Advertisements

Website: http://www.sasol.com/careers/opportunities

Validade: 25/08/2017

Local: Maputo

A Sasol pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Gestor Ambiental.

Objectivo Principal

  • Assegurar a adopção e implementação da estratégia de gestão ambiental e do Sistema, de Gestão de Segurança, Saúde e Meio Ambiente (SHE) da Sasol, para garantir e reter a Licença de Operações.

Responsabilidades

  • Assegurar a ligação contínua com o Gestor dos Serviços Ambientais da Sasol para assegurar a observância contínua das normas do Centro de Excelência e Garantia de Qualidade do Grupo Sasol;
  • Assegurar a adopção e cumprimento dos Requisitos Essenciais de Segurança, Saúde e Meio Ambiente (SHE) da Sasol, bem como cumprimento com outros requisitos legais do país tanto para concepção como para execução do projecto;
  • Prestar apoio e orientação técnica para assegurar o bom desempenho ambiental;
  • Informar continuamente o Gestor dos Serviços Ambientais da Sasol (SEPI) acerca de desenvolvimento no país que possam afectar a Licença Ambiental;
  • Estabelecer contactos com reguladores para contribuir a implementação do projecto;
  • Coordenar, planificar, calendarizar e rever os processos de Avaliação do Impacto Ambiental (EIA);
  • Efectuar o monitoramento, avaliação e relatórios ambientais de operações e projectos para satisfazer procedimentos de comunicação das autoridades moçambicanas e do Grupo Sasol.

Requisitos

  • Mestrado em Gestão Ambiental ou equivalente (incluindo Engenharia Ambiental, Ciências Ambientais, Gestão de Recursos Naturais, Biologia, Ecologia ou Ciências da Terra);
  • Oito (8) anos de experiência na área ambiental. Experiência ambiental prática relacionada com a pesquisa e produção de hidrocarbonetos é uma vantagem importante;
  • Gestão de processos de Avaliação do Impacto Ambiental (EIA);
  • Experiência em gestão de projectos;
  • Conhecimento profundo da legislação e metodologia da Avaliação de Impacto Ambiental (EIA) em Moçambique;
  • Ser fluente em Português e Inglês.

Exigências

  • Carta de Candidatura em Inglês;
  • Curriculum Vitae em Inglês.

Nota: Para concorrer o candidato, deverá aceder ao site: http://www.sasol.com/careers/opportunities, fazer um click em (Africa, United States and International, view jobs, select action) e seleccionar – “Environmental Manager”

Advertisements
Vagas na Sasol

Sobre a Sasol Moçambique

A Sasol é uma empresa internacional de energia e química estabelecida em 1950. Esta tem um quadro efectivo de mais de 35000 trabalhadores em 37 países. Esta empresa está listada nas Bolsas de Valores de Joanesburgo e de Nova Iorque.

A Sasol tem desenvolvido inúmeras tecnologias novas e continua a investir no desenvolvimento de novas tecnologias. Estas incluem a produção de combustível a partir do gás, designada como a tecnologia “gás para líquido” (na sigla correspondente em Inglês – GTL – gas-to-liquid).

Presentemente, a Sasol é uma das maiores empresas produtoras de combustíveis sintéticos a nível mundial. Moçambique desempenha um papel fundamental nesta área.

Sasol Petroleum International

Em Moçambique, a Sasol funciona com a designação de Sasol Petroleum International (SPI). A SPI tem um quadro efectivo de 192 trabalhadores, dos quais 140 são moçambicanos. A SPI efectua o desenvolvimento e a gestão da exploração e produção de petróleo e gás da Sasol em Moçambique, na África do Sul e em outros países.

Oportunidades de Emprego na Sasol

Vagas de Emprego na Sasol

A Sasol iniciou a produção de gás em Moçambique em 2004, com gás extraídos nos seus campos
de gás de Temane e de Pande e processado através da sua Unidade Central de Processamento
(CPF) situada perto de Inhassoro.

Possíveis carreiras na Sasol

Apesar de trabalho na Sasol remeter à maquinaria pesada, na verdade existem diversas opções de carreira na empresa. Assim como as demais empresas, existem vários departamentos que precisam de recursos humanos diferenciados para que a máquina da instituição funcione correctamente. Portanto, áreas administrativas, de gestão e técnicas também são procuradas.

