Advertisements

Email: [email protected]

Validade: 25/08/2017

FHI360 é uma organização de desenvolvimento global com uma rigorosa abordagem baseada em factos. O nosso pessoal profissional inclui especialistas em saúde, nutrição, educação, fortalecimento económico, sociedade civil, ambiente e pesquisa. FHI360 opera em 60 escritórios com 4,400 trabalhadores nos EUA e no mundo. O nosso compromisso com parcerias a todos os níveis e a nossa abordagem multidisciplinar permite-nos ter um impacto duradouro sobre as pessoas, comunidades e países onde servimos, melhorando a vida de milhões. Procuramos candidatos qualificados para os seguintes cargos:

  1. Oficial de Finanças (Cuamba)

Principais Funções:

  • Responsável pela preparação e revisão de todos os processos de pagamento incluindo documentos de suporte;
  • Emissão de cheques e ou captação de informação para os pagamentos electrónicos;
  • Responsável pelo pagamento dos adiantamentos para viagens e outros fins e sua respectiva reconciliação;
  • Responsável pelo lançamento de dados de todas as transacções, nos Escritórios de Provinciais, no sistema de contabilidade financeira e pela coordenação do processamento do fecho do fim do mês;
  • Responsável pela manutenção e arquivo de todos processos financeiros a nível da província; x Assegurar que todas as políticas e procedimentos financeiros da FHI, incluindo controlos internos são cumpridos em todas as transacções e relatórios incluindo ferramentas necessárias e processos necessários para executar essas funções, tendo cuidado de chamar a atenção da gestão para os riscos reais ou outros aspectos de não-conformidade que são susceptíveis de comprometer a integridade de demonstrações ou registos financeiros;
  • Entre outras tarefas inerentes ao cargo.

Requisitos Específicos

  • Grau Superior em Administração, Gestão, Finanças e pelo menos cinco (5) anos de experiência demonstrada em contabilidade ou gestão financeira;
  • Habilidade de analisar dados financeiros e preparar relatórios financeiros, declarações e projecções financeiras;
  • Experiência anterior na provisão de assistência técnica a parceiros locais;
  • Mínimo de três (3) anos de experiência prática relevante (experiência anterior com a USAID será uma vantagem);
  • Forte sentido prático e habilidade de lidar com múltiplas tarefas e estabelecer prioridades x Preciso e atento aos detalhes; Gostar de trabalhar com números; auto-orientado com um alto sentido de qualidade, eficiência e respeito pelos prazos. O trabalho requer vontade de trabalhar num horário flexível;
  • Excelentes conhecimentos de informática; e
  • Proficiência em Português e Inglês.
Advertisements

Email:[email protected]

Validade: 11/08/2017

Local: Lichinga – Niassa

A Embaixada da Irlanda pretende recrutar para o seu quadro um (1) Oficial de Resultados.

Propósito da Posição

  • Trabalhar em colaboração com as direcções provinciais e outros parceiros da  Irlanda no que diz respeito à elaboração de relatórios acordados, demonstrados por evidências, bem como trazer a realidade histórias de sucesso do conjunto de objectivos inicialmente definidos, incluindo resultados não previstos.

Responsabilidades

  • Planificação e revisão;
  • Apoio aos parceiros a nível provincial;
  • Monitoria, relatórios e resultados.

Requisitos

  • Excelentes habilidades de comunicação escrita e oral em Português e Inglês;
  • Excelentes habilidades de organização, incluindo a capacidade de gerir várias tarefas e projectos e a capacidade de priorizar e trabalhar nos prazos;
  • Habilidades de monitoria financeira;
  • Capacidade de comunicação (interna e externa);
  • Pensamento analítico;
  • Licenciatura em Ciências Sociais, Estudos de Desenvolvimento ou áreas afins;
  • Três (3) anos de experiência em um ambiente de trabalho;
  • Experiência em programa de desenvolvimento e compreensão do desenvolvimento internacional;
  • Bons conhecimento nas áreas de Planificação, Monitoria e Avaliação com enfoque para resultados claros;
  • Habilidade de comunicar e trabalhar nas línguas Inglesa e Portuguesa.

Benefícios

  • Informação sobre descrição de tarefas, pacote salarial e demais benefícios, poderão ser adquiridos mediante solicitação.

Exigências

  • Carta de Manifestação de Interesse;
  • Curriculum Vitae na língua Inglesa;
  • Histórico profissional;
  • Certificados de qualificação académica.

Email:[email protected]

[email protected]

[email protected]

Tel: 84 533 2537

Validade: 18/07/2017

Local: Niassa

A Sinohydro Corporation Ltd pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Projectista do Projecto de Estrada. Para o projecto de Reabilitação da Estrada de Lichinga para Massangulo: 88.88km.

Responsabilidades

  • Projectista sénior e organizar com experiência em planeamento do local da obra, organização e coordenação com os Engenheiros;
  • Mantenha cronograma do projecto no local da obra, com cooperação estreita com as equipas de engenharia, aquisição, construção, fiscais e empreiteiros no local da obra.

Requisitos

  • Experiência como Chefe Projectista/ Organizador nos projectos de estradas, com mais de cinco (5) anos de experiência nas áreas seguintes:
    • Desenvolvimento e manutenção de engenharia detalhada e organização de construção;
    • Experiência de construção no local da obra. Entendimento das metodologias de andamento da obra, métricas de valeu obtidas;
    • Conhecimento avançado do Project 2010 ou versão superior;
    • Excelentes habilidades de análises, comunicação oral e de escrita;
    • Competências provadas de organização e relações interpessoais.

Benefícios

  • A posição é de tempo integral, a acomodação será fornecida, os salários e outros subsídios serão discutidos na entrevista.

Exigências

  • Curriculum Vitae;
  • Certidões relativos.

Este guia reúne toda a informação necessária sobre as Vagas de emprego na Coca Cola Sabco. Encontre as últimas vagas publicadas pela empresa e ferramentas para você preparar-se para as futuras vagas de emprego a serem abertas ao público. Ensinaremos você a preparar a sua candidatura a um anúncios de emprego, bem como realizar uma candidatura espontânea.

Sobre a Coca Cola Sabco

A Coca-Cola Sabco iniciou suas operações em Moçambique na província de Maputo em Março de 1994, com uma segunda fábrica instalada em Chimoio em Julho de 1997 e uma terceira em Nampula, inaugurada em Junho de 2001. Com iniciais 80 empregados, a organização aumentou ao longo dos anos os seus números para 1000 trabalhadores. Sua base de consumidores é estimada em 24 milhões de pessoas.

Emprego na Coca Cola Sabco Moçambique

Fábrica da Coca-Cola Sabco em Moçambique

Oportunidades de emprego na Coca Cola Sabco Moçambique

A Coca Cola Sabco sempre ofereceu oportunidades para os seus colaboradores destacarem-se dentro de uma equipe diversificada rica em talento, ideias, perspectivas, antecedentes e cultura. Existe na empresa um ambiente e uma maneira de operar que capacita o nosso pessoal a criar resultados extraordinários a cada dia.

Como canidatar-se às vagas da Coca-Cola Sabco Moçambique

A melhor forma de você ficar à par das últimas oportunidades da Coca Cola é vistando a página de vagas de emprego da Coca Cola no MMO Emprego. Caso as oportunidades ainda estejam abertas, não hesite em enviar a sua candidatura. Prepare uma nova carta de apresentação e um currículo personalizado a ser enviado para a empresa.

Caso as vagas já tenham expirado, você ainda pode enviar uma candidatura espontânea, na ligação acima, você poderá encontrar os últimos emails usados pela empresa para recrutar, as chances de ser contratado podem ser menores, mas existem e você pode maximiza-las seguindo as nossas dicas de produção de currículos de qualidade e carta de apresentação personalizada para cada oportunidade.

Email: [email protected]

Tel: 21 415 811

Cel: 82 385 8100

Validade: 02/06/2017

Locais: Maputo Cidade, Maputo Província, Gaza, Manica, Sofala, Tete, Zambézia e Niassa

WLSA Moçambique em parceria com a FHI360 pretende recrutar para o seu quadro de pessoal oito (8) Profissionais de Pontos Focais.

Responsabilidades

  • Coordenar as actividades da WLSA/FHI360 ao nível local;
  • Monitorar as actividades previstas no plano de acção;
  • Contribuir para a harmonização e operacionalização dos planos de advocacia dos parceiros;
  • Trabalhar para o desenvolvimento de um directório de serviços de VGB;
  • Coordenar e reportar regularmente a WLSA as actividades realizadas e constrangimentos que possam eventualmente ocorrer no decurso da implementação.

