqui para consultar vagas na Kenmare Moçambique

Apesar de trabalho na Kenmare remeter à trabalho braçal, na verdade existem diversas opções de carreira na empresa. Assim como as demais empresas, existem vários departamentos que precisam de recursos humanos diferenciados para que a máquina da instituição funcione correctamente. Portanto, áreas administrativas, de gestão e técnicas também são procuradas. Boa sorte!

Vagas no Instituto Nacional de Estatística

Endereço: Av. 24 de Julho nº 1989 – Maputo

Caixa Postal, nº 493 – Maputo

Validade: 21/08/2017

Local: Nampula

O Instituto Nacional de Estatística (INE) pretende recrutar para o seu quadro de pessoal três (3) Inquiridores.

Conteúdo de Trabalho

  • Garantir a recolha de preços junto aos estabelecimentos comerciais e mercados para o cálculo do Índice de Preços ao Consumidor (IPC).

Requisitos

  • Ser moçambicano de idade compreendida entre 18 e 25 anos;
  • Possuir pelo menos, 12ª Classe do Ensino do Sistema Nacional de Educação concluída ou equivalente;
  • Ter domínio de pacotes informáticos na óptica de utilizador;
  • Ter domínio da língua Portuguesa e de línguas da província onde se candidata;
  • Disponibilidade em tempo integral para o objecto da contracção;
  • Não se encontrar em situação de aluno, estudante, trabalhador ou, de qualquer forma, com outra ocupação, durante o período de duração do contrato objecto do presente concurso;
  • Ter participado em trabalhos similares em inquéritos e censos estatísticos realizados pelo INE ou outras instituições é uma vantagem;
  • Possuir condições de acomodação próprias junto do local de trabalho na província objecto da contratação;
  • Alto sentido de responsabilidade;
  • Capacidade de trabalhar sob pressão, dentro e fora das horas normais de serviço;
  • Capacidade de trabalhar em equipa e no campo.

Exigências

Os candidatos às vagas em referência deverão dirigir um requerimento ao Presidente do Instituto Nacional de Estatística indicando na mesma a vaga que se candidatam, ao qual deverão anexar os seguimentos documentos:

  • Fichas de Candidatura (devidamente preenchida e assinada);
  • Fotocópia autenticada pelo Notário, de Bilhete de Identidade ou Certidão de Registo de Nascimento;
  • Curriculum Vitae (CV) em línguas Portuguesa;
  • Fotocópia autenticada pelo Notário, Certificado de Habilitações Literárias;
  • Atestado Médico de Sanidade Mental e capacidade física para o desempenho de funções na Administração Pública;
  • Declaração sob compromisso de honra;
  • Certificado de Registo Criminal;
  • Declaração Militar;
  • NUIT;
  • NIB.

Endereço: Rua Cidade de Moçambique, 10 – Nampula

Av. Eduardo Mondlane, 1067 – Quelimane

Validade: 01/10/2017

Local: Nampula

A Universidade Mussa Bin Bique pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Técnico Médio em Contabilidade.

Requisitos

  • Nível Técnico Médio em Contabilidade e Auditoria;
  • Larga experiência profissional e conhecimento do uso de Primavera.

Benefícios

  • Garante se um salário compatível e ambiente de trabalho favorável, com possibilidades de progressão na carreira.

Exigências

  • Carta de Manifestação de Interesse dirigida ao Magnifico Reitor da UMBB;
  • Curriculum Vitae;
  • Fotocópia autenticada do Certificado de Habilitações Literárias;
  • Fotocópia autenticada do documento de identificação do candidato (BI, Passaporte ou DIRE);
  • Fotocópia autenticada de Cartas de Recomendações.

Endereço: Rua Cidade de Moçambique, 10 – Nampula

Av. Eduardo Mondlane, 1067 – Quelimane

Validade: 22/10/2017

Local: Nampula

A Universidade Mussa Bin Bique pretende recrutar para o seu quadro de pessoal oito (8) Docentes nas seguintes áreas de Formação:

  • Dois (2) em Direito
  • Dois (2) em Administração Pública
  • Dois (2) em Gestão ou Contabilidade
  • Dois (2) em Ciências Agrárias

Requisitos

  • Nível de Doutor ou Mestre;
  • Tempo Integral.

Exigências

  • Carta de Manifestação de Interesse dirigida ao Magnifico Reitor da UMBB;
  • Curriculum Vitae;
  • Fotocópia autenticada do Certificado de Habilitações Literárias;
  • Fotocópia autenticada do documento de identificação do candidato (BI, Passaporte ou DIRE);
  • Fotocópia autenticada de Cartas de Recomendações.

Email: [email protected]

Validade: 04/08/2017

Locais: Xai-Xai, Beira e Nampula

A Vitens Evides International (VEI) pretende recrutar para o seu quadro de pessoal três (3) Coordenadores Regionais para a Implementação de um Programa de Assistência Técnica (2017-2021).

Sob a supervisão da VEI, o Coordenador Regional é responsável pela preparação, implementação e avaliação do programa AT numa região do FIPAG. O Coordenador Regional tem um papel chave no programa AT e no apoio dos especialistas da VEI.

Responsabilidades

  • Converter o plano para os cinco (5) anos em planos anuais, em colaboração com a gestão regional;
  • Traduzir o plano anual em termos de referencia para as visitas dos especialistas;
  • Elaborar relatórios do progresso, planos de actividades e avaliações;
  • Planificar as visitas dos especialistas;
  • Acompanhar os especialistas durante as visitas;
  • Apoiar os especialistas na elaboração das recomendações e a tradução das mesmas para português;
  • Desenvolver planos especialistas durante as visitas;
  • Desenvolver o material de comunicação;
  • Participar em encontros (regionais);
  • Executar estudos implementar formações em áreas a definir.

Requisitos

  • Bacharelato, Licenciatura ou de preferência Mestrado em áreas de Água, Saneamento ou Ciências Ambientais (Engenharia Civil, Hidráulica, Electro-Técnica ou Mecânica);
  • Conhecimento de gestão e administração de empresas será uma vantagem;
  • No mínimo cinco (5) anos de experiência no sector de água: gestão de activos, manutenção de equipamento de rede e de produção, gestão comercial, investimentos (desenho e implementação), perdas e fontes de água;
  • Experiência de trabalho com organizações internacionais no sector de água e especificamente na área de capacitação e assistência técnica.

Competências e Habilidades

  • Iniciativa e pró-actividade;
  • Foco em resultados;
  • Flexibilidade;
  • Habilidades de comunicação intercultural;
  • Colaboração em equipes;
  • Habilidades de planificação.

Outros Requisitos

  • Carta de condução e passaporte (de preferência de nacionalidade moçambicana):
  • Disponibilidade em deslocações para fora do local de trabalho;
  • Idade 25-40 anos;
  • Fluente em Português e Inglês.

Áreas especificas requeridas por região

  • Região sul: Conhecimento de sistemas de tratamento de agua, gestão de fontes de agua com enfâse para a exploração subterrânea (furos), gestão de informação, manutenção e perdas.
  • Região centro: Manutenção.
  • Região norte: Perdas.

Local e Condições de Trabalho

  • A função corresponde ao titulo de “coordenador regional”;
  • Trabalharão nos escritórios regionais;
  • Seguro de saúde;
  • Flexibilidade nas horas de trabalho;
  • Autorização para uso de viatura e laptop durante o período de trabalho;
  • O período probatório será de seis (6) meses. Após comprovada a capacidade, o candidato adquire um contrato determinado por dois (2) anos que pode ser prorrogado por um (1) ano – totalizando três (3) anos;
  • Se necessário serão organizadas formações.

Exigências

  • Curriculum Vitae;
  • Carta de Motivação/ Recomendação.

Nota: Indica na carta a sua região de preferência.

Email:[email protected]

Validade: 02/08/2017

Local: Nampula

Duração: 1 ano renovável

A Creative Associates International pretende recrutar para o seu quadro de pessoal doze (12) Oficiais Distritais.