Consultar as mais recentes vagas de emprego da Sasol

Para ficar sempre por dentro das últimas oportunidades  de emprego pela empresa é aconselhável que consulte regularmente as mais recentes oportunidades de emprego publicadas pela Sasol visitando o site oficial da empresa ou página de Vagas na Sasol no MMO Emprego.

Vagas na Anadarko Moçambique

Website: www.anadarko.com/Careers/Job-Search

Validade: 20/08/2017

Local: Maputo

A Anadarko Moçambique Área 1, Lda, é uma subsidiaria indirecta da Anadarko Petroleum Corporation, que em conjunto com os seus parceiros realizou descobertas significativas de gás ao longo da costa da Província de Cabo Delgado e que no âmbito da sua estratégia de crescimento pretende recrutar um (1) Coordenador Sénior de Investimento Social.

Funções

  • Reportando ao Strategic Social Investiment Manager da AMA1, o Coordenador Sénior de Investimento Social será responsável por coordenar e manter o desenvolvimento e execução do Plano de Relações Comunitárias da AMA1;
  • Gerir a cooperação diária com Organizações da Sociedade Civil e outros parceiros de implementação;
  • Gerir a elaboração de relatórios conforme acordado com os parceiros de implementação;
  • Controlar despesas orçamentais para verificação de gestão;
  • Identificar os recursos necessários para a implementação das actividades planeadas;
  • Coordenar as contribuições dos técnicos e do pessoal de campo;
  • Apoiar a implementação de Comités de Desenvolvimento Comunitário (CDC) em consultas em equipas de engajamento de partes interessadas e outros funcionários em campo (incluindo Oficiais de Ligação Comunitária, CLO);
  • Auxiliar na compilação e gestão do material de comunicação do Plano de Investimento da Comunidade;
  • Colaborar com a equipa do engajamento e com as Partes Interessadas no desenvolvimento e implementação de todas as comunicações relacionadas com o Investimento Comunitário;
  • Colaborar com outras equipas, incluindo o Plano de Gestão Social e Ambiental (PGSA) para obter respostas a questões, preocupações e comentários relacionados com o Investimento Comunitário;
  • Recolher reclamações relacionadas com o Investimento Comunitário para inclusão nos registos de reivindicações da AMA1;
  • Compartilhar responsabilidades para manter actualizados dados de pesquisa e informações relevantes;
  • Acompanhar reuniões comunitárias e compartilhar a respectivas informação com membros da equipa do PGSA;
  • Compilar dados, relatórios, planos e outras informações relevantes das iniciativas de Investimento Comunitário e seus potenciais projectos (Projectos de Impacto Rápido) durante o início da implementação;
  • Criar e manter um sistema de controle de PIR de longo prazo e propostas de projectos, e realizar outras tarefas adicionais atribuídas pelo empregador.

Requisitos

  • Formação Superior em Ciências Sociais e áreas relacionadas;
  • Nível de Mestrado é preferencial;
  • Oito (8) anos de experiência em engajamento comunitário;
  • Proficiência em Inglês e Português;
  • Experiência de elaboração e implementação bem-sucedida de projectos de investimentos sociais em ambientais corporativos;
  • Capacidade de auscultação das necessidades e aspirações das comunidades;
  • Conhecimento das áreas geográficas de Palma, suas comunidades e cultura será uma vantagem;
  • Habilidades de produção de relatórios de forma precisa e detalhada;
  • Capacidade de trabalhar em equipa;
  • Proficiência no uso de pacotes do MS Office, etc;
  • Carta de condução válida;
  • Disponibilidade para viajar.

Benefícios

  • Excelente oportunidade de desenvolvimento e carreira;
  • Um pacote de remuneração compatível com as qualificações e experiência demonstrada.

Exigências

Sobre a Empresa

Anadarko Petroleum Corporation é uma das maiores empresas independentes do mundo de exploração e produção de petróleo e gás, com sede em The Woodlands, no Texas. A missão da Anadarko consiste em oferecer um retorno competitivo e sustentável aos Accionistas, através do desenvolvimento, aquisição e exploração de recursos de petróleo & gás vitais à saúde e bem estar do mundo.