Requisitos

  • Ter Licenciatura em Ciências Sociais ou áreas afins;
  • Falar Português fluentemente;
  • Preferência para quem falar a língua local maioritária na província de trabalho;
  • Residir no local onde ficará sediada a acção;
  • Ter capacidade de trabalho em grupo, dinamismo e sentido de responsabilidade;
  • Ser sensível e reconhecer a importância de uma abordagem de direitos humanos e igualdade de género;
  • Experiência de trabalho no combate à Violência Baseada no Género (VGB), HIV/SIDA e direitos humanos;
  • Habilidades comprovadas de comunicação;
  • Trabalho a tempo inteiro;
  • Sensibilidade para as diferenças culturais e compreensão das questões éticas que envolvem os direitos humanos e VBG entre as populações-chave em Moçambique.

Exigências

  • Carta de Candidatura;
  • Curriculum Vitae;
  • Termos de Referência.

Email: [email protected]

Validade: 31/05/2017

Local: Niassa

A Wildlife Conservation Society (WCS) pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Líder da Equipa Comunitária da Reserva Nacional do Niassa (RNN) em Moçambique.

Contexto

  • A RNN é gerida conjuntamente, nos termos de um acordo de cogestão, pela Administração Nacional das Áreas de Conservação (ANAC) e a Wildlife Conservation Society (WCS). Uma das principais componentes da gestão da RNN é o trabalho com as comunidades locais, o Líder da Equipa Comunitária será responsável por desenvolver e implementar um novo programa de gestão comunitária dos recursos naturais (GCRN) que melhora a gestão dos recursos e que, ao mesmo tempo, toma em consideração os residentes da RNN e os interesses económicos na gestão e no processo de tomada de decisões de gestão da reserva. O novo Plano de Maneio da RNN (PM) está sendo finalizado e uma das principais funções do titular deste cargo será supervisionar a implementação e monitoria dos principais aspectos comunitários existentes no plano de maneio. Estamos a procura de um Líder com capacidade para gerir o Programa Comunitário da RNN, incluindo todos os programas de sensibilização comunitária e de todos os outros actores, bem como a GCRN.

Requisitos

As principais habilidades e qualificações exigidas são:

  • Pelo menos cinco (5) anos de experiência de liderança, desenvolvimento e gestão de programas de GCRN e/ou programas de sensibilização comunitária que incluem uma forte componente de coordenação entre os actores. Experiência específica de trabalho em áreas de conservação é uma vantagem;
  • Pelo menos dez (10) anos de experiência comprovada em gestão de projectos;
  • Experiência comprovada em liderança, incluindo a capacidade de motivar, liderar, definir objectivos e melhorar o desempenho de uma equipa;
  • Capacidade comprovada para firmar, estruturar, negociar e gerir acordos complexos e mediar ou resolver questões complexas envolvendo diferentes actores e áreas de interesse de forma independente;
  • Experiência em planeamento de estratégias de comunicação e/ou uso de comunicações estratégicas para promover o envolvimento da comunidade;
  • Capacidade comprovada em usar as actuais tendências no domínio da conservação e GCRN, incluindo uso e aproveitamento da terra e gestão de paisagens, para definir e alcançar prioridades de conservação;
  • Fluência em Português e proficiência profissional em Inglês. Proficiência em Swahili ou outra língua comum na Reserva Nacional do Niassa é uma vantagem;
  • Experiência comprovada em trabalhar com o pacote informático MS Office, principalmente Word e Excel, tendo capacidade de manipular, analisar e interpretar dados;
  • Flexibilidade, optimismo, bom humor, paixão por excelência e ser auto-motivado para alcançar objectivos comuns;
  • Capacidade de promover um ambiente de criatividade e crescimento profissional, bem como compromisso em trabalhar em equipa com outros colegas (membros do staff), grupos de conservação e organizações governamentais, de forma profissional e diplomática;
  • Habilidade de obter consenso com os parceiros de conservação e outros actores;
  • Compromisso em garantir a coesão e sucesso da equipa de GCRN;
  • Vontade de familiarizar-se, rapidamente, com o quadro institucional e legal de gestão ambiental e conservação em Moçambique, bem como todas as questões políticas relevantes.

Benefícios

  • Oferece-se um salário competitivo, subsídio de risco e passagens aéreas de regresso a casa trimestralmente.

Exigências

  • Carta de Candidatura;
  • Curriculum Vitae juntamente  com os nomes e informações de contacto de três (3) referências.

Nota: Indicar no título “Líder da Equipa Comunitária da RNN”

Endereço: Conselho Municipal de Metangula – Niassa

Validade: 29/05/2017

Local: Niassa

O Conselho Municipal de Metangula pretende recrutar para o seu quadro de pessoal dez (10) Auxiliares.

Requisitos

  • Nacionalidade moçambicana;
  • Possuir idade mínima de 21 anos e a máxima de 30 anos;
  • Possuir habilitações mínimas;
  • Possuir altura mínima de 1.70m;
  • Possuir capacidade física e sanidade mental compatível com a função, a ser comprovada por atestados médicos;
  • Possuir registo criminal limpo;
  • Ter cumprido o serviço militar obrigatório;
  • Não ter sido expulso da função pública, aposentado ou reformado.

Exigências

O pedido de admissão ao concurso é feito por meio de um requerimento dirigido a Excelentíssima Senhora Presidente do Conselho Municipal, com assinatura reconhecida pelo notário, acompanhado por seguintes documentos:

  • Certificado de Habilitações Profissionais;
  • Curriculum Vitae;
  • Certificado de Nascimento ou fotocópia do B.I reconhecida;
  • Declaração sob compromisso de honra de não ter sido expulso do Aparelho do Estado.

Selecção:

A selecção no concurso será feita através de:

  • Prova de conhecimento (escrita);
  • Exame Psicotécnico;
  • Exame Médico;
  • Entrevista Profissional.

Provas:

As provas versarão sobre as seguintes matérias:

  • Constituição da República de Moçambique;
  • Lei nº 2/97 de 18 de Fevereiro;
  • Lei nº 14/2009 de 17 de Março (EGFAE e REGFAE);
  • Decreto 30/2001 de 15 de Outubro.

Endereço: Conselho Municipal de Metangula – Niassa

Validade: 29/05/2017

Local: Niassa

O Conselho Municipal de Metangula pretende recrutar para o seu quadro de pessoal três (3) Agentes de Serviço – Canalizadores.

Requisitos

  • Nacionalidade moçambicana;
  • Possuir idade mínima de 21 anos e a máxima de 30 anos;
  • Possuir habilitações mínimas;
  • Possuir altura mínima de 1.70m;
  • Possuir capacidade física e sanidade mental compatível com a função, a ser comprovada por atestados médicos;
  • Possuir registo criminal limpo;
  • Ter cumprido o serviço militar obrigatório;
  • Não ter sido expulso da função pública, aposentado ou reformado.

Exigências

O pedido de admissão ao concurso é feito por meio de um requerimento dirigido a Excelentíssima Senhora Presidente do Conselho Municipal, com assinatura reconhecida pelo notário, acompanhado por seguintes documentos:

  • Certificado de Habilitações Profissionais;
  • Curriculum Vitae;
  • Certificado de Nascimento ou fotocópia do B.I reconhecida;
  • Declaração sob compromisso de honra de não ter sido expulso do Aparelho do Estado.

Selecção:

A selecção no concurso será feita através de:

  • Prova de conhecimento (escrita);
  • Exame Psicotécnico;
  • Exame Médico;
  • Entrevista Profissional.

Provas:

As provas versarão sobre as seguintes matérias:

  • Constituição da República de Moçambique;
  • Lei nº 2/97 de 18 de Fevereiro;
  • Lei nº 14/2009 de 17 de Março (EGFAE e REGFAE);
  • Decreto 30/2001 de 15 de Outubro.

Endereço: Conselho Municipal de Metangula – Niassa

Validade: 29/05/2017

Local: Niassa

O Conselho Municipal de Metangula pretende recrutar para o seu quadro de pessoal dois (2) Operários – Cozinheiros.

Requisitos

  • Nacionalidade moçambicana;
  • Possuir idade mínima de 21 anos e a máxima de 30 anos;
  • Possuir habilitações mínimas;
  • Possuir altura mínima de 1.70m;
  • Possuir capacidade física e sanidade mental compatível com a função, a ser comprovada por atestados médicos;
  • Possuir registo criminal limpo;
  • Ter cumprido o serviço militar obrigatório;
  • Não ter sido expulso da função pública, aposentado ou reformado.