O Oficial Distrital estará baseado no SDEJT (Serviço Distrital da Educação, Juventude e Tecnologia) na Repartição de Educação Geral dos seguintes distritos de: Rapale, Murrupula, Mossuril e Ilha de Moçambique (um posto), Monapo, Moma, Mogovolas, Mecuburi, Ribaué, Lalaua, Malema, Eráti e Memba.

Contexto

  • USAID Vamos Ler! é um programa implementado em colaboração com o Ministério da Educação e Desenvolvimento Humano (MINEDH) e financiado pela Agência dos Estados Unidos para Desenvolvimento Internacional (USAID), tem objectivo de melhorar as habilidades de oralidade, leitura, escrita nas classes inicias (1ª, 2ª e 3ª classes) reforçando a estratégia da educação bilingue nas Províncias de Nampula e Zambézia. Para este fim, o programa Vamos Ler! prestará assistência técnica para melhorar a instrução de literacia em três línguas locais, Emakhuwa, Elomwe e Echuwabo, alem de Português. O programa pretende recrutar 20 Oficiais Distritais nas duas províncias para apoiar na sua implementação: 12 na província de Nampula e 8 para os distritos seleccionados na província de Zambézia. O programa Vamos Ler! tem uma duração de 5 anos até Julho 2021.

Resumo da Posição

  • O Oficial Distrital é uma posição que visa garantir maior envolvimento dos actores da educação e a sustentabilidade das actividades do programa a nível do distrito, sobretudo na área de expansão e melhoramento da educação bilingue.

Funções e Responsabilidades

No apoio à Repartição de Educação Geral no SDEJT, o Oficial Distrital é responsável pelas seguintes tarefas:

  • Coordenar a implementação todas actividades de programa Vamos Ler! ao nível distrital;
  • Participar em/ou organizar encontros de planificação ligados ao programa Vamos Ler! com os técnicos dos SDEJT e representantes do Governo distrital;
  • Garantir a integração dos planos do programa Vamos Ler! nos planos distritais;
  • Capacitar e dar assistência técnica-estratégica ao SDEJT, ZIPs (Zonas da Influência Pedagógicas) e escolas na preparação, coordenação, administração, implementação e monitoria das actividades do programa Vamos Ler! e nas áreas transversais como igualdade de género, educação inclusiva ao nível distrital na base da identificação das necessidades de apoio técnico;
  • Garantir a gestão adequada de fundos alocados às actividades, de acordo com as políticas e procedimentos da USAID e Vamos Ler!;
  • Apoiar e supervisionar o processo de distribuição e uso de livros às escolas;
  • Recolher os dados de Monitoria e Avaliação nas ZIPs e escolas nas todas áreas do programa Vamos Ler! (leitura, fortalecimento dos sistemas, mobilização das comunidades);
  • Apoiar na recolha, compilação, finalização, edição dos relatórios trimestrais sobre os sucessos e desafios no programa.

Requisitos

  • Nível de Licenciatura em Educação/ Gestão Escolar, Ciências Sociais, Psicopedagogia, Linguística ou áreas afins;
  • Experiência comprovada de pelo menos três (3) anos na formação, capacitação e assistência técnica aos representantes ou institutos do governo no sector da educação a diferentes níveis (nacional, provincial, distrital e escola/ comunidade), por exemplo MINEDH, DPEDH, SDEJT e/ou instituições locais de educação tais como IFP, UP e UEM;
  • Experiência e conhecimento sobre educação bilingue;
  • Habilidade de ler, escrever em Emakhuwa de acordo com o padrão ortográfico;
  • Habilidade de produzir relatórios trimestrais no tempo oportuno com proficiência da língua Portuguesa;
  • Conhecimento e experiência na monitoria;
  • Proficiência no uso de pacotes de software do computador (Word, Excel, PowerPoint, Outlook, etc);
  • Experiência de trabalhar com ONGs internacionais ou OSC locais e/ou doadores;
  • Experiência e conhecimento sobre as estratégias de formação, acompanhamento, capacitação, fortalecimento das organizações, comunicação para os adultos e mobilização das comunicação para os adultos e mobilização das comunidades;
  • Licença/ habilidades para dirigir motocicleta.

É desejável

  • Ter residência no distrito para o qual se candidata;
  • Proficiência na comunicação oral em Inglês;
  • Flexibilidade de trabalhar em diferentes locais e horário de trabalho irregular.

Exigências

  • Curriculum Vitae;
  • Carta de Manifestação de Interesse e Motivação.

Endereço: Rua de Sofala, nº 62 – Nacala-Porto – Nampula

Email: [email protected]

Validade: 30/07/2017

Local: Nampula

A Save the Children Internacional (SCI) pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Oficial de Administração e Finanças – VG-SC 024/2017.

Propósito do Trabalho

  • Providenciar um eficaz, eficiente e profissional serviço de finanças ao Projecto juntos educando a criança, provisão de apoio aos programas de SCIMOZ;
  • Dá o seu contributo no cumprimento da missão da Save the Children, e cria a garantia ao funcionamento ético de contabilidade. E faz parte da Direcção Administrativa e responde ao Gestor de Finanças.

Requisitos

  • Licenciatura em Contabilidade ou curso similar;
  • Pelo menos três (3) anos de experiência em trabalho similar, de preferência com ONG’s.

Conhecimentos/ Habilidades

  • Excelentes habilidades pessoais;
  • Capacidade para trabalhar de forma independente e como membro de uma equipa;
  • Comprovada capacidade de organização incluindo habilidades para planificar, estabelecer prioridades e assegurar o cumprimento do trabalho de acordo com as exigências e metas estabelecidas;
  • Ser um individuo auto motivado e humilde no trato com as comunidades, colegas e demais pessoas que entram em contacto com a Save the Children Internacional;
  • Actuar com ética no exercício da função;
  • Conhecimento de informática pacotes (Excel, Word, PowerPoint, Email, Internet e outros softwares);
  • Falar e escrever fluentemente Português. Conhecimentos básicos da língua Inglesa constitui uma vantagem;
  • Compromisso para entender e aplicar os valores, objectivos e princípios da Save the Children.

Exigências

  • Carta de Candidatura dirigida ao Director Provincial;
  • Curriculum Vitae;
  • Três (3) Referências.

Endereço: Rua de Sofala, nº 62 – Nacala-Porto – Nampula

Email: [email protected]

Validade: 30/07/2017

Local: Nampula

A Save the Children Internacional (SCI) pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Oficial de Logística para Projecto Juntos Educando a Criança – VG-SC 022/2017.

Propósito do Trabalho

  • O titular do posto deverá providenciar adequado apoio nos serviços de compras que responda as demandas do Projecto de Educação e Alimentação Escolar de forma eficiente, eficaz e em estreita observância das normas e regulamentos da Save the Children em Moçambique (SCIMOZ) e dos doadores.

Requisitos

  • Licenciatura em Logística e Procurement, Contabilidade ou áreas afins;
  • Pelo menos três (3) anos de experiência comprovada na área de Logística e Procurement;
  • Carta de condução de viatura e moto válida sem cadastro e com boa capacidade na condução;
  • Experiência de trabalho com ONGs Internacionais;
  • Conhecimento de informática pacotes (Excel, Word, PowerPoint, Email, Internet e outros softwares).

Conhecimentos/ Habilidades

  • Falar e escrever fluentemente Português e conhecimento básico de Inglês;
  • Excelentes habilidades pessoais;
  • Capacidade para trabalhar de forma independente e como membro de uma equipa;
  • Comprovada capacidade de organização incluindo habilidades para planificar, estabelecer prioridades e assegurar o cumprimento do trabalho de acordo com as exigências e metas estabelecidas;
  • Ser um individuo auto motivado e humilde no trato com as comunidades, colegas e demais pessoas que entram em contacto com a Save the Children Internacional;
  • Actuar com ética no exercício da função;
  • Conhecimento das Técnicas de Aprovisionamento (armazém), compra, gestão da frota e administração (constitui uma vantagem);
  • Alto sentido de discrição no trato de informação confidencial;
  • Com capacidade de trabalhar sobre pressão e com disponibilidade para trabalhar sempre que necessário fora das horas normais de expediente;
  • Com forte habilidades de comunicação escrita e verbal;
  • Habilidade em resolver problemas e com muita iniciativa;
  • Habilidade em gerir muitas tarefas;
  • Cortesia e habilidade de negociação;
  • Flexibilidade sob pressão e capaz de responder a mudança de necessidades;
  • Atento aos detalhes e excelente em cálculos;
  • Compromisso para entender e aplicar os valores, objectivos e princípios da Save the Children.