Endereço: Rua de Xipamanine, nº 271 – Maputo

Validade: 25/08/2017

Local: Maputo

A Fundação AVSI pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Coordenador Local do Projecto. (Ref: 1COO/07-2017/AVSI)

Tarefas

  • Gestão, coordenação e seguimento técnico e financeiro das diversas actividades do projecto no fim do alcance dos resultados previstos;
  • Planificação e controlo das actividades a serem implementadas;
  • Coordenação, motivação e formação da equipa de gestão do projecto;
  • Elaboração periódica de relatórios de implementação, monitoria e avaliação das actividades;
  • Planificação e controlo da execução dos orçamentos mensais e anuais de projecto;
  • Facilitação do cumprimento de todos os processos e as regras de gestão, administração e procurement previstas pelo manual operativo da AVSI e pelo doador;
  • Interlocução com os diferentes actores e instituições relacionadas com o projecto, gerando sinergias e complementaridades: parceiros, consultores, doador;
  • Coordenação e colaboração estreita com o resto dos projectos e equipas da AVSI e seus parceiros.

Requisitos

  • Nacionalidade moçambicana;
  • Licenciatura e/ou Mestrado com experiência e/ou formação especifica em cooperação internacional para o desenvolvimento;
  • Três (3) anos de experiência profissional no desempenho de funções similares e manejo das ferramentas de gestão e prestação de contas de projectos com financiadores internacionais;
  • Experiência na elaboração de relatórios de actividades na base do quadro lógico de um projecto;
  • Capacidade de coordenação, planificação e formação de equipas;
  • Fluente em Português – falado e escrito (o conhecimento do italiano e/ou do Inglês será considerado uma mais valia e testado durante eventual entrevista);
  • Efectivo e profundo conhecimento dos pacotes Word, Excel e PowerPoint (a ser testado durante a eventual entrevista);
  • Identificação com os principais metodológicos e valores AVSI.

Exigências

  • Carta de Candidatura;
  • Curriculum Vitae, com indicação de pelo menos três Referências de pessoas que foram seus supervisores (nome, posição, telefone, email e cargo do referente na altura da experiência profissional).

Endereço: Rua Cidade de Moçambique, 10 – Nampula

Av. Eduardo Mondlane, 1067 – Quelimane

Validade: 22/10/2017

Local: Nampula

A Universidade Mussa Bin Bique pretende recrutar para o seu quadro de pessoal oito (8) Docentes nas seguintes áreas de Formação:

  • Dois (2) em Direito
  • Dois (2) em Administração Pública
  • Dois (2) em Gestão ou Contabilidade
  • Dois (2) em Ciências Agrárias

Requisitos

  • Nível de Doutor ou Mestre;
  • Tempo Integral.

Exigências

  • Carta de Manifestação de Interesse dirigida ao Magnifico Reitor da UMBB;
  • Curriculum Vitae;
  • Fotocópia autenticada do Certificado de Habilitações Literárias;
  • Fotocópia autenticada do documento de identificação do candidato (BI, Passaporte ou DIRE);
  • Fotocópia autenticada de Cartas de Recomendações.

Website: www.worldbank.org/careers

Validade: 04/08/2017

Local: Maputo

Duração: 2 anos

O Banco Mundial pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Especialista em Saúde.

Antecedentes

  • O Grupo do Banco Mundial (GBM) tem como visão a erradicação da pobreza extrema através da redução do número de pessoas que vivem abaixo de US $ 1,25 por dia para 3 por cento até 2030, bem como a promoção da prosperidade compartilhada, através da promoção do crescimento da renda dos 40% mais carentes em cada país. Para alcançar esta visão, em 2013, o Conselho dos Governadores do GBM aprovou uma estratégia para a organização. A estratégia aproveita a força conjunta das instituições do GBM e sua capacidade de trabalhar em parceria com os sectores público e privado na prestação de soluções de desenvolvimento adaptadas a condições específicas, sustentadas por finanças, conhecimento de classe mundial e serviços aglutinadores.