Exigências

O pedido de admissão ao concurso é feito por meio de um requerimento dirigido a Excelentíssima Senhora Presidente do Conselho Municipal, com assinatura reconhecida pelo notário, acompanhado por seguintes documentos:

  • Certificado de Habilitações Profissionais;
  • Curriculum Vitae;
  • Certificado de Nascimento ou fotocópia do B.I reconhecida;
  • Declaração sob compromisso de honra de não ter sido expulso do Aparelho do Estado.

Selecção:

A selecção no concurso será feita através de:

  • Prova de conhecimento (escrita);
  • Exame Psicotécnico;
  • Exame Médico;
  • Entrevista Profissional.

Provas:

As provas versarão sobre as seguintes matérias:

  • Constituição da República de Moçambique;
  • Lei nº 2/97 de 18 de Fevereiro;
  • Lei nº 14/2009 de 17 de Março (EGFAE e REGFAE);
  • Decreto 30/2001 de 15 de Outubro.

Endereço: Conselho Municipal de Metangula – Niassa

Validade: 29/05/2017

Local: Niassa

O Conselho Municipal de Metangula pretende recrutar para o seu quadro de pessoal quatro (4) Assistentes Técnicos.

Requisitos

  • Nacionalidade moçambicana;
  • Possuir idade mínima de 21 anos e a máxima de 30 anos;
  • Possuir habilitações mínimas;
  • Possuir altura mínima de 1.70m;
  • Possuir capacidade física e sanidade mental compatível com a função, a ser comprovada por atestados médicos;
  • Possuir registo criminal limpo;
  • Ter cumprido o serviço militar obrigatório;
  • Não ter sido expulso da função pública, aposentado ou reformado.

Exigências

O pedido de admissão ao concurso é feito por meio de um requerimento dirigido a Excelentíssima Senhora Presidente do Conselho Municipal, com assinatura reconhecida pelo notário, acompanhado por seguintes documentos:

  • Certificado de Habilitações Profissionais;
  • Curriculum Vitae;
  • Certificado de Nascimento ou fotocópia do B.I reconhecida;
  • Declaração sob compromisso de honra de não ter sido expulso do Aparelho do Estado.

Selecção:

A selecção no concurso será feita através de:

  • Prova de conhecimento (escrita);
  • Exame Psicotécnico;
  • Exame Médico;
  • Entrevista Profissional.

Provas:

As provas versarão sobre as seguintes matérias:

  • Constituição da República de Moçambique;
  • Lei nº 2/97 de 18 de Fevereiro;
  • Lei nº 14/2009 de 17 de Março (EGFAE e REGFAE);
  • Decreto 30/2001 de 15 de Outubro.

Endereço: Conselho Municipal de Metangula – Niassa

Validade: 29/05/2017

Local: Niassa

O Conselho Municipal de Metangula pretende recrutar para o seu quadro de pessoal dois (2) Técnicos.

Requisitos

  • Nacionalidade moçambicana;
  • Possuir idade mínima de 21 anos e a máxima de 30 anos;
  • Possuir habilitações mínimas;
  • Possuir altura mínima de 1.70m;
  • Possuir capacidade física e sanidade mental compatível com a função, a ser comprovada por atestados médicos;
  • Possuir registo criminal limpo;
  • Ter cumprido o serviço militar obrigatório;
  • Não ter sido expulso da função pública, aposentado ou reformado.

Exigências

O pedido de admissão ao concurso é feito por meio de um requerimento dirigido a Excelentíssima Senhora Presidente do Conselho Municipal, com assinatura reconhecida pelo notário, acompanhado por seguintes documentos:

  • Certificado de Habilitações Profissionais;
  • Curriculum Vitae;
  • Certificado de Nascimento ou fotocópia do B.I reconhecida;
  • Declaração sob compromisso de honra de não ter sido expulso do Aparelho do Estado.

Selecção:

A selecção no concurso será feita através de:

  • Prova de conhecimento (escrita);
  • Exame Psicotécnico;
  • Exame Médico;
  • Entrevista Profissional.

Provas:

As provas versarão sobre as seguintes matérias:

  • Constituição da República de Moçambique;
  • Lei nº 2/97 de 18 de Fevereiro;
  • Lei nº 14/2009 de 17 de Março (EGFAE e REGFAE);
  • Decreto 30/2001 de 15 de Outubro.

Endereço: Conselho Municipal de Metangula – Niassa

Validade: 29/05/2017

Local: Niassa

O Conselho Municipal de Metangula pretende recrutar para o seu quadro de pessoal sete (7) Auxiliares da Polícia Municipal.

Requisitos

  • Nacionalidade moçambicana;
  • Possuir idade mínima de 21 anos e a máxima de 30 anos;
  • Possuir habilitações mínimas de 7ª Classe;
  • Possuir altura mínima de 1.70m;
  • Possuir capacidade física e sanidade mental compatível com a função, a ser comprovada por atestados médicos;
  • Possuir registo criminal limpo;
  • Ter cumprido o serviço militar obrigatório;
  • Não ter sido expulso da função pública, aposentado ou reformado.

Exigências

O pedido de admissão ao concurso é feito por meio de um requerimento dirigido a Excelentíssima Senhora Presidente do Conselho Municipal, com assinatura reconhecida pelo notário, acompanhado por seguintes documentos:

  • Certificado de Habilitações Profissionais;
  • Curriculum Vitae;
  • Certificado de Nascimento ou fotocópia do B.I reconhecida;
  • Declaração sob compromisso de honra de não ter sido expulso do Aparelho do Estado;
  • Documento que comprova o cumprimento de serviço militar obrigatório;
  • Três (3) fotografias tipo passe.

Selecção:

A selecção no concurso será feita através de:

  • Prova de conhecimento (escrita);
  • Exame Psicotécnico;
  • Exame Médico;
  • Entrevista Profissional.

Provas:

As provas versarão sobre as seguintes matérias:

  • Constituição da República de Moçambique;
  • Lei nº 2/97 de 18 de Fevereiro;
  • Lei nº 14/2009 de 17 de Março (EGFAE e REGFAE);
  • Decreto 30/2001 de 15 de Outubro.

Endereço: Conselho Municipal de Metangula – Niassa

Validade: 29/05/2017

Local: Niassa

O Conselho Municipal de Metangula pretende recrutar para o seu quadro de pessoal três (3) Assistentes da Polícia Municipal.

Requisitos

  • Nacionalidade moçambicana;
  • Possuir idade mínima de 21 anos e a máxima de 30 anos;
  • Possuir habilitações mínimas de 10ª Classe;
  • Possuir altura mínima de 1.70m;
  • Possuir capacidade física e sanidade mental compatível com a função, a ser comprovada por atestados médicos;
  • Possuir registo criminal limpo;
  • Ter cumprido o serviço militar obrigatório;
  • Não ter sido expulso da função pública, aposentado ou reformado.

Exigências

O pedido de admissão ao concurso é feito por meio de um requerimento dirigido a Excelentíssima Senhora Presidente do Conselho Municipal, com assinatura reconhecida pelo notário, acompanhado por seguintes documentos:

  • Certificado de Habilitações Profissionais;
  • Curriculum Vitae;
  • Certificado de Nascimento ou fotocópia do B.I reconhecida;
  • Declaração sob compromisso de honra de não ter sido expulso do Aparelho do Estado;
  • Documento que comprova o cumprimento de serviço militar obrigatório;
  • Três (3) fotografias tipo passe.

Selecção:

A selecção no concurso será feita através de:

  • Prova de conhecimento (escrita);
  • Exame Psicotécnico;
  • Exame Médico;
  • Entrevista Profissional.

Provas:

As provas versarão sobre as seguintes matérias:

  • Constituição da República de Moçambique;
  • Lei nº 2/97 de 18 de Fevereiro;
  • Lei nº 14/2009 de 17 de Março (EGFAE e REGFAE);
  • Decreto 30/2001 de 15 de Outubro.

Endereço: Conselho Municipal de Metangula – Niassa

Validade: 29/05/2017

Local: Niassa

O Conselho Municipal de Metangula pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Técnico Profissional – Contabilista.

Requisitos

  • Nacionalidade moçambicana;
  • Idade não inferior a 18 anos e não superior a 35 anos;
  • Possuir noções de planificação e orçamento.

Exigências

O pedido de admissão ao concurso é feito por meio de um requerimento dirigido a Excelentíssima Senhora Presidente do Conselho Municipal, com assinatura reconhecida pelo notário, acompanhado por seguintes documentos:

  • Certificado de Habilitações Profissionais;
  • Curriculum Vitae;
  • Certificado de Nascimento ou fotocópia do B.I reconhecida;
  • Declaração sob compromisso de honra de não ter sido expulso do Aparelho do Estado.