Exigências

  • Carta de Candidatura dirigida ao Director Provincial;
  • Curriculum Vitae;
  • Três (3) Referências.

Endereço: Rua de Sofala, nº 62 – Nacala-Porto – Nampula

Email: [email protected]

Validade: 30/07/2017

Local: Nampula

A Save the Children Internacional (SCI) pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Oficial de Qualidade para Projecto do MCSP – VG-SC 026/2017.

Propósito do Trabalho

  • Providenciar um eficaz, eficiente e profissional serviço de Finanças ao Projecto juntos educando a criança, provisão de apoio aos programas de SCIMOZ;
  • Dá o seu contributo no cumprimento da missão da Save the Children, e cria a garantia ao funcionamento ético de contabilidade. E faz parte da Direcção Administrativa e responde ao Gestor de Finanças.

Requisitos

  • Uma compreensão demonstrada das abordagens de mobilização comunitária participativa combinada com uma ampla perspectiva de desenvolvimento e experiência de campo substancial em Moçambique e na província alvo;
  • Pelo menos 3-5 anos de experiência sólida e comprovada numa das seguintes áreas técnicas relevantes: Saúde Materno Infantil, Medicina Curativa ou Geral, Enfermagem, Saúde Pública, Psicologia, Sociologia, Desenvolvimento Rural de preferência de trabalho numa ONG;
  • Nível Médio/ Bacharel ou Licenciatura numa das áreas relevantes para este programa;
  • Experiência de trabalho no MCHIP constitui vantagem.

Conhecimentos/ Habilidades

  • Experiência de facilitação em Saúde Reprodutiva, AIDI, PDQ;
  • Forte comunicação e habilidades da escrita em língua Portuguesa;
  • Excelentes habilidades de relacionamento interpessoal e capacidade de comunicar de forma efectiva a todos os níveis;
  • Capacidade para trabalhar de forma independente e como membro de uma equipa;
  • Alto sentido de discrição no trato de informação confidencial;
  • Comprovada capacidade de organização incluindo habilidades para planificar, estabelecer prioridades e assegurar o cumprimento do trabalho de acordo com as exigências e metas estabelecidas;
  • Ser um individuo auto motivado e humilde na relação com as comunidades, colegas e demais pessoas que entrem em contacto com o programa MCSP;
  • Actuar com ética no exercício da função;
  • Focalizado e orientado para resultados;
  • Com capacidade de trabalhar sobre pressão e com disponibilidade para trabalhar sempre que for necessário fora das horas normais de expediente;
  • Bons conhecimentos da língua Portuguesa (falado e escrito);
  • Conhecimentos básicos da língua Inglesa constitui uma vantagem.

Exigências

  • Carta de Candidatura dirigida ao Director Provincial;
  • Curriculum Vitae;
  • Três (3) Referências.

Endereço: Rua de Sofala, nº 62 – Nacala-Porto – Nampula

Email: [email protected]

Validade: 30/07/2017

Local: Moma, Mongovolas e Nacarôa – Nampula

A Save the Children Internacional (SCI) pretende recrutar para o seu quadro de pessoal três (3) Oficiais de Desenvolvimento Comunitário do MCSP – VG-SC 025/2017.

Propósito do Trabalho

  • O Oficial de Desenvolvimento Comunitário é responsável por desenhar, monitorar e avaliar as actividades de Projecto MCSP relacionada a mobilização comunitária ao nível do Distrito em colaboração com SDSMA;
  • Dará ênfase aos factores sociais, culturais e económicos que afectam a saúde materna, neonatal e infantil, com atenção especial a equidade de género;
  • Dado o impacto das doenças de notificação obrigatória inclusive HIV/SIDA, malária, diarreia, desnutrição, vacinação em Moçambique, o AMC deverá integrar as intervenções de SMNI com as de prevenção de doenças de notificação obrigatório e HIV/SIDA sempre que possível.

Requisitos

  • Habilitações Literárias mínima 12ª Classe;
  • Nível Elementar ou Básico em Saúde, formado em Medicina preventiva, saúde materno-infantil, desenvolvimento comunitário ou áreas afins constitui vantagem;
  • Uma pessoa dinâmica;
  • Experiência extensiva em mobilização comunitária;
  • Entendimento demonstrado dos assuntos relacionados com a saúde da Comunidade, Saúde Materna e Infantil, Reprodutiva, Planeamento Familiar, HIV/SIDA combinado com uma perspectiva em desenvolvimento e experiência substancial no campo;
  • Facilidade de se comunicar em língua local;
  • Habilidades fortes em escrever e comunicar;
  • Habilidade de trabalhar efectivamente e respeitosamente com pessoas de diferentes antecedentes;
  • Disponibilidade para passar o seu tempo na comunidade e trabalhar com os comités comunitários de saúde;
  • Possuir carta de condução de Moto;
  • Possuir residência no Distrito;
  • Falar a língua local.

Vantagens

  • Ter experiência de trabalho com parceiros locais, governo e organizações baseadas na comunidade;
  • Com capacidade de trabalhar sobre pressão e com disponibilidade para trabalhar sempre que for necessário fora das horas normais de expediente;
  • Conhecimentos mínimos de informática (Excel, Word) e de análise de informação.

Exigências

  • Carta de Candidatura dirigida ao Director Provincial;
  • Curriculum Vitae;
  • Três (3) Referências.

Email: [email protected]

Local: Maputo

Somos uma empresa de Assistência Técnica Informática localizada na Cidade de Maputo, especializada na reparação de laptops, venda de computadores e acessórios, software de gestão e instalação de rede.

Estamos neste momento a recrutar Vendedores de Softwares de Gestão na Província de Inhambane, Beira, Nampula e Tete com habilidades em vendas para a venda dos nossos softwares de gestão: restauração, bares, mercearias, talhos e muito mais.

Funções

  • Promover os nossos softwares;
  • Prospecção de novos clientes;
  • Garantir suporte com a ajuda dos técnicos de Maputo.

Perfil

  • Formação Média ou Superior;
  • Estudante de informática ou informática de gestão;
  • Forte capacidade de relacionamento interpessoal, enérgico e orientado para resultados;
  • Discurso cuidado e comunicação;
  • Gosto pela área comercial;
  • Possuir um Laptop;
  • Fazer a prospecção do mercado;
  • Boa comunicação na língua Inglesa;
  • Identificar oportunidades de negócio;
  • Gerir a relação com clientes;
  • Conhecimentos de redes sociais (Facebook, Linkedin);
  • Conhecimentos de ferramentas de trabalho tais como Skype, TeamViewer.

Benefícios

  • Salário: comissão sobre vendas.

 

Endereço: Rua do Tchamba, nº 398 – Maputo

Email: [email protected]

Validade: 12/07/2017

Local: Gaza, Maputo, Sofala, Manica, Tete, Zambézia e Nampula

A Save the Children Internacional (SCI) pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Coordenador Provincial de Monitoria e Avaliação, Prestação de Contas e Aprendizagem MEAL SCI- VG 024/17 Gaza e Maputo, SCI- VG 012/17 Sofala e Manica, SCI- VG 025/ 17 Tete e Zambézia, SCI- VG 019/17 Nampula.