Responsabilidades

O Especialista em Saúde fornecerá contribuições intelectualmente sólidas e operacionalmente relevantes ao programa de trabalho do Banco Mundial em apoio a Moçambique. A(O) Especialista terá as seguintes principais responsabilidades:

  • Contribuir na preparação da nova operação a financiada pela IDA e GFF;
  • Contribuir para melhorar a implementação do HSDP, do futuro Projecto, e das actividades ASA, identificando os obstáculos de implementação e propondo soluções, numa base regular;
  • Trabalhar em estreita colaboração com as contrapartes do MISAU e nas Direcções Provinciais de Saúde, por forma a monitorar a implementação das acções acordadas;
  • Contribuir nas discussões sobre Saúde, Nutrição e População e coordenar com os parceiros de desenvolvimento no que diz respeito às prioridades comuns;
  • Trabalhar com os membros da equipa do Banco Mundial em Moçambique, incluindo com os especialistas em aquisições e gestão financeira, salvaguardas ambientais e sociais e especialistas em operações, para atender questões operacionais relacionadas à preparação e implementação do projectos.

Requisitos

  • Mestrado em Saúde Pública, Nutrição, Epidemiologia, Economia da Saúde ou Ciências Sociais;
  • Mínimo de cinco (5) anos de experiência como Analista, Coordenador ou Especialista em uma (ou mais) das seguintes áreas: Gestão de Projectos, Gestão de Programas de Saúde Pública, Administração Pública em Saúde, Monitoria e Avaliação e/ou Pesquisa Operacional;
  • Experiência prévia de trabalho em uma Instituição de Desenvolvimento Internacional (Pública, ONG ou Privada) será preferencial;
  • Excelentes competências de comunicação e apresentação em Inglês e Português.

Exigências

  • Carta de Candidatura;
  • Curriculum Vitae.

Nota: Para obter descrição completa de funções e critérios de selecção para a presente vaga, os candidatos elegíveis deverão visitar o sítio da Internet sobre carreiras no Banco Mundial e submeterem as candidaturas electronicamente em: www.worldbank.org/careers. Uma vez neste sítio da Internet, cliquem em > employment opportunities > Professional & Technical > job number 171344.

Sobre a Oxfam

Oxfam é uma confederação internacional de ONGs comprometida em erradicar a pobreza no mundo. A Oxfam está convicta de que as pessoas são capazes de construir uma vida sem pobreza por si próprias, que os homens pobres e socialmente excluídos e mulheres têm o poder, e com o apoio de uma sociedade civil mais forte, sejam mais resistentes a desastres, tenham os seus direitos humanos básicos respeitados e que lhes permitam levar uma vida decente. A Oxfam apoia programas nos países em desenvolvimento, através da abordagem baseada em direitos humanos, privilegiando acções de advocacia junto dos governos, tomadores de decisão e das empresas para terem em atenção os interesses das pessoas mais pobres. A Ofxam Novib é membro da confederação e trabalha em conjunto com outras afiliadas em Moçambique, através de uma estratégia de intervenção comum.

A Oxfam Moçambique

A Oxfam tem estado activa em Moçambique desde 1978. O nosso trabalho evoluiu desde a ajuda humanitária directa durante a guerra dos anos 80 até à promoção do desenvolvimento sustentável e ao apoio às organizações da sociedade civil, com um maior enfoque na advocacia e no lobby.

Oportunidades de emprego na Oxfam Moçambique

Oportunidade de Emprego na Oxfam

Trabalhar na Oxfam é muito mais do que apenas um trabalho. Como funcionário da Oxfam, você vai se juntar a uma equipe de profissionais que faz parte da confederação internacional de 19 organizações em rede em mais de 90 países. Como parte de um movimento global pela mudança, estamos trabalhando juntos para acabar com a pobreza e a injustiça no mundo.

Trabalhamos com milhares de parceiros em países de todo o mundo e empregamos pessoal em uma grande variedade de postos. Trabalhamos diretamente com as comunidades e procuramos influenciar os poderosos para garantir que as pessoas pobres possam melhorar suas vidas e meios de subsistência e ter uma palavra a dizer nas decisões que as afetam.

Consultar vagas de emprego da Oxfam

Embora vagas abertas possam não existir do momento em ler este guia, é aconselhável que consulte regularmente as mais recentes oportunidades de emprego publicadas pela Oxfam Moçambique visitando o site oficial da empresa ou página de Vagas na Oxfam no MMO Emprego.