Selecção:

A selecção no concurso será feita através de:

  • Prova de conhecimento (escrita);
  • Exame Psicotécnico;
  • Exame Médico;
  • Entrevista Profissional.

Provas:

As provas versarão sobre as seguintes matérias:

  • Constituição da República de Moçambique;
  • Lei nº 2/97 de 18 de Fevereiro;
  • Lei nº 14/2009 de 17 de Março (EGFAE e REGFAE);
  • Decreto 30/2001 de 15 de Outubro.

Endereço: Conselho Municipal de Metangula – Niassa

Validade: 29/05/2017

Local: Niassa

O Conselho Municipal de Metangula pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Técnico Profissional de Planeamento Físico.

Requisitos

  • Nacionalidade moçambicana;
  • Idade não inferior a 18 anos e não superior a 35 anos;
  • Noções básica de informação urbanística para concessão de terreno;
  • Elaboração de planos de pormenor dos bairros;
  • A redução da vulnerabilidade em zonas de ocupações espontâneas;
  • Estratégia e plano de acção para conservação do meio ambiente.

Exigências

O pedido de admissão ao concurso é feito por meio de um requerimento dirigido a Excelentíssima Senhora Presidente do Conselho Municipal, com assinatura reconhecida pelo notário, acompanhado por seguintes documentos:

  • Certificado de Habilitações Profissionais;
  • Curriculum Vitae;
  • Certificado de Nascimento ou fotocópia do B.I reconhecida;
  • Declaração sob compromisso de honra de não ter sido expulso do Aparelho do Estado.

Selecção:

A selecção no concurso será feita através de:

  • Prova de conhecimento (escrita);
  • Exame Psicotécnico;
  • Exame Médico;
  • Entrevista Profissional.

Provas:

As provas versarão sobre as seguintes matérias:

  • Constituição da República de Moçambique;
  • Lei nº 2/97 de 18 de Fevereiro;
  • Lei nº 14/2009 de 17 de Março (EGFAE e REGFAE);
  • Decreto 30/2001 de 15 de Outubro.

Endereço: Conselho Municipal de Metangula – Niassa

Validade: 29/05/2017

Local: Niassa

O Conselho Municipal de Metangula pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Técnico Profissional de Obras Públicas.

Requisitos

  • Nacionalidade moçambicana;
  • Idade não inferior a 18 anos e não superior a 35 anos;
  • Ter noções de fiscalização de obras;
  • Ter conhecimentos de elaboração de projectos executivos bem como orçamentos de obras de drenagem, estradas, edifícios, aquedutos e tecnologias de combate a erosão;
  • Cálculo de estruturas.

Exigências

O pedido de admissão ao concurso é feito por meio de um requerimento dirigido a Excelentíssima Senhora Presidente do Conselho Municipal, com assinatura reconhecida pelo notário, acompanhado por seguintes documentos:

  • Certificado de Habilitações Profissionais;
  • Curriculum Vitae;
  • Certificado de Nascimento ou fotocópia do B.I reconhecida;
  • Declaração sob compromisso de honra de não ter sido expulso do Aparelho do Estado.

Selecção:

A selecção no concurso será feita através de:

  • Prova de conhecimento (escrita);
  • Exame Psicotécnico;
  • Exame Médico;
  • Entrevista Profissional.

Provas:

As provas versarão sobre as seguintes matérias:

  • Constituição da República de Moçambique;
  • Lei nº 2/97 de 18 de Fevereiro;
  • Lei nº 14/2009 de 17 de Março (EGFAE e REGFAE);
  • Decreto 30/2001 de 15 de Outubro.
Vagas no Instituto Nacional de Estatística

Endereço: Av. 24 de Julho nº 1989 – Maputo

Caixa Postal, nº 493 – Maputo

Validade: 13/05/2017

Local: Vários Locais

Duração do Trabalho: 63 dias (desde 22 de Junho até 23 de Agosto de 2017)

O Instituto Nacional de Estatística (INE) pretende recrutar para o seu quadro de pessoal trezentos e cinquenta e sete (357) Formadores Regionais.

  • Niassa (23 vagas)
  • Cabo Delgado (25 vagas)
  • Nampula (74 vagas)
  • Zambézia (71 vagas)
  • Tete (39 vagas)
  • Manica (28 vagas)
  • Sofala (28 vagas)
  • Inhambane (21 vagas)
  • Gaza (18 vagas)
  • Maputo Província (18 vagas)
  • Maputo Cidade (12 vagas)

Tarefas Principais

  • Capacitar os Formadores Locais;
  • Supervisionar a capacitação dos recenseadores e controladores;
  • Assessorar os GDR durante a recolha de dados, apuramento preliminar dos resultados e retorno dos boletins preenchidos;
  • Garantir o apuramento preliminar usando o SCO.

Requisitos

  • Ser moçambicano;
  • No mínimo ser finalista de Licenciatura em Ciências Sociais (Geografia, História, ou áreas afins), Estatística;
  • Ter idade mínima entre 25 anos;
  • Possuir experiência na área de ensino é uma vantagem;
  • Ter aptidão física para o desempenho das funções;
  • Ter participado em censos anteriores ou em inquéritos aos agregados familiares é uma vantagem;
  • Disponibilidade imediata e a tempo inteiro;
  • Ter domínio de computador na óptica do utilizador;
  • Ter residência na província em que pretende ser formador é uma vantagem;
  • Falar/comunicar em língua local é uma vantagem;
  • Ter capacidade de chefia e de liderança;
  • Possuir espírito de trabalho em equipa;
  • Demonstrar capacidade de fácil comunicação em língua Portuguesa;
  • Ter auto-confiança;
  • Inspirar confiança;
  • Possuir espírito de responsabilidade individual e de grupo;
  • Ter bom comportamento cívico e moral;
  • Capacidade de trabalhar sob pressão e fora das horas normais (inclusive fins de semana e feriados se necessário);
  • Ter capacidade de chefia e de liderança;
  • Alto sentido de responsabilidade;
  • Capacidade de trabalhar sob pressão, dentro e fora das horas normais de serviço;
  • Capacidade de coordenar a equipa.

Nota: O local de trabalho será nas sedes distritais.

Exigências

  • Preencher a Ficha de Candidatura;
  • Apresentar cópia reconhecida do BI ou Certidão de Registo de Nascimento;
  • Apresentar “Curriculum Vitae” em línguas Portuguesa;
  • Certificado de Habilitações Literárias ou experiência profissional;
  • Atestado médico de sanidade mental e capacidade física para o desempenho de funções na Administração Pública;
  • Declaração de Compromisso de Honra;
  • Certificado de Registo Criminal;
  • Declaração Militar;
  • NUIT e NIB.

Os documentos referidos nas alíneas g), h) e i) poderão ser entregues após o apuramento dos candidatos.

Vagas no Instituto Nacional de Estatística

Endereço: Av. 24 de Julho nº 1989 – Maputo

Caixa Postal, nº 493 – Maputo

Validade: 13/05/2017

Local: Vários Locais

Duração do Trabalho: 87 dias (desde 1 de Junho até 26 de Agosto de 2017)

O Instituto Nacional de Estatística (INE) pretende recrutar para o seu quadro de pessoal trinta e sete (37) Formadores Iniciais.

  • Niassa (3 vagas)
  • Cabo Delgado (3 vagas)
  • Nampula (5 vagas)
  • Zambézia (5 vagas)
  • Tete (3 vagas)
  • Manica (3 vagas)
  • Sofala (3 vagas)
  • Inhambane (3 vagas)
  • Gaza (3 vagas)
  • Maputo Província (3 vagas)
  • Maputo Cidade (3 vagas)

Tarefas Principais

  • Capacitar os Formadores Regionais;
  • Supervisionar a capacitação dos Formadores Locais;
  • Assessorar os Gabinetes Provinciais de Recenseamento durante a recolha de dados apuramento preliminar dos resultados e retorno dos boletins preenchidos e outros materiais;
  • Assessorar os Formadores Locais durante a formação dos recenseadores e controladores.

Requisitos

  • Ser moçambicano;
  • Ter no mínimo Licenciatura em Ciências Sociais (Geografia, História, ou áreas afins), Estatística;
  • Ter idade mínima entre 25 anos;
  • Ter aptidão física para o desempenho das funções;
  • Disponibilidade imediata e a tempo inteiro;
  • Ter domínio de computador na óptica do utilizador;
  • Ter residência na província em que pretende ser formador é uma vantagem;
  • Falar/comunicar em língua local é uma vantagem;
  • Ter capacidade de chefia e de liderança;
  • Ter participado em censos anteriores ou em inquéritos aos agregados familiares é uma vantagem;
  • Ter no mínimo cinco (5) anos de experiência na área de ensino;
  • Possuir espírito de trabalho em equipa;
  • Demonstrar capacidade de fácil comunicação em Português e em língua local;
  • Ter auto-confiança;
  • Inspirar confiança;
  • Possuir espírito de responsabilidade individual e de grupo;
  • Ter bom comportamento cívico e moral;
  • Capacidade de trabalhar sob pressão e fora das horas normais (inclusive fins de semana e feriados se necessário);
  • Alto sentido de responsabilidade;
  • Capacidade de trabalhar sob pressão, dentro e fora das horas normais de serviço;
  • Capacidade de coordenar a equipa.