Requisitos

  • Licenciatura em Ciências Sociais, Estatística Trabalho Social, Administração Social, Estudos de Desenvolvimento ou outra disciplina académica relevante;
  • Experiência mínima de três (3) anos de desenvolvimento e implementação de sistemas de M&A eficazes e/ou mecanismos de responsabilização nas respostas humanitárias e de desenvolvimento;
  • Experiência anterior como Coordenador de MEAL ou Oficial de MEAL para pelo menos 2 projectos em simultâneo;
  • Historial demonstrável no rastreamento de dados e avaliação com a capacidade de apoiar o pessoal e parceiros em metodologias de M&A, análise e divulgação de informações de informações para uma gama de públicos interessados;
  • Conhecimentos de informática, principalmente em Word, Excel e PowerPoint;
  • Excelentes habilidades de planeamento, coordenação e comunicação, com capacidade de organizar uma carga de trabalho substancial composto por diversas tarefas e responsabilidades complexas;
  • Fortes habilidades de comunicação e interpessoais em Inglês, com experiência de trabalho em equipa orientada em valores multicultural, multi-localização;
  • Disponibilidade para trabalhar e viajar em ambientes muitas vezes difíceis e inseguros;
  • Compromisso em entender e aplicar valores, objectivos, políticas e princípios da Save the Children Internacional.

Exigências

  • Curriculum Vitae (em Português e Inglês);
  • Carta de Motivação (em Português e Inglês).

Endereço: Av. Josina Machel nº 256 – Nampula

Caixa Postal 544 – Nampula

Tel/Fax: 26 215 738

Validade: 02/08/2017

Local: Nacala-Porto – Nampula

A Universidade Pedagógica (UP) – Delegação de Nampula nos Campus de Nacala-Porto pretende recrutar para o seu quadro de pessoal Docentes nas áreas:

  • Direito (2 vagas para tempo parcial)
  • Educação Visual (3 vagas: 1 para inteiro e 2 para tempo parcial)
  • Física (1 vaga para tempo inteiro)
  • Informática (3 vagas para tempo inteiro)
  • Gestão de Recursos Humanos (4 vagas: 1 para tempo inteiro e 3 para tempo parcial)
  • Contabilidade (2 vagas para tempo parcial)
  • Economia (2 vagas para tempo parcial)
  • Pedagogia (1 vaga para tempo inteiro)
  • Psicologia (1 vaga para tempo inteiro)
  • Geografia (1 vaga para tempo parcial)
  • Gestão Ambiental e Desenvolvimento Comunitário (2 vagas: 1 para tempo inteiro e 1 para tempo parcial)
  • Desenvolvimento Comunitário ou equivalente (1 vaga para tempo parcial)
  • Desenho Multimédia (1 vaga para tempo parcial)
  • Gestão de Empresas (3 vagas: 1 para tempo inteiro e 2 para tempo parcial)
  • Engenharia Electrónica (1 vaga para tempo parcial)
  • Arquitectura (1 vaga para tempo parcial)
  • Engenharia de Construção Civil  (6 vagas: 3 para tempo inteiro e 3 para tempo parcial)
  • Turismo (2 vagas para tempo parcial)

Requisitos

  • Ter o nível de Doutoramento, Mestrado ou Licenciatura na área ou disciplina que pretende leccionar;
  • Ter experiência na leccionação no Ensino Superior é uma vantagem;
  • Ter publicações de artigos, livros científicos;
  • Ter experiência profissional na área de formação.

Exigências

  • Requerimento de pedido de contratação dirigido ao Magnífico Reitor da Universidade Pedagógica;
  • Certificado de Habilitações Literárias;
  • Curriculum Vitae do candidato, em que se destaquem actividades de índole científico – académico e experiência de leccionação;
  • Cópia autenticada do Bilhete de Identidade;
  • NUIT.

Endereço: Av. Josina Machel nº 256 – Nampula

Caixa Postal 544 – Nampula

Tel/Fax: 26 215 738

Validade: 02/08/2017

Local: Napipine – Nampula

A Universidade Pedagógica (UP) – Delegação de Nampula nos Campus de Napipine pretende recrutar para o seu quadro de pessoal Docentes nas áreas:

  • Antropologia (4 vagas: 2 para tempo inteiro e 2 para tempo parcial)
  • Ciências Políticas (3 vagas para tempo parcial)
  • Contabilidade (2 vagas para tempo parcial)
  • Desenho Multimédia (1 vaga para tempo parcial)
  • Direito (1 vaga para tempo parcial)
  • Economia (2 vagas para tempo parcial)
  • Educação Física e Desporto (4 vagas: 3 para tempo inteiro e 1 para tempo parcial)
  • Educação Visual (1 vaga para tempo parcial)
  • Engenharia Electrónica (3 vagas: 2 para tempo inteiro e 1 para tempo parcial)
  • Filosofia (1 vaga para tempo parcial)
  • Informática (1 vaga para tempo parcial)
  • Geologia (3 vagas: 2 para tempo inteiro e 1 para tempo parcial)
  • Gestão de Recursos Humanos (3 vagas para tempo parcial)
  • Ciências Alimentares/ Nutrição (2 vagas para tempo parcial)
  • Física (3 vagas: 2 para tempo inteiro e 1 para tempo parcial)
  • Filosofia (1 vaga para tempo parcial)
  • Matemática (1 vaga para tempo parcial)
  • Psicologia (1 vaga para tempo parcial)
  • Psicologia de Saúde (1 vaga para tempo parcial)
  • Psiquiatria (1 vaga para tempo parcial)
  • Sociologia (5 vagas: 3 para tempo inteiro e 2 para tempo parcial)
  • Turismo (1 vaga para tempo inteiro)
  • Topografia (1 vaga para tempo parcial)
  • Biologia/ Laboratório (1 vaga para tempo inteiro)
  • Química/ Laboratório (1 vaga para tempo inteiro)
  • Física/ Laboratório (1 vaga para tempo inteiro)
  • Geologia/ Laboratório (1 vaga para tempo inteiro)
  • Gestão/ Laboratório (1 vaga para tempo inteiro)

Requisitos

  • Ter o nível de Doutoramento, Mestrado ou Licenciatura na área ou disciplina que pretende leccionar;
  • Ter experiência na leccionação no Ensino Superior é uma vantagem;
  • Ter publicações de artigos, livros científicos;
  • Ter experiência profissional na área de formação.

Exigências

  • Requerimento de pedido de contratação dirigido ao Magnífico Reitor da Universidade Pedagógica;
  • Certificado de Habilitações Literárias;
  • Curriculum Vitae do candidato, em que se destaquem actividades de índole científico – académico e experiência de leccionação;
  • Cópia autenticada do Bilhete de Identidade;
  • NUIT.

Endereço: Av. das FPLM (Edifício da Save the Children) – Nampula

Email:[email protected]

Validade: 07/07/2017

 Local: Nampula

O Centro de Aprendizagem e Capacitação da Sociedade Civil (CESC) pretende recrutar para o seu quadro pessoal um (1) Assistente Administrativo/ Logístico.

Requisitos

  • Habilitações académicas: Nível Médio (Comercial/ Contabilidade);
  • Experiência profissional desejada: Mínimo de três (3) anos em funções de administração. financeira e de procurement;
  • Experiência de trabalho em Organizações Não-Governamentais poderá constituir uma vantagem;
  • Boa capacidade de comunicação;
  • Residência na Cidade de Nampula, será uma vantagem;
  • Disponibilidade imediata;
  • Português – Bom nível de leitura escrita e conservação;
  • Conhecimentos da língua Inglesa.

Benefícios

  • Salário compatível com a função;
  • Possibilidade de integrar numa equipa jovem e dinâmica;
  • Outros benefícios em vigor na instituição.

Exigências

  • Carta de Motivação;
  • Curriculum Vitae;
  • Três (3) Referências Profissionais.

Sobre a Empresa

O Centro de Aprendizagem e Capacitação da Sociedade Civil (CESC), uma organização sem fins lucrativos que desde 2009 vem implementando, entre outros, programas de fortalecimento de organizações da sociedade civil (OSC) e comunitárias (OCB) para o seu engajamento na monitoria e advocacia para boa governação.

Email: [email protected]

Validade: 04/07/2017

Local: Quelimane (2 vagas), Nampula (1 vaga), Maputo (2 vagas) e Tete (1 vaga)

A LAM – Linhas Aéreas de Moçambique pretende recrutar para o seu quadro pessoal seis (6) Técnicos de Caixa.