Endereço: Rua do Tchamba, nº 398 – Maputo

Email: [email protected]

Validade: 04/08/2017

Local: Maputo

A Save the Children Internacional (SCI) pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Especialista de Programa de Governação e Direitos da Criança (CRG) VG-SC 022/17 Maputo.

Requisitos

  • Mestrado em Ciências Sociais/ Económicas, Desenvolvimento Internacional, Monitoria e Avaliação, Governação ou área relevante;
  • Mínimo de cinco (5) anos de experiência profissional na área de programas de desenvolvimento;
  • Três (3) anos de experiência de programação baseada em direitos humanos, incluindo a programação baseada em direitos;
  • Conhecimento sobre e compreensão do trabalho com a criança e organizações lideradas por crianças e jovens;
  • Conhecimento sobre elementos fulcrais de abordagens para trabalhar em advocacia, parcerias, incluindo o reforço de capacidades;
  • Conhecimento ou a compreensão dos resultados de trabalho na área de governação é prioridade;
  • Habilidades excelentes de treinamento/ facilitação, comunicação e negociação;
  • Habilidades e mentalidade estratégica analítica, inovadora e criativa na resolução de problemas;
  • Falar e escrever fluentemente Português e Inglês;
  • Conhecimento de informática pacotes (Excel, Word, PowerPoint, Email, Internet e outros softwares);
  • Compromisso com a visão da Save the Children, missão e valores constitui vantagem.

Exigências

  • Termos de Referência mais detalhados;
  • Curriculum Vitae (em Português e Inglês);
  • Carta de Motivação (em Português e Inglês).

Endereço: Rua do Tchamba, nº 398 – Maputo

Email: [email protected]

Validade: 04/08/2017

Local: Maputo

A Save the Children Internacional (SCI) pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Gestor Sénior de Advocacia VG-SC 020/17 Maputo.

Requisitos

  • Mestrado em Política Pública/ Social, Direito, Saúde Pública, Sociologia, Protecção, Educação, Nutrição ou outra área relevante;
  • Mínimo de cinco (5) anos de experiência profissional de advocacia;
  • Experiência significativa de planeamento e implementação de trabalho de advocacia bem sucedido;
  • Experiência comprovada de representação externa e lobby directo de metas de alto nível;
  • Experiência comprovada de usar a mídia para fins de advocacia;
  • Experiência de trabalho em áreas desafiadoras, liderando iniciativas de advocacia focadas nos níveis local e nacional;
  • Compreensão clara de gama de possíveis ferramentas de advocacia disponíveis para influenciar metas-chave e sua aplicabilidade em uma situação complexa;
  • Compreensão clara dos princípios agentes humanitários e de desenvolvimento – incluindo agências da ONU, doadores bilaterais – e como eles coordenam e operam;
  • Capacidade de sintetizar informações complexas em notas de instruções e documentos de advocacia concisos e convincentes;
  • Capacidade de coordenar e trabalhar com diversos grupos de pessoas com base em vários locais;
  • Capacidade de gestão de cargas de trabalho complexas e situações estressantes;
  • Capacidade de trabalhar com supervisão limitada do gestor de linha;
  • Boas habilidades de organização pessoal, incluindo gestão de tempo, e capacidade de cumprir prazos e trabalhar sob pressão;
  • Conhecimentos de tecnologias de informação, comunicação avançadas e pacotes do Microsoft Office, Word, Excel, PowerPoint e Outlook;
  • Fluente Português (falado e escrito) e excelente comando do Inglês (verbal quanto escrito);
  • Excelente comando do Inglês verbal quanto escrito;
  • Compromisso e compreensão dos objectivos, valores e princípios da Save the Children International.

Exigências

  • Termos de Referência mais detalhados;
  • Curriculum Vitae (em Português e Inglês);
  • Carta de Motivação (em Português e Inglês).

Email: [email protected]

Validade: 04/08/2017

Locais: Xai-Xai, Beira e Nampula

A Vitens Evides International (VEI) pretende recrutar para o seu quadro de pessoal três (3) Coordenadores Regionais para a Implementação de um Programa de Assistência Técnica (2017-2021).