Nota: Estes trabalharão nas Capitais Provinciais (GPR)

Exigências

  • Preencher a Ficha de Candidatura;
  • Apresentar cópia reconhecida do BI ou Certidão de Registo de Nascimento;
  • Apresentar “Curriculum Vitae” em línguas Portuguesa;
  • Certificado de Habilitações Literárias ou experiência profissional;
  • Atestado médico de sanidade mental e capacidade física para o desempenho de funções na Administração Pública;
  • Declaração de Compromisso de Honra;
  • Certificado de Registo Criminal;
  • Declaração Militar;
  • NUIT e NIB.

Os documentos referidos nas alíneas g), h) e i) poderão ser entregues após o apuramento dos candidatos.

Endereço: Rua Correia de Brito, 613, Ponta Gêa – Beira

Caixa Postal 90 – Beira

Email: [email protected]

Validade: 26/04/2017

Locais: UCM – Beira, Búzi, Muanza, Marromeu, Gorongosa, Chimoio, Tete, Maputo, Quelimane, Milange, Gurué, Cuamba, Nampula e Pemba

A Universidade Católica de Moçambique (UCM), pretende recrutar para o seu quadro de pessoal, Tutores, para o curso de Mestrado em Saúde Pública, um para cada cadeira, especificamente:

  • Fundamentos de Saúde Pública
  • Bioestatística
  • Epidemiologia e Demografia
  • Epidemiologia e Controle das Doenças Transmissíveis
  • Antropologia de Saúde
  • Metodologia Quantitativa e Qualitativa de Investigação em Saúde
  • Gestão de Cadeia de Suprimentos Medicinais
  • Selecção, Quantificação e Aquisição de Medicamentos
  • Distribuição e Armazenamento de Medicamentos
  • Garantia de Qualidade e Fortalecimento de Sistema de Saúde
  • Virologia de HIV
  • Prevenção de HIV e SIDA
  • Gestão da Infecção por HIV
  • Estratégias da Resposta do HIV e SIDA e Boas Práticas
  • Introdução do Saneamento
  • Qualidade de Água e Saúde Pública
  • Avaliação de Risco Aplicada ao Saneamento Ambiental
  • Sistema de Abastecimento de Água

Requisitos

  • Nível de Mestrado ou Doutoramento na área afim;
  • Pelo menos dois (2) anos de experiência na área Pedagógica;
  • Conhecimentos de pacotes de Informática na óptica de utilizador;
  • Ser uma pessoa idónea;
  • Constitui uma vantagem ter algum artigo publicado;
  • Experiência de Ensino em Metodologia a Distância (E-Learning), constitui uma vantagem;
  • Trabalhar na área, constitui uma vantagem.

Exigências

  • Carta dirigida ao Magnifico Reitor, especificando a cadeira;
  • Fotocópia do BI ou Passaporte autenticado;
  • Fotocópia de Certificado autenticado e Diplomas de cursos feitos;
  • Curriculum Vitae actualizado e assinado na última página;
  • Dois (2) Fotos tipo passe;
  • NUIT.

Sobre a Empresa

A Universidade Católica de Moçambique (UCM) é uma instituição de ensino superior privada localizada em Moçambique. Foi fundada em 10 de Agosto de 1996, pela Conferência Moçambicana de Bispos. À época, a educação de ensino superior só estava disponível na capital moçambicana, Maputo, e por isso as locações da universidade estão em Beira, Chimoio, Cuamba, Nampula, Pemba, Quelimane e Tete – cidades do centro e do norte do país.

Malaria Consortium é uma organização internacional operando em África e na Ásia, assim como a nível global, no controlo de doenças transmissíveis. Malaria Consortium opera em estreita colaboração com o Ministério da Saúde de Moçambique e está envolvida em todos os aspectos do controlo da malária, desde políticas e estratégias de desenvolvimento à implementação e avaliação de actividades. No âmbito do financiamento disponibilizado pelo Fundo Global Ronda 9, para a implementação do projecto Prevenção da Malária, Malária Consortium recebe fundos para apoiar o Ministério da Saúde na implementação do programa nas províncias de Nampula e em Niassa. O objectivo do projecto é de contribuir para a redução da morbilidade e mortalidade por causa da malária nas províncias referidas.

Deste modo, para a implementação do projecto, Malária Consortium pretende contratar um (a) Coordenador Provincial, que se baseará em Niassa, com viagens frequentes de implementação do projecto.

Responsabilidades Chaves

  • Coordenar, planificar e prestar apoio técnico aos diferentes projectos e actividades executados pela MC na província de Niassa;
  • Assegurar o bom funcionamento do escritório de Niassa, garantindo a gestão dos recursos humanos, logística, finanças, em estreita colaboração com os coordenadores dos projectos e a sua equipe de trabalho;
  • Representar a MC nas suas actividades com a Direcção Provincial de Saúde (DPS), parceiros de colaboração e outras instituições sempre que necessário.

Qualificações

  • Mestrado em Logística, Gestão da Cadeia de Suprimentos, Gestão de Sistemas de Saúde ou  disciplinas relacionadas (Certificado em Gestão de Segurança desejável).

Experiencia:

  • Mínimo de sete (7) anos de experiência na gestão de programas, operações e logística para projectos de saúde pública para um INGO;
  • liderança e pró-activa Comprovada e demonstrada na gestão dos programas, aquisições, gestão da cadeia de suprimentos e gestão de activos com um bom entendimento das políticas dos doadores;
  • Experiência na gestão de diversas equipes num escritório com uma configuração desafiadora e baseada no campo.

Skills:

  • Excelente Inglês falado e escrito;
  • Proficientes em MS Office;
  • Habilidades de liderança e de gestão fortes e decisivas;
  • Capacidade de trabalhar sob pressão e atingir os objectivos em um ambiente desafiador;
  • Fortes habilidades matemáticas e análises;
  • Pró-activa para abordar problemas e questões que possam surgir;
  • Habilidades Fortes de negociação e  de comunicação interpessoal.

Local de Trabalho & Viagens:

  • Niassa, com algumas viagens a nível nacional e internacional.

Endereço: Rua Travessa de Azurara, nº 11 – Maputo

Email: [email protected] ou [email protected]

Validade: 31/03/2017

Local: Lichinga – Niassa

A SNV Moçambique pretende recrutar para o seu quadro de pessoal, um (1) Gestor de Projecto.

Contexto

  • O Projecto Dema-Liba é desenvolver os mercados da agricultura em Moçambique para garantir que 15.000 famílias em situação de insegurança alimentar crónica torcem mais seguras, 10.000 explorações agrícolas familiares percebem um aumento de receitas e de 2 mil postos de trabalho são criados para mulheres e jovens. A nossa abordagem de negócio inclusivo orientado para mercado permite o aumento da produção e do acesso aos mercados para mercados para pequenos agricultores facilitando o acesso sustentável ao mercado moderno de insumos agrícolas, mercados de produtos viáveis, extensão de serviços e finanças.

Exigências

  • Termos de Referência;
  • Curriculum Vitae;
  • Carta de Candidatura.

Sobre a Empresa

A SNV é uma organização Internacional sem fins lucrativos que trabalha em prol do desenvolvimento das capacidades das organizações locais no sector público, ONGs e sector privado. A SNV está presente em 38 países e as suas acções centram-se nas áreas de Água, Saneamento e Higiene, Energias Renováveis e Negócios Inclusivos. Em Moçambique na área de Água e Saneamento, a SNV desenvolve acções nas áreas Rurais e Per-Urbanas.

Email:[email protected]

Validade: 05/03/2017

Local: Lichinga – Niassa

A ATOS Lda, pretende recrutar para o seu quadro de pessoal, um (1) Gestor de Recursos Humanos.