Requisitos

  • 12ª Classe ou equivalente;
  • Domínio da língua Inglesa;
  • Noções de Cambio de Moedas;
  • Conhecimentos das Normas de Pagamentos e Recebimentos;
  • Bons conhecimentos de Informática na óptica de utilizador.

Condições para Admissão

  • Parecer adequado em todas as etapas de selecção.

Benefícios

  • Enquadramento Salarial de acordo com a Politica Salarial da Empresa.

Exigências

  • Carta de Manifestação de interesse dirigida à Exma Sra. Directora de Recursos Humanos;
  • Curriculum Vitae detalhado e actualizado;
  • Certificados;
  • Fotocópia do BI;
  • Duas (2) Fotografias tipo passe;
  • Registo Criminal;
  • Documento comprovativo da Situação Militar.

Nota: Indicar no Assunto/Subject: Técnico de Caixa e especificar o local de trabalho que se candidata (Ex: Tete). Modo de envio físico: Envelope fechado dirigido a Exma Sra. Directora de Recursos Humanos.

Website: http://sightsavers.org/vacancies

Validade: 30/06/2017

Local: Nampula

Duração: 2 anos de contracto com possibilidade de renovação

A Sightsavers pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Gestor de Finanças e Serviços de Apoio (FSSM) que se juntará à equipe em nossos escritórios em Moçambique e será responsável pela gestão financeira e pelos serviços de suporte ao dia-a-dia.

Responsabilidades

  • O(A) FSSM monitorará os recursos do país e identificará riscos ou problemas que condicionem os trabalhos no país;
  • Desenvolverá ou proporá soluções para problemas financeiros ou de suporte e assegurará a consistência, especialmente no âmbito da gestão financeira;
  • Este é um cargo integral no escritório do país para garantir que os programas sejam totalmente suportados, onde você terá uma excelente experiência em gestão de projectos, além da capacidade de trabalhar com parceiros e gerir orçamentos e subsídios de forma eficiente;
  • Este(a) liderará a gestão da logística para assegurar que a obtenção suprimentos seja entregue a tempo e o candidato deve ter habilidades administrativas excelentes para preencher esse papel.

Requisitos

  • O candidato deve ter qualificações contabilística profissionais relevantes (CPA/ ACCA) ou um grau académico em finanças/ contabilidade e pode demonstrar experiência de trabalhar em função semelhante;
  • A experiência de trabalhar para uma Organização Internacional Não Governamental (INGO) é preferível;
  • Uma excelente capacidade de comunicação em Português e Inglês é essencial, juntamente com fortes habilidades de Tecnologias de Informação.

Exigências

  • Curriculum Vitae.

Nota: Para se inscrever e obter mais detalhes sobre o papel, baixe um pacote de aplicativos em http://sightsavers.org/vacancies

 

 

Este guia reúne toda a informação necessária sobre as Vagas de emprego na Coca Cola Sabco. Encontre as últimas vagas publicadas pela empresa e ferramentas para você preparar-se para as futuras vagas de emprego a serem abertas ao público. Ensinaremos você a preparar a sua candidatura a um anúncios de emprego, bem como realizar uma candidatura espontânea.

Sobre a Coca Cola Sabco

A Coca-Cola Sabco iniciou suas operações em Moçambique na província de Maputo em Março de 1994, com uma segunda fábrica instalada em Chimoio em Julho de 1997 e uma terceira em Nampula, inaugurada em Junho de 2001. Com iniciais 80 empregados, a organização aumentou ao longo dos anos os seus números para 1000 trabalhadores. Sua base de consumidores é estimada em 24 milhões de pessoas.

Emprego na Coca Cola Sabco Moçambique

Fábrica da Coca-Cola Sabco em Moçambique

Oportunidades de emprego na Coca Cola Sabco Moçambique

A Coca Cola Sabco sempre ofereceu oportunidades para os seus colaboradores destacarem-se dentro de uma equipe diversificada rica em talento, ideias, perspectivas, antecedentes e cultura. Existe na empresa um ambiente e uma maneira de operar que capacita o nosso pessoal a criar resultados extraordinários a cada dia.

Como canidatar-se às vagas da Coca-Cola Sabco Moçambique

A melhor forma de você ficar à par das últimas oportunidades da Coca Cola é vistando a página de vagas de emprego da Coca Cola no MMO Emprego. Caso as oportunidades ainda estejam abertas, não hesite em enviar a sua candidatura. Prepare uma nova carta de apresentação e um currículo personalizado a ser enviado para a empresa.

Caso as vagas já tenham expirado, você ainda pode enviar uma candidatura espontânea, na ligação acima, você poderá encontrar os últimos emails usados pela empresa para recrutar, as chances de ser contratado podem ser menores, mas existem e você pode maximiza-las seguindo as nossas dicas de produção de currículos de qualidade e carta de apresentação personalizada para cada oportunidade.

Email: [email protected]

Validade: 26/06/2017

Local: Nacala-Porto – Nampula

A Associação Internacional de Voluntários Leigos (LVIA) pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Mobilizador Social.

Responsabilidades

  • Realizar as actividades previstas no projecto, com vista ao alcance dos objectivos deste, com supervisão directa do Assessor de projecto;
  • Coordenar e motivar os grupos envolvidos nas actividades. Promover encontros regulares com os grupos de contacto comunitário para monitorar o processo da implementação das actividades do projecto;
  • Recolher e gerar todas as informações provenientes das actividades. Produzir relatórios mensais sobre o desenvolvimento das actividades realizadas no terreno;
  • Participar nas reuniões promovidas pelo projecto;
  • Fornecer e criar arquivos de dados de rotina com respectivo relatório narrativo regular. Fornecer dados que permitam a elaboração dos relatórios de impacto do projecto e documentar as lições aprendidas, histórias de sucessos descrevendo pontos fortes e fracos na implementação do projecto;
  • Trabalhar junto com a estruturas de base (LVIA e CMCN de Nacala, respondendo directamente ao Assessor LVIA), apoiando-as na implementação dos planos de acção preconizados pelo projecto de modo a cumprir com as metas;
  • Estabelecer a ligação com as estruturas locais para facilitar as redes e os sistemas de referência, e mobilização de recursos dos diferentes actores de modo a maximizar os benefícios.

Requisitos

  • Nacionalidade moçambicana;
  • Nível de Formação Médio;
  • Pelo menos três (3) anos de experiência comprovada na área de mobilização comunitária, de preferência com conhecimento de metodologias participativas e ou envolvimento em programas de Desenvolvimento comunitário;
  • Experiência em análise das necessidades e capacitação das comunidades;
  • Experiência de trabalho com parceiros locais, Governo e OCBs;
  • Experiência na identificação de novos sectores de intervenção e elaboração de novas propostas de projecto;
  • Possuir carta de condução para ligeiros;
  • Boas relações interpessoais e habilidades para trabalhar em equipa e de forma autónoma;
  • Dinâmico, autónomo, responsável e comprometido/a com o trabalho;
  • Fluente em Português e Macua (falado e escrito).

Exigências

  • Carta de Apresentação;
  • Curriculum Vitae com 3 Referências Profissionais;
  • Cópia do B.I.;
  • Cópia da Carta de Condução.

Sobre a Empresa

A Associação Internacional de Voluntários Leigos (LVIA) uma ONG internacional que opera em Moçambique na área sócio-ambiental, no âmbito do projecto de “Restauração do meio-ambiente em Nacala-Porto através da remissão de resíduos orgânicos no ambiente e da reintegração laboral dos grupos mais vulneráveis da sociedade”, financiado pela União Europa e implementado em colaboração com o Conselho Municipal de Nacala e outros parceiros nacionais.

Endereço: Av. da Marginal, parcela 141/C – Maputo

Validade: 23/06/2017

Local: Nampula e Tete

A Global Alliance Seguros com sede em Maputo pretende recrutar para seu quadro de pessoal dois (2) Consultores de Vendas.