Sob a supervisão da VEI, o Coordenador Regional é responsável pela preparação, implementação e avaliação do programa AT numa região do FIPAG. O Coordenador Regional tem um papel chave no programa AT e no apoio dos especialistas da VEI.

Responsabilidades

  • Converter o plano para os cinco (5) anos em planos anuais, em colaboração com a gestão regional;
  • Traduzir o plano anual em termos de referencia para as visitas dos especialistas;
  • Elaborar relatórios do progresso, planos de actividades e avaliações;
  • Planificar as visitas dos especialistas;
  • Acompanhar os especialistas durante as visitas;
  • Apoiar os especialistas na elaboração das recomendações e a tradução das mesmas para português;
  • Desenvolver planos especialistas durante as visitas;
  • Desenvolver o material de comunicação;
  • Participar em encontros (regionais);
  • Executar estudos implementar formações em áreas a definir.

Requisitos

  • Bacharelato, Licenciatura ou de preferência Mestrado em áreas de Água, Saneamento ou Ciências Ambientais (Engenharia Civil, Hidráulica, Electro-Técnica ou Mecânica);
  • Conhecimento de gestão e administração de empresas será uma vantagem;
  • No mínimo cinco (5) anos de experiência no sector de água: gestão de activos, manutenção de equipamento de rede e de produção, gestão comercial, investimentos (desenho e implementação), perdas e fontes de água;
  • Experiência de trabalho com organizações internacionais no sector de água e especificamente na área de capacitação e assistência técnica.

Competências e Habilidades

  • Iniciativa e pró-actividade;
  • Foco em resultados;
  • Flexibilidade;
  • Habilidades de comunicação intercultural;
  • Colaboração em equipes;
  • Habilidades de planificação.

Outros Requisitos

  • Carta de condução e passaporte (de preferência de nacionalidade moçambicana):
  • Disponibilidade em deslocações para fora do local de trabalho;
  • Idade 25-40 anos;
  • Fluente em Português e Inglês.

Áreas especificas requeridas por região

  • Região sul: Conhecimento de sistemas de tratamento de agua, gestão de fontes de agua com enfâse para a exploração subterrânea (furos), gestão de informação, manutenção e perdas.
  • Região centro: Manutenção.
  • Região norte: Perdas.

Local e Condições de Trabalho

  • A função corresponde ao titulo de “coordenador regional”;
  • Trabalharão nos escritórios regionais;
  • Seguro de saúde;
  • Flexibilidade nas horas de trabalho;
  • Autorização para uso de viatura e laptop durante o período de trabalho;
  • O período probatório será de seis (6) meses. Após comprovada a capacidade, o candidato adquire um contrato determinado por dois (2) anos que pode ser prorrogado por um (1) ano – totalizando três (3) anos;
  • Se necessário serão organizadas formações.

Exigências

  • Curriculum Vitae;
  • Carta de Motivação/ Recomendação.

Nota: Indica na carta a sua região de preferência.

Endereço: Caixa Postal, 364 – Maputo

Email:[email protected]

Validade: 07/08/2017

Local: Maputo

A I-TECH Mozambique pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Director dos Programas Clínicos.

Tarefas

  • Responsável por elaborar e executar os programas da organização, incluindo elaboração de currículos de formação, educação a distância, tutoria clínica e melhoria de qualidade;
  • Implementar e promover os padrões de gestão programática e administrativa na I-TECH;
  • Apoiar e implementar as decisões tomadas pela equipa de Gestão Sénior;
  • Harmonizar os esforços para apoiar o sector de saúde em Moçambique e colocar a I-TECH como provedor de assistência técnica em várias áreas relacionadas com saúde;
  • Liderar a equipa dos programas garantindo aderência e percepção de todas as políticas operacionais, cumprimento ético dos regulamentos do financiador;
  • Liderar os Gestores do Projecto na elaboração de planos de trabalho e orçamento para cada projecto;
  • Garantir que os procedimentos operacionais e os processos de garantia de qualidade sejam seguintes de acordo com os Padrões Programáticos da I-TECH;
  • Participar na elaboração de guiões, sínteses, estudo de casos, práticas recomendadas/ lições aprendidas, baseando-se nos dados do programa;
  • Ser responsável pelo orçamento geral dos Programas, garantindo o cumprimento dos regulamentos da I-TECH, do governo Americano para compras permitidas, alocáveis e justas;
  • Participar no processo de disseminação ou partilha das melhores práticas identificadas dentro da plataforma dos projectos de implementação e avaliação da I-TECH Mozambique.