Responsabilidades

  • Gerir a função de Recursos Humanos, realizando actividades que conhecem que enaltecem a eficiência dos colaboradores;
  • Desenvolver acções que asseguram a conformidade da empresa com todos os dispositivos legais vigentes em Moçambique no concernente a gestão de Recursos Humanos, bem como com as boas práticas da profissão;
  • Assegurar o desenvolvimento e implementação de planos anuais de Recursos Humanos em matérias  tais como:  necessidades dos recursos humanos, avaliações e planos de desenvolvimento, plano de recrutamento e selecção, plano de sucessão, análise de cargos e compensação, etc;
  • Desenvolver e/ou coordenar a revisão e realização de descrições de funções;
  • Liderar a revisão anual do manual de políticas e procedimentos dos Recursos Humanos;
  • Monitorar todos os contratos dos colaboradores para assegurar que permanecem em conformidade com o acordo da contratação;
  • Participar dos processos de recrutamento e selecção, sempre que necessário;
  • Trabalhar em coordenação com o Director Financeiro para assegurar pagamentos atempados, preparação e implementação de todos acordos de compensação;
  • Apoiar na avaliação de desempenho no fim do período probatório e anual;
  • Trabalhar em estreita coordenação com os gestores para apoiar no desenvolvimento e implementação de planos de formação;
  • Desenvolver outras tarefas relativas ao posto, sempre que solicitado.

Requisitos

  • Licenciatura em Gestão de Recursos Humanos ou Psicologia Organizacional;
  • Experiência mínima de três (3) anos em ambiente florestal ou agricultura comercial com níveis progressivos de responsabilidade;
  • Excelente conhecimento de toda a legislação do trabalho e emprego moçambicano;
  • Habilidades interpessoais proficientes, incluindo negociação, resolução de conflitos, colaboração e construção de equipas;
  • Deve possuir carta de condução válida e disponibilidade para viajar regularmente para plantações;
  • Fluente em Português e Inglês, conhecimento de Yao seria uma vantagem.

Exigências

  • Curriculum Vitae, em Português e Inglês no formato Word;
  • Carta de Motivação.

Sobre a Empresa

A ATOS, Limitada, é uma empresa de prestação de serviços de Consultoria que oferece soluções na área da Gestão e Desenvolvimento de Recursos Humanos. A ATOS usa a consultoria, assessoria e outsourcing como o veículos para o provimento dos seus serviços. Os nosso serviços incluem Recrutamento e Selecção; Consultoria em RH; Processamento de Salários, Avaliação do Perfil Comportamental; Coaching para Resultados; Formação e Desenvolvimento; Ferramentas RH Virtual.

Email:[email protected]

Validade: 03/03/2017

Local: Lichinga – Niassa

A Bayport pretende recrutar para o seu quadro de pessoal, um (1) Balconista.

Responsabilidades

  • Os candidatos seleccionados serão responsáveis pelo atendimento ao público e apresentar aos clientes que se fazem ao balcão os produtos da Bayport e proceder a sua venda;
  • Dá ao cliente toda a informação solicitada e recolhe todo tipo de documentação para o processo de crédito. Registo nos sistemas internos dos dados do cliente e respectivo empréstimo.

Requisitos

  • Os candidatos devem ter habilidades de comunicação, orientação para atingir bons resultados, capacidade de organizar e planificar, capacidade de resolver problemas;
  • Conhecimento da informática na óptica de utilizador;
  • Frequentar nível Superior em Administração ou Gestão das Empresas;
  • Experiência em vendas e contacto directo com clientes;
  • Experiência de vendas na mesma província será uma vantagem;
  • Os candidatos preferidos devem ter experiência no sector bancário;
  • Ser fluente em Português e bons conhecimentos da língua Inglesa.

Exigências

  • Carta de Apresentação;
  • Curriculum Vitae;
  • Cópias de Certificados;
  • Documentos de Identidade.

A Human Capital Mozambique pretende recrutar para o seu quadro de pessoal, Técnicos de Panificação, para Nacala, Nampula e Lichinga.

Objectivo

  • Responsável pela assistência técnica aos clientes, através da gestão de reclamações, promoção de formações, assistência técnica relacionada com o produto e o mercado onde este se encontra inserido.

Responsabilidades Principais

  • Interagir constantemente com os clientes e potencias clientes de forma a familiarizar-se com o mercado e suas necessidades com vista a promoção da relação comercial baseada num clima de confiança;
  • Fazer testes com farinhas de marcas concorrentes e perceber a dinâmica do mercado sempre que os produtos se alterem de forma a interagir com a unidade de qualidade, produção e comercial;
  • Gerir as reclamações de produtos juntos dos clientes – padarias/ pastelarias formais e informais trabalhando em estreita coordenação com os sectores correspondentes  na sede da empresa;
  • Promover boas práticas de panificação junto dos clientes;
  • Fazer testes e demonstrações de produto sempre se necessário/ solicitado;
  • Formar padeiros que estejam a trabalhar juntos dos clientes sempre que necessário/solicitado;
  • Fazer levantamentos de lotes existentes no mercado com objectivo de gerir pontuais situações;
  • Promover as marcas dos produtos juntos dos clientes e potenciais clientes;
  • Assegurar o cumprimento dos procedimentos do Sistema Integrado de Gestão da sua responsabilidade;
  • Realizar outras actividades ou tarefas, não especificadas atrás, sempre que sejam consideradas necessárias à prossecução dos objectivos da empresa e do Grupo.

Requisitos [Competências e Experiência]

  • Formação académica ao nível do Ensino Tecnico Médio;
  • Experiencia relevante na função;
  • Domínio das técnicas de panificação [obrigatório];
  • Fluência verbal e escrita em Português;
  • Conhecimentos de Inglês e línguas locais [mais-valia];
  • Disponibilidade para efectuar deslocações;
  • Forte aptidão comercial;
  • Capacidade de trabalhar no terreno e efectuar formações;
  • Elevada capacidade relacional;
  • Capacidade de trabalhar em grupo e  integração em equipas multi-disciplinares e multi-sectoriais;
  • Forte capacidade de argumentação e negociação;
  • Criatividade e espírito de iniciativa.

A NETT Moçambique, Lda. está a recrutar para empresa cliente do sector alimentar, com referência Nacional e Internacional, um (a) Técnico (a) de Panificação, para Lichinga.

Responsabilidades

  • Interagir constantemente com os clientes e potenciais clientes de forma a familiarizar-se com o mercado e suas necessidades com vista à promoção da relação comercial baseada num clima de confiança;
  • Fazer testes com farinhas diversas e perceber a dinâmica do mercado sempre que os produtos se alterem de forma a interagir com a unidade de qualidade, produção e comercial;
  • Gerir as reclamações de produtos junto dos clientes – padarias/ pastelarias trabalhando em estreita coordenação com os sectores correspondentes na sede da empresa;
  • Fazer testes e demonstrações de produto sempre que necessário/ solicitado;
  • Formar profissionais que estejam a trabalhar junto dos clientes sempre que necessário/solicitado;
  • Promover as marcas dos produtos junto dos clientes e potenciais clientes;
  • Assegurar o cumprimento dos procedimentos do Sistema Integrado de Gestão da sua responsabilidade.

Perfil

  • Formação académica ao nível do Ensino Técnico Médio ou equivalente;
  • Experiência mínima de dois (2) anos na função;
  • Domínio das técnicas de panificação (obrigatório);
  • Fluência verbal e escrita em Português;
  • Conhecimentos de inglês e línguas locais (vantagem);
  • Disponibilidade para efectuar deslocações;
  • Forte aptidão comercial;
  • Capacidade de trabalhar no terreno e efectuar formações;
  • Capacidade de trabalhar em grupo e integração em equipas multi-disciplinares e multi-sectoriais;
  • Forte capacidade de argumentação e negociação;
  • Residir em  Lichinga (obrigatório).

Email: [email protected] ou [email protected], [email protected], [email protected]

Validade: 18/02/2017

Locais: Nampula, Lichinga e Monapo

Uma Empresa Moçambicana do Ramo Farmacêutico (E.E Farmac), pretende recrutar para o seu quadro de pessoal, três (3) Técnicos de Farmácia.

Requisitos

  • Nacionalidade moçambicana;
  • Idade compreendida entre 18 e 35 anos;
  • Formação profissional em Farmácia;
  • Possuir caderneta profissional;
  • Conhecimentos sólidos de informática é uma vantagem;
  • Experiência comprovada no ramo farmacêutico também é uma vantagem;
  • Disponibilidade de trabalhar sob pressão e fora das horas normais de expediente incluindo feriados;
  • Ter residência em Nampula, Monapo ou Lichinga é uma vantagem.

Exigências

  • Curriculum Vitae;
  • Fotocópia de Bilhete de Identidade reconhecida pelo Notário;
  • Certificado de habilitações reconhecido pelo Notário;
  • Registo Criminal;
  • Duas fotografias tipo passe;
  • NUIT;
  • Certificado de Serviço Militar Obrigatório (SMO);
  • Atestado de aptidão física comprovado pelas entidades sanitárias.