Descrição de Funções

  • Efectuar vendas de seguros comerciais/individuais na filial Barclays Bank Moçambique, em Nampula.

Requisitos

  • Ser comunicativo;
  • Ter capacidade de relacionamento interpessoal;
  • Ter capacidade de persuadir e influenciar;
  • Ter capacidade de trabalhar em equipa;
  • Ser dinâmico e eficiente;
  • Ter capacidade de trabalhar sob pressão;
  • Conhecimentos sólidos do software MS Office (Word, Excel, PowerPoint e Outlook) e Internet;
  • Experiência mínima de dois (2) anos em venda de seguros;
  • Idade compreendida entre os 21 e 35 anos;
  • Inglês e Português falado e escrito fluentemente;
  • Ter 12ª Classe.

Exigências

  • Cartas de Candidatura;
  • Curriculum Vitae em Português e Inglês;
  • Cópia do Bilhete de Identidade autenticada;
  • Certificados de Habilitações Literárias e Profissionais autenticados;
  • Registo Criminal;
  • Atestado de Residência;
  • Cartas de Recomendação/ Referência autenticadas;
  • Duas (2) Fotos tipo passe.

Sobre a Empresa

A Global Alliance é uma Seguradora de Bens, Acidentes e Vida de várias companhias multinacionais e locais em Angola e Moçambique.

Endereço: Av. Eduardo Mondlane, nº 46D, R/C (em frente ao Museu Nacional de Etnologia) – Nampula

Tel-Fax: 26 215 260

Email: [email protected]

Validade: 23/06/2017

Local: Nampula

O Fundo de Investimento e Património do Abastecimento de Água (FIPAG) pretende recrutar para o seu quadro pessoal quatro (4) Operadores de Caixa.

Responsabilidades

  • Atender o cliente com cortesia e objectividade;
  • Efectuar cobrança de facturas emitidas pela empresa usando o sistema de gestão comercial PHC;
  • Efectuar diariamente o fecho de caixa;
  • Produzir diariamente, a informação relativa ao diário do caixa, necessária a produção de relatóriosdo departamento;
  • Manter o arquivo do caixa organizado;
  • Cumprir com os prazos estabelecidos para a área do atendimento;
  • Apoiar o balcão de atendimento em outras tarefas específicas do sector.

Requisitos

  • Nível Médio Geral ou especializado em Gestão, Administração ou Contabilidade;
  • Experiência mínima de dois (2) anos com atendimento ao público;
  • Forte domínio de informática nos pacotes Excel e Word;
  • Conhecimento e domínio do módulo de gestão comercial (PHC) e de procedimentos de tesouraria são uma vantagem;
  • Capacidade para trabalhar sob pressão e fora do horário normal;
  • Boa capacidade de relacionamento, comunicação, dinamismo e honestidade;
  • Fluente na língua Portuguesa fala e escrita;
  • Capacidade de comunicar na língua Inglesa;
  • Idade (preferencialmente) até 35 anos.

Exigências

  • Curriculum Vitae;
  • Carta de Manifestação de Interesse;
  • Certificado de Habilitações Literárias;
  • Bilhete de Identidade.

Nota: Os interessados deverão enviar as candidaturas ao Departamento de Recursos Humanos, sob o título “Candidatura a Vaga de Caixa”

Endereço: Av. Eduardo Mondlane, nº 46D, R/C (em frente ao Museu Nacional de Etnologia) – Nampula

Tel-Fax: 26 215 260

Email: [email protected]

Validade: 23/06/2017

Local: Nampula

O Fundo de Investimento e Património do Abastecimento de Água (FIPAG) pretende recrutar para o seu quadro pessoal cinco (5) Operadores de Bombas.

Responsabilidades

  • Controlar o funcionamento de todos os equipamentos do sistema tais como: electrobombas, geradores, clorinadores e válvulas;
  • Ser capaz de operar os equipamentos do sistema (electrobombas, geradores, clorinadores e válvulas);
  • Preparar a solução de produtos químicos para o tratamento de água;
  • Controlar o funcionamento dos equipamentos, detectar avarias e propor soluções;
  • Controlar o nível de água nos depósitos;
  • Efectuar limpeza geral das máquinas e quadros eléctricos;
  • Efectuar a distribuição de água de acordo com o plano;
  • Registar as leituras nos contadores de energia e de água diariamente.

Requisitos

  • Nível Médio Geral ou curso Médio de Abastecimento de Água e Saneamento;
  • Possuir curso Médio especializado em hidráulica ou hidromecânica é uma vantagem;
  • Conhecimentos do funcionamento do sistema de abastecimento de água;
  • Conhecimentos sólidos sobre procedimentos de tratamento de água;
  • Experiência mínima de dois (2) anos em operação de sistemas de abastecimento de água;
  • Domínio das normas de saúde, higiene, e segurança no trabalho;
  • Boa capacidade de relacionamento, comunicação, dinamismo e honestidade;
  • Possuir alto sentido de responsabilidade, profissionalismo e espírito de trabalho em equipa;
  • Disponibilidade para trabalhar sob pressão e em regime de turnos;
  • Nacionalidade moçambicana;
  • Idade (preferencialmente) até 35 anos;
  • Fluente na língua Portuguesa, falada e escrita.

Exigências

  • Curriculum Vitae;
  • Carta de Manifestação de Interesse;
  • Certificado de Habilitações Literárias;
  • Bilhete de Identidade.

Nota: Os interessados deverão enviar as candidaturas ao Departamento de Recursos Humanos, sob o título “Candidatura a Vaga de Operador de Bombas”

Endereço: Rua Travessa de Azurara, nº 11 – Maputo

Email: [email protected] ou [email protected]

Validade: 16/06/2017

Local: Nampula

A SNV Moçambique pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Consultor para Capacitação em Associativismo e Gestão de Pequenos Negócios. 

Contexto

  • O Projecto OYE vista dotar jovens com potencial empreendedor em habilidades e competências essenciais para o desenvolvimento de iniciativas de agronegócio sustentáveis. Em Moçambique, o Projecto OYE é implementado pela SNV em parceria com o Ministério da Juventude e Desportos (MJD), Ministério da Agricultura e Segurança Alimentar (MASA) e o Conselho Nacional da Juventude (CNJ).

Responsabilidades

  • O Consultor deverá fortalecer a organização interna dos grupos através da criação de pequenas associações formadas por jovens, promoção de maior organização financeira e assegurar a participação activa da mulher nas actividades e na liderança dos grupos.

Exigências

  • Termos de Referência;
  • Curriculum Vitae;
  • Carta de Candidatura.

Sobre a Empresa

A SNV é uma organização Internacional sem fins lucrativos que trabalha em prol do desenvolvimento das capacidades das organizações locais no sector público, ONGs e sector privado. A SNV está presente em 38 países e as suas acções centram-se nas áreas de Água, Saneamento e Higiene, Energias Renováveis e Negócios Inclusivos. Em Moçambique na área de Água e Saneamento, a SNV desenvolve acções nas áreas Rurais e Per-Urbanas.

Email: [email protected]

Validade: 17/06/2017

Local: Moma – Nampula

A Kenmare pretende recrutar para o seu quadro pessoal um (1) Superintendente de Finanças. (Ref nº: KME 25.05.17)

Responsabilidades

  • Garantir a cumprimento eficaz de Saúde e Segurança Ocupacionais e Sistema de Gestão Ambiental, políticas, procedimentos, processos, padrões, normas de acordo com as directrizes da Kenmare, bem como dos requisitos legais e estatutários;
  • Desenvolver um Quadro Financeiro interno de processos, práticas, sistemas e controlos alinhados ao ciclo e requisitos de planeamento financeiro da Kenmare;
  • Garantir que os mecanismos de governação apropriados (isto é, parâmetros orçamentários, ciclos de relatórios financeiros, delegação de autoridade, etc.) estejam em conformidade com as normas e práticas contabilísticas geralmente aceites para gerenciar e monitorar as actividades financeiras dentro da Mina;
  • Garantir a conformidade com o Quadro Financeiro da Kenmare em processos, práticas, sistemas e controlos;
  • Garantir a integridade dos dados financeiros do sistema de contabilidade da Kenmare (SYSPRO);
  • Empreender esforços para melhorar as operações financeiras, diminuir os tempos de resposta, agilizar os processos de trabalho e trabalhar cooperativamente e em conjunto para implementar as melhores práticas em toda a mina;
  • Desenvolver e implementar ferramentas/ sistemas adicionais para melhorar os controlos financeiros corporativos e a análise financeira;
  • Rever os modelos e estrutura orçamentária e solicitar a apresentação dos orçamentos anuais do Departamento;
  • Responder a perguntas da sede, fazer comentários sobre orçamentos departamentais e desafiar suposições;
  • Consolidar o Orçamento Anual e preparar a apresentação ao Director- Geral;
  • Efectuar ajustes a cada Departamento e submeter ao Director-Geral para aprovação;
  • Resolver as questões da sede e submeter ao Director-Geral;
  • Uma vez aprovado, o orçamento anual, garantir que seja correctamente introduzido no SYSPRO;
  • Extrair informações orçamentárias do SYSPRO;
  • Com base em dados e tendências históricas, desenvolver uma previsão preliminar de despesas futuras e identificar as discrepâncias;
  • Juntamente com os chefes de Departamentos, validar a previsão e/ou resolver discrepâncias;
  • Consolidar o feedback e rever a previsão;
  • Desafiar suposições;
  • Identificar desvios entre orçamento e previsão departamental;
  • Quantificar e qualificar o impacto nas despesas anuais esperadas, gestão de caixa, etc;
  • Supervisionar a elaboração de dados mensais de gestão, consolidar, validar com os Chefes de Departamentos e compilar o Relatório Mensal de Gestão;
  • Rever análises interpretativas sobre as variações e discrepâncias e rever com a Direcção;
  • Preparar e analisar o Relatório Mensal Externo de Gestão e submeter à Sede;
  • Investigar e resolver consultas da sede;
  • Elaborar e analisar o Relatório Mensal Externo de Gestão (sede);
  • Garantir um orçamento mais exacto para as despesas de capital em todos os Departamentos;
  • Analisar os cálculos financeiros e obter aprovação do Director de Finanças, patrocinador do CAPEX e Director-Geral, uma vez que o pedido de investimento tenha sido enviado;
  • Garantir que os pagamentos das contas dos fornecedores sejam processados com precisão;
  • Rever e aprovar os pagamentos dos fornecedores;
  • Iniciar pagamento e resolver consultas de fornecedores;
  • Efectuar a previsão mensal de caixa para aprovação;
  • Solicitar à sede disponibilização de dinheiro da sede;
  • Desembolsar o valor de acordo com requisitos de caixa aprovados;
  • Garantir a conversão efectiva da moeda/gestão de câmbio;
  • Rever impostos a pagar de acordo com a legislação e regulamentos relevantes;
  • Obter a aprovação do imposto a pagar e garantir o pagamento;
  • Rever e aprovar os retornos de custos;
  • Preparar o requisito de auditoria externa;
  • Gerir auditorias e fornecer informações quando necessário;
  • Rever e aprovar contas estatutárias para assegurar que está em conformidade com as normas e especificações de Moçambique;
  • Garantir que toda a logística de viagens (voos fretados, transportes por autocarro e voos comerciais) para o pessoal permanente e temporário, bem como contratados seja executada de acordo com os requisitos estabelecidos.

Requisitos

  • Qualificações: CIMA ou equivalente;
  • Registado na ACCA (Associação de Revisores Oficiais de Contas) é vantagem;
  • Pelo menos cinco (5) anos de experiência após qualificação em CIMA ou ACCA;

O candidato ideal deverá ter os seguintes atributos:

  • Capacidade de trabalhar de forma independente;
  • Capacidade de manter os objectivos sob pressão;
  • Alto nível de integridade;
  • Forte capacidade de liderança.

Exigências

  • Carta de Candidatura;
  • Curriculum Vitae.

Email: [email protected]

Validade: 15/06/2017

Local: Moma – Nampula

A Kenmare pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Oficial de Compras de Categoria Sénior. (KME 31-05-17)

Responsabilidades

Os aspectos da função incluem, mas não estão limitativos a:

  • Garantir a conformidade com a política de compras da empresa e procedimentos, bem como as leis e recomendações do manual sobre Saúde e Segurança no Trabalho e Meio Ambiente da Kenmare;
  • Definir, liderar e executar estratégias de abastecimento, em estreita colaboração com as partes interessadas dos negócios;
  • Ajudar o chefe de procurement/ contratos públicos no desenvolvimento de um plano de aquisições anual e concordar e entregar as metas de poupança em conformidade com esse plano;
  • Gerir/ liderar os usuários finais no concurso de gestão, incluindo uma listagem curta de fornecedores, lançamento do concurso, recepção dos concorrentes, avaliação das propostas, negociação com os fornecedores e selecção do fornecedor final;
  • Trabalho com desenvolvimento de fornecedores para implementar a gestão de relacionamento com o fornecedor (SRM) dentro da sua categoria, em conjunto com as partes interessadas a nível interno;
  • Compreender os requisitos dos usuários finais e guiá-los no desenvolvimento do caso de negócios. Fornecer aos usuários finais informações relevantes e atempadas do mercado para a tomada de decisões informadas e eficazes;
  • Dirigir o negócio na execução de contratos com fornecedores seleccionados;
  • Gerir o desenvolvimento de contratos específicos e actividades associadas, a aplicar princípios organizacionais de integridade e conformidade;
  • Desenvolver e manter informações de gestão de contratos, documentação, procedimentos, dados e registos;
  • Redigir disposições contratuais com base em debates sobre a estratégia, contribuições da direcção e necessidades organizacionais e expectativas e servir como principal contacto organizacional durante as negociações do contrato;
  • Envolver-se com as partes interessadas pertinentes durante o ciclo contratual, em especial usuários legais e finais bem como tendo em conta os requisitos regulamentares e padrões contratuais;
  • Manter prazos sobre o material de entrega e comunicar numa base contínua com vários departamentos e clientes internos sobre questões contratuais;
  • Análise contratual de ambas as partes (fornecedor e comprador) para assegurar o cumprimento dos termos e para identificar conflitos ou alterações que exijam resolução;
  • Monitorar eficazmente as transacções não padrão com o aconselhamento jurídico, a fim de maximizar a eficiência e a relevância do aconselhamento jurídico;
  • Ajudar negócios em análise legal e de riscos legal de quaisquer modificações contratuais/ alterações sugeridas pelos fornecedores seleccionados;
  • Monitorar o desempenho e a conformidade do contrato de acordo com o contrato, plano de gestão contratual e gestão de riscos contratuais e de directivas e procedimentos organizacionais;
  • Implementar a gestão de risco contratual e de fornecedor para garantir o melhor valor e segurança de fornecimento à Kenmare;
  • Contacto com fornecedores contratados e usuários finais em caso de litígios do fornecedor para garantir uma solução amigável;
  • Negociar, elaborar e recomendar os acordos com os fornecedores externos, negociando termos aceitáveis para a empresa e atenuando riscos comerciais e jurídicos à Kenmare.

Requisitos

  • Qualificação Universitária, de preferência Engenharia Eléctrica, Engenharia Mecânica ou Gestão e Administração de Negócios & MCIPS, ISM ou qualificações internacionais semelhantes;
  • No mínimo cinco (5) anos de experiência de gestão de alto valor em procurement de Mecânica, contratos de Engenharia Eléctrica, trabalhando de preferência na indústria mineira, incluindo projectos de capital e procurement de projectos;
  • Conhecimento da Estratégia de contratos públicos/ procurement;
  • Conhecimento de Gestão de Categoria;
  • Conhecimento de Gestão do Fornecedor;
  • Capacidade de Gestão e Avaliação;
  • Conhecimento de Gestão/ Administração de Contratos;
  • Capacidade de redigir/ elaborar acordos contratuais de procurement;
  • Capacidade de aquisições directas;
  • Deve ser fluente em Português e Inglês;
  • Orientação para os resultados;
  • Inovação;
  • Orientação para o Cliente;
  • Persuasão e Influência;
  • Análise e resolução de problemas;
  • Liderança e Desenvolvimento de os outros;
  • Trabalho em equipa e cooperação;
  • Comunicação eficaz.