Cargo: Oficial de Finanças

Departamento: Finanças

Supervisionado por: Coordenador Provincial

Contexto Organizacional

A Malaria Consortium é uma Não- Governamental sem fins lucrativos, dedicada ao controlo da malária e outras doenças infecciosas no continente Africano e Sudoeste Asiático. A Malaria Consortium trabalha com o governo, comunidades, Organizações não-governamentais, instituições académicas e organizações nacionais e internacionais na garantia de provisão de serviços eficazes através de apoio técnico para a monitoria e avaliação de programas e actividades para planificação estratégica e tomada de decisão baseada em evidências. A nossa organização trabalha não só para a melhoria da saúde das pessoas mas também para a melhoria da capacidade dos sistemas nacionais de saúde, o que contribui para o alívio da pobreza e para a melhoria do crescimento económico.

Neste âmbito, a Malaria Consortium pretende recrutar para os seus quadros, um (1) Oficial de Finanças, baseado em Nampula e Niassa, com as seguintes responsabilidades:

Objectivo do cargo

  • O Oficial de Administração e Finanças terá como função principal, assegurar o bom funcionamento financeiro e administrativo do escritório provincial.

Responsabilidades

Na Área Financeira:

  • Organizar e manter o sistema financeiro a nível da província, conforme as politica da Malaria Consortium e as orientações do Gestor Nacional Financeiro ou representante designado;
  • Efectuar os desembolsos e as respectivas reconciliações para a realização de workshops, conferências e outras actividades de projectos de acordo com as normas estipuladas;
  • Assegurar a implementação e supervisão dos procedimentos financeiros em estreita coordenação com o Coordenador Provincial e o Gestor Nacional de  Finanças
  • Monitorar as despesas mensais e manter os arquivos e a base de dados financeira no formato requerido pelo escritório de Maputo;
  • Monitorar os custos de funcionamento do escritório e desenvolver estratégias sustentáveis de contenção;
  • Manter o controlo dos pagamentos efectuados através do fundo de maneio, assegurando-se que os limites estipulados sejam cumpridos
  • Assegurar a retenção na fonte do imposto sobre o rendimento, quando aplicável, e assegurar o encaminhamento do valor retido e de outros, dentro do prazo as entidades competentes;
  • Preparar, em colaboração com os Project Managers, as necessidades de fundos mensais para o funcionamento do escritório provincial e a implementação das actividades, segundo indicações do escritório de Maputo.
  • Trabalhar em estreita coordenação com o escritório central em assuntos relacionados com finanças e operações e aconselhar GNF quando surgirem questões financeiras e partilhar as áreas de preocupação, sugerindo soluções;
  • Apoiar o escritório central na supervisão da folha salarial competente ao escritório provincial, quando lhe forem requeridos;
  • Outras actividades solicitadas.

Relatório:

  • Reconciliação de Fundo de Manejo, regularização de facturas, conferência de caixa, compilação do mapa de Contas e envio atempado para Maputo, ate o segundo dia útil após final de mês acompanhado por a lista completa do fim do mes (Month End Checklist);
  • Enviar até ao 3º dia útil de cada mês o processo de contas mensal, incluindo todos os documentos de suporte aos escritórios de Maputo para verificação e consolidação;
  • Preparar atempadamente os relatórios financeiros das actividades realizadas.

Qualificações

Essencial:      

  • Bacharelato em Finanças;
  • Mínimo de dois anos de experiência em finanças.

Desejável:          

  • Conhecimento prático de software de contabilidade;
  • Experiência de trabalho em um departamento de finanças de uma ONG;
  • Experiência na preparação de Relatórios de doadores.

Experiência Profissional e Competências           

Essencial:        

  • Atenção a detalhes;
  • Boas aptidões de Excel;
  • Flexível e disposto a viajar no interior da província.

Desejável:

  • Boas Habilidades analíticas;
  • Conhecimentos de informática nível profissional em Microsoft Excel;
  • Nível Médio Inglês (leitura e escrita).

Endereço: Av. Ho Chi Min, 57 – Maputo

Tel: 21 326 446

Validade: 24/08/2016

Local: Niassa ou Zambézia

A VillageReach pretende recrutar para o seu quadro de pessoal, um (1) Assessor Regional para o Programa Alargado de Vacinação.

Responsabilidades

  • Prestar assistência técnica às DPSS, SDSMAS na implementação, monitoria, avaliação e gestão do programa de vacinação;
  • Representar a VillageReach em assuntos técnicos;
  • Monitorar a implementação das actividades de logística de vacinas conforme o plano de trabalho, cronograma e orçamentos aprovados;
  • Identificar lacunas na qualidade da execução do programa;
  • Liderar, propor e elaborar, junto com a equipa da DPS-PAV, a planificação e orçamento anuais;
  • Apoiar a DPS-PAV na elaboração dos relatórios financeiros e técnicos do programa de acordo com cronogramas estipulados pelos financiadores;
  • Apoiar a DPS no seguimento orçamental do programa de vacinação junto com chefe do PAV/DAF, seguimento os procedimentos dos financiadores;
  • Prestar apoio na colecta e monitoria de dados e na análise de indicadores chave e relatórios sobre a logística de vacinas;
  • Garantir a coordenação efectiva entre as diferentes partes e instituições evolvidas na implementação das actividades do programa de vacinação;
  • Elaborar os relatórios técnicos internos;
  • Apoiar e participar na execução de outras tarefas que foram indicadas pela VillageReach.

Requisitos

  • Formação Superior em Saúde Pública ou áreas afins;
  • Experiência e conhecimento sólidos na gestão de programas de saúde, em particular o de vacinação;
  • Conhecimentos profundos sobre o programa alargado de vacinação;
  • Experiência comprovada em monitoria e avaliação de projectos;
  • Excelente capacidade de planeamento, análise, avaliação e gestão;
  • Proficiência em gestão de base de dados;
  • Ter disponibilidade de viajar para as províncias e distritos de Moçambique.

Exigências

  • Curriculum Vitae;
  • Carta de Candidatura.

Nota: Use o link: https://villagereach-international-postings.workable.com, referenciando “Assessor Regional para o Programa Alargado de Vacinação”

Sobre a Empresa

VillageReach é uma organização social parceira do Ministério da Saúde no fortalecimento do Sistema de Saúde da logística de serviços e da cadeia de abastecimento. Como parte de um Projecto de distribuição de vacinas e de fortalecimento da logística das vacinas, esta posição ira garantir a planificação e execução de pesquisas nas áreas de saúde a respectiva analise de dados, elaboração de relatórios divulgação a advocacia junto do Ministério da Saúde.

Endereço: Av. Ho Chi Min, 57 – Maputo

Tel: 21 326 446

Validade: 10/08/2016

Local: Niassa ou Zambézia

A VillageReach pretende recrutar para o seu quadro de pessoal, um (1) Assessor Regional para o Programa Alargado de Vacinação.

Responsabilidades

  • Prestar assistência técnica às DPSS, SDSMAS na implementação, monitoria, avaliação e gestão do programa de vacinação;
  • Representar a VillageReach em assuntos técnicos;
  • Monitorar a implementação das actividades de logística de vacinas conforme o plano de trabalho, cronograma e orçamentos aprovados;
  • Identificar lacunas na qualidade da execução do programa;
  • Liderar, propor e elaborar, junto com a equipa da DPS-PAV, a planificação e orçamento anuais;
  • Apoiar a DPS-PAV na elaboração dos relatórios financeiros e técnicos do programa de acordo com cronogramas estipulados pelos financiadores;
  • Apoiar a DPS no seguimento orçamental do programa de vacinação junto com chefe do PAV/DAF, seguimento os procedimentos dos financiadores;
  • Prestar apoio na colecta e monitoria de dados e na análise de indicadores chave e relatórios sobre a logística de vacinas;
  • Garantir a coordenação efectiva entre as diferentes partes e instituições evolvidas na implementação das actividades do programa de vacinação;
  • Elaborar os relatórios técnicos internos;
  • Apoiar e participar na execução de outras tarefas que foram indicadas pela VillageReach.

Requisitos

  • Formação Superior em Saúde Pública ou áreas afins;
  • Experiência e conhecimento sólidos na gestão de programas de saúde, em particular o de vacinação;
  • Conhecimentos profundos sobre o programa alargado de vacinação;
  • Experiência comprovada em monitoria e avaliação de projectos;
  • Excelente capacidade de planeamento, análise, avaliação e gestão;
  • Proficiência em gestão de base de dados;
  • Ter disponibilidade de viajar para as províncias e distritos de Moçambique.