Exigências

  • Curriculum Vitae;
  • Carta de Candidatura.

Nota: Indique o número da referência correcta no seu CV.

Email: [email protected]

Validade: 15/06/2017

Local: Moma – Nampula

A Kenmare pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Funcionário de Desenvolvimento de Abastecimento. (KME 29-05-17)

Responsabilidades

Principais aspectos da posição incluem, mas não estão limitados a:

  • Assegurar o cumprimento da política e procedimentos de procurement da empresa, bem como as leis e recomendações do manual da Kenmare sobre Saúde, Segurança e Meio Ambiente no Trabalho;
  • Gerir a actividade de registo e pré-qualificação de fornecedores, coordenando a aprovação de novos fornecedores com o respectivo Gestor de Categoria e Chefe de Cadeia de Abastecimento;
  • Agrupamento e revisão de inscrições e pré-qualificações de fornecedores como parte do processo de aquisição do fornecedor;
  • Investigar o mercado de novos fornecedores nas principais categorias de procurement e iniciar a aquisição, conforme necessário, em consulta com os Gestores de Categoria;
  • Classificar os fornecedores de acordo com a estrutura de classificação acordada;
  • Levar a cabo a gestão actual e futura dos fornecedores, incluindo a gestão de uma base de dados central de fornecedores;
  • Realizar avaliações de fornecedores no local em conjunto com engenharia/ produção para todos os principais fornecedores estratégicos antes do registo;
  • Realizar avaliações anuais de fornecedores no local para os principais fornecedores estratégicos, com base na qualidade, no lead time e no preço (benchmarks);
  • Iniciar a avaliação do desempenho do fornecedor, com base em metas acordadas e desempenho contratual, em conjunto com as unidades de negócios e as diversas partes interessadas;
  • Garantir que os fornecedores tenham as acreditações e licenças relevantes e que o estatuto de todos os fornecedores registados e aprovados seja revisto pelo menos anualmente para assegurar que as suas credenciais relevantes sejam mantidas;
  • Ligação com os fornecedores contratados e as várias partes interessadas (unidades de negócios) e trabalhar com fornecedores em planos de melhoria contínua de serviços com base nesse retorno;
  • Desenvolver a base de fornecedores locais de acordo, alinhadas com as metas de uso de locais estabelecidas pela legislação da empresa e do governo e manter uma base de dados actualizada de fornecedores locais;
  • Construir e manter um banco de dados local de fornecedores e ser responsável pelo cumprimento das metas de fornecimento de conteúdo local da empresa e governo;
  • O Director de Desenvolvimento de Fornecedores será obrigado a trabalhar junto a fornecedores locais para oferecer oportunidades para que eles façam uma oferta para o negócio da Kenmare, ou seja, será encarregado de desenvolver e aprimorar os fornecedores locais para poderem entregar mais produtos e serviços de maior complexidade;
  • Como parte da monitoria de desempenho do gestor de desenvolvimento de fornecedores, realizará benchmarketing de desempenho e trabalhará com todas as partes para identificar e implementar oportunidades de melhoria.

Requisitos

  • Licenciatura em Negócios e Administração e MCIPS, ISM ou uma qualificação internacional idêntica;
  • Experiência mínima de cinco (5) anos de trabalho num ambiente semelhante, trabalhando na gestão ou desenvolvimento de relações com fornecedores;
  • Conhecimento de Gestão de Fornecedores;
  • Fluente em Pacotes de Computador de MS Office (Word, Excel, PowerPoint);
  • Deve ser fluente em Português e Inglês;
  • Orientação para os resultados;
  • Inovação;
  • Orientação para o Cliente;
  • Persuasão e Influência;
  • Análise e resolução de problemas;
  • Liderança e Desenvolvimento de os outros;
  • Trabalho em equipa e cooperação;
  • Comunicação eficaz;
  • Alto nível de integridade.

Exigências

  • Curriculum Vitae;
  • Carta de Candidatura.

Nota: Indique o número da referência correcta no seu CV.

Email: [email protected] e [email protected]

Validade: 15/06/2017

Local: Nampula

A Coca-Cola Sabco Moçambique pretende recrutar para o seu quadro pessoal um (1) Supervisor de Transporte para a Fábrica de Nampula.

Subordina-se ao: Director Regional de Logística.

Principais Responsabilidades

  • Monitorar e coordenar actividades do sector;
  • Gestão de pessoal;
  • Controle de custos e uso de peças sobressalentes;
  • Administrar recursos para executar as actividades de manutenção de veículos ligeiros e pesados;
  • Identificar e recomendar actividades para melhorar a qualidade de trabalho;
  • Desenvolvimento do pessoal (competências, formação técnica);
  • Supervisão das actividades diárias, monitoramento e controle das folhas de obra, para garantir efectividade do trabalho e que as peças de reposição sejam usadas adequadamente;
  • Implementação do SOP (Procedimentos Operacionais Padrão);
  • Cumprir com os requisitos de SHEQ (Segurança, Qualidade, Saúde e Ambiente).

Requisitos

  • Licenciatura ou Bacharelato na área de Mecânica Auto/Geral;
  • Mínimo cinco (5) anos de experiência a nível de supervisão na área de transportes;
  • Experiência com as marcas Mercedes Benz, Powerstar 2642s;
  • Forte competência de liderança e motivação de equipas;
  • Possuir a carta de condução de veículos ligeiros e pesados-profissional;
  • Conhecimentos de Excel, Outlook, MS Office e PowerPoint;
  • Experiência no SAP;
  • Falar, ler e escrever em Inglês, é uma vantagem;
  • Capacidade de trabalhar sobre pressão;
  • Residência na Região Norte constitui vantagem.

Exigências

  • Curriculum Vitae;
  • Carta de Candidatura.

Email:[email protected]

Validade: 30/05/2017

Local: Nampula

A N’weti – Comunicação para Saúde pretende recrutar para o quadro de pessoal um (1) Motorista e Logístico – Ref. da Vaga Nº RH/ML/Nampula/2017.

Requisitos

  • Experiência profissional comprovada mínima de cinco (5) anos como Motorista nas ONGs e/ou noutras Instituições;
  • Idade igual ou superior a 35 anos;
  • 12ª Classe;
  • Possuir carta de condução profissional;
  • Bons conhecimentos técnicos (condução e mecânica auto);
  • Bom conhecimento da província de Nampula e das condições actuais das estradas e auto-estradas;
  • Capacidade de trabalhar sob pressão e fora das horas normais do expediente;
  • Alto sentido de responsabilidade, honestidade e de sigilo profissional;
  • Boa capacidade de relacionamento interpessoal;
  • Domínio da língua Portuguesa.

Exigências

  • Carta de Candidatura;
  • Curriculum Vitae, com indicação da Ref. da Vaga.

Email:[email protected]

Validade: 30/05/2017

Local: Maputo

A N’weti – Comunicação para Saúde pretende recrutar para o quadro de pessoal um (1) Recepcionista e Assistente Administrativo – Ref. da Vaga Nº RH/RAA/Nampula/2017.

Objectivo da Função

  • Executar as actividades de recepção e de assistência administrativa, logística e de secretariado.

Requisitos

  • Nível Médio nas áreas de Administração e Gestão, Secretariado Executivo ou Assessoria de Direcção;
  • Bons conhecimentos de secretariado e práticas administrativas;
  • Noção de gestão nas áreas de património, de stocks, logística e de eventos;
  • Experiência profissional mínima de três (3) anos em funções similares;
  • Conhecimento da língua Inglesa falada e escrita;
  • Conhecimento de informática na óptica do utilizador (Word, Excel e Outlook);
  • Boa capacidade de comunicação oral e escrita.

Exigências

  • Carta de Candidatura;
  • Curriculum Vitae, com indicação da Ref. da Vaga.