Exigências

  • Curriculum Vitae;
  • Carta de Candidatura.

Nota: Use o link: https://villagereach-international-postings.workable.com, referenciando “Assessor Regional para o Programa Alargado de Vacinação”

Sobre a Empresa

VillageReach é uma organização social parceira do Ministério da Saúde no fortalecimento do Sistema de Saúde da logística de serviços e da cadeia de abastecimento. Como parte de um Projecto de distribuição de vacinas e de fortalecimento da logística das vacinas, esta posição ira garantir a planificação e execução de pesquisas nas áreas de saúde a respectiva analise de dados, elaboração de relatórios divulgação a advocacia junto do Ministério da Saúde.

Endereço: Av. das FPLM, Praça da Liberdade, Instalações do IFAPA – Niassa

Email: [email protected]

Validade: 01/07/2016

 Local: Lichinga – Niassa

O Instituto Superior de Gestão, Comércio e Finanças (ISGECOF), pretende recrutar para o seu quadro de pessoal, cinco (5) Docentes e dez (10) Docentes em regime de part-time.

Docentes para o Curso de Licenciatura em Direito (Regular e Pós-Laboral)

  • Direito Administrativo II, Teoria Geral do Direito Civil II, Direito Comercial II, Direito Processual Civil I, Direito Processual Penal I, Direito Penal II, Direito Internacional Privado, Direito das Obrigações II, Direito das Sucessões, Direitos Reais, Direito do Ambiente e Urbanístico, Direito dos Registos e Notariado, Empreendedorismo, Educação em Saúde Pública, Direito do Consumidor, Criminalística, Métodos de Investigação Jurídica, Direito Agrário, Direito da SADC, Arbitragem e Resolução de Conflitos, Monografia Cientifica.

Docentes o Curso de Licenciatura em Contabilidade & Auditoria (Regular e Pós-Laboral)

  • Matemática II, Direito Comercial, Contabilidade Geral e Financeira I, Microeconomia, Inglês Técnico, Técnicas de Expressão em língua Portuguesa, Antropologia Cultural, Análise e Gestão de Projectos, Mercados e Instrumentos Financeiros, Gestão Financeira II, Auditoria Informática, Auditoria Externa I, Métodos Quantitativos Aplicados a Contabilidade, Contabilidade Pública, Finanças Públicas, Monografia Científica.

Docentes o Curso de Licenciatura em Administração Pública e Autárquica (Regular e Pós-Laboral)

  • Matemática II, Psicologia Aplicada, Administração, Educação em Saúde Pública, Teoria da Administração, Microeconomia, Técnicas de Expressão, Inglês Técnico, Estatística Aplicada, Contabilidade Analítica, Administração Pública e Governação Autárquica, Direito Administrativo II, Matemática II, Fiscalidade, Economia de Moçambique.

Requisitos

  • Licenciatura na respectiva área;
  • Experiência na área de docência;
  • Formação Psico-Pedagógica;
  • Ser residente na delegação para onde se candidata;
  • Ter nível de Mestrado ou de Doutoramento, será uma vantagem.

Exigências

  • Curriculum Vitae;
  • Cópia autenticada do B.I.;
  • Cópia autenticada do Certificado de Habilitações com notas do último grau adquirido;
  • Requerimento dirigido ao Magnifico Reitor/Director Geral do Instituto Superior de Gestão, Comércio e Finanças, indicando a vaga que se candidata (Disciplina), disponibilidade (Nocturno ou Diurno).

Sobre a Empresa

O Instituto Superior de Gestão, Comércio e Finanças adiante também designado por ISGECOF, é uma instituição privada de ensino superior. O ISGECOF é dotado de personalidade jurídica e goza de autonomia administrativa, financeira, patrimonial, e científico-pedagógica.

Website: Link –  https://cvselection.net/supervisor-de-campo

Validade: 28/06/2016

Local: Niassa

A SNV, pretende recrutar para o seu quadro de pessoal, um (1) Supervisor de Campo.

Contexto

  • Convidamos cidadãos moçambicanos interessados e qualificados a candidatarem-se a vaga de Supervisor de Campo, baseado em Niassa.

Exigências

  • Carta de Motivação;
  • Curriculum Vitae.

Sobre a Empresa

A SNV é uma organização Internacional sem fins lucrativos que trabalha em prol do desenvolvimento das capacidades das organizações locais no sector público, ONGs e sector privado. A SNV está presente em 38 países e as suas acções centram-se nas áreas de Água, Saneamento e Higiene, Energias Renováveis e Negócios Inclusivos. Em Moçambique na área de Água e Saneamento, a SNV desenvolve acções nas áreas Rurais e Per-Urbanas.

Website: Link –  https://cvselection.net/agronomista

Validade: 28/06/2016

Local: Niassa

A SNV, pretende recrutar para o seu quadro de pessoal, um (1) Agronomista (Assessor).

Contexto

  • Convidamos cidadãos moçambicanos interessados e qualificados a candidatarem-se a vaga de Agronomista, baseado em Niassa.

Exigências

  • Carta de Motivação;
  • Curriculum Vitae.

Sobre a Empresa

A SNV é uma organização Internacional sem fins lucrativos que trabalha em prol do desenvolvimento das capacidades das organizações locais no sector público, ONGs e sector privado. A SNV está presente em 38 países e as suas acções centram-se nas áreas de Água, Saneamento e Higiene, Energias Renováveis e Negócios Inclusivos. Em Moçambique na área de Água e Saneamento, a SNV desenvolve acções nas áreas Rurais e Per-Urbanas.

Website: Link –  https://cvselection.net/assessor-de-genero-e-nutricao-snv-snv-organizacao-holandesa-de-desenvolvimento

Validade: 28/06/2016

Local: Niassa

A SNV, pretende recrutar para o seu quadro de pessoal, um (1) Assessor de Género e Nutrição.

Contexto

  • Convidamos cidadãos moçambicanos interessados e qualificados a candidatarem-se a vaga de Assessor de Género e Nutrição, baseados nos seus escritórios em Niassa.

Exigências

  • Carta de Motivação;
  • Curriculum Vitae.

Sobre a Empresa

A SNV é uma organização Internacional sem fins lucrativos que trabalha em prol do desenvolvimento das capacidades das organizações locais no sector público, ONGs e sector privado. A SNV está presente em 38 países e as suas acções centram-se nas áreas de Água, Saneamento e Higiene, Energias Renováveis e Negócios Inclusivos. Em Moçambique na área de Água e Saneamento, a SNV desenvolve acções nas áreas Rurais e Per-Urbanas.

Website: Link –  https://cvselection.net/oficial-de-campo

Validade: 28/06/2016

Local: Niassa

A SNV, pretende recrutar para o seu quadro de pessoal, um (1) Oficial de Campo.

Contexto

  • Convidamos cidadãos moçambicanos interessados e qualificados a candidatarem-se a vaga de Oficial de Campo, baseados em Niassa.

Exigências

  • Carta de Motivação;
  • Curriculum Vitae.

Sobre a Empresa

A SNV é uma organização Internacional sem fins lucrativos que trabalha em prol do desenvolvimento das capacidades das organizações locais no sector público, ONGs e sector privado. A SNV está presente em 38 países e as suas acções centram-se nas áreas de Água, Saneamento e Higiene, Energias Renováveis e Negócios Inclusivos. Em Moçambique na área de Água e Saneamento, a SNV desenvolve acções nas áreas Rurais e Per-Urbanas.

Endereço: Av. Kenneth Kaunda, 1174 – Maputo

Email:[email protected]

Validade: 27/05/2016

Local: Cabo Delgado e Niassa

A WWF Moçambique pretende recrutar para o seu quadro de pessoal, um (1) Consultor – Treino das Organizações da Sociedade Civil em Gestão Florestal Participativa.

Contexto

  • Realizar um treinamento às OSC de Cabo Delgado e Niassa em metodologias de Gestão Participativa da Floresta, para assegurar uma participação proactiva das Organizações da Sociedade Civil na gestão sustentável dos recursos florestais.

Objectivo

  • O objectivo principal é de criar maior capacidade nas OSC em Cabo Delgado e Niassa para melhor suportarem o Programa de Gestão Florestal Participativa.

Exigências

  • Curriculum Vitae;
  • Propostas Técnicas e Financeiras;
  • Termos de Referência detalhados podem ser consultadas nos escritórios da WWF – Moçambique.

Sobre a Empresa

O WWF é uma das organizações independentes de conservação da natureza mais importantes a nível mundial. Tem cerca de 5 milhões de apoiantes e está activa nos cinco continentes em mais de 100 países.