Requisitos

  • Médico com Mestrado nas áreas de Saúde Pública ou outras áreas relevantes;
  • Pelo menos cinco (5) anos de experiência de trabalho na prevenção, cuidados e tratamento de HIV, melhoria de qualidade;
  • Pelo menos cinco (5) anos de experiência nos programas de saúde em Moçambique em HIV/SIDA, ARV;
  • Experiência na implementação de estratégias e iniciativas programáticas globais de HIV;
  • Experiência de trabalho em ambiente programático do PEPFAR: Planificação do COP, implementação de programas e produção de relatórios;
  • Experiência na elaboração, planificação e implementação de programas de cuidados e tratamento de HIV/SIDA e outros programas relacionados;
  • Capacidade de gestão de projectos complexos e multifacetados;
  • Elevado nível de organização, gestão de ficheiros electrónicos e domínio informático de MS Office, PowerPoint, Excel e Access;
  • Conhecimento do contexto moçambicano: sector de saúde (epidemia de HIV), cultura, geografia e administração;
  • Experiência com plataformas de gestão baseada nos resultados, modelos lógicos e plataformas similares;
  • Excelentes habilidades de relacionamentos interpessoais;
  • Capacidade de comunicação oral e escrita na língua Portuguesa e Inglesa;
  • Experiência na elaboração de apresentações para audiências exigentes.

Exigências

  • Carta de Candidatura em Português e Inglês;
  • Curriculum Vitae em Português e Inglês.

Nota: Indicar no assunto”Vaga Nº 113o”.

Website: https://forciergroup.has-jobs.com

Validade: 11/08/2017

Local: Maputo

A Forcier Consulting pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Oficial de Pesquisa.

Resumo dos Principais Deveres

  • Realização de revisão da literatura, elaboração de ferramentas quantitativas e qualitativas de colecta de dados, realização de entrada de dados/ garantia/ limpeza de qualidade, análise de dados, redacção de relatórios técnicos, equipes de pesquisa de treinamento, desenvolvimento de orçamentos, gerenciamento de logística de campo.

Requisitos

  • Educação: MA grau (ou equivalente) em assuntos internacionais/ desenvolvimento, ciência política ou um campo relacionado;
  • Linguagem: Proficiência escrita e falada em Inglês e Português;
  • Nível de experiência: Cinco (5) anos de trabalho com pelo menos um (1) ano de experiência (profissional ou académico) realizando análise quantitativa e/ou qualitativa de dados e redacção de relatórios em um país em desenvolvimento, de preferência, Moçambique.

Exigências

  • Curriculum Vitae;
  • Carta de Candidatura.

Nota: Consulte https://forciergroup.has-jobs.com para obter descrições de posição completa e instruções de aplicação.

Sobre a Empresa

A Forcier Consulting é uma empresa de consultoria de pesquisa dinâmica que opera em toda a África desde 2011. Nossos serviços principais incluem pesquisa de monitoramento e avaliação (M & A), capacitação, treinamento e relatórios para agências das Nações Unidas, ONG, governos e clientes do sector privado que operam na postagem – contextos de conflito e ambientes desafiadores. Actualmente, a Forcier possui escritórios de campo em Moçambique, Sudão, Somália, Moçambique, República Democrática do Congo (RDC) e no Egipto. Esses escritórios são suportados por uma unidade técnica remota em Washington, DC, EUA.

Website: https://forciergroup.has-jobs.com

Validade: 11/08/2017

Local: Maputo

A Forcier Consulting pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Gerente de Pesquisa.

Resumo dos Principais Deveres

  • Interacção do cliente, gerenciamento de equipes de pesquisa, construção da capacidade técnica e de gerenciamento de projectos das equipas, coordenação do fluxo de trabalho da equipa de pesquisa com o departamento de finanças e operações em Maputo, contribuindo para discussões internas, contribuindo para discussões internas sobre estratégias organizacionais, expandindo a capacidade de escritório em negócios desenvolvimento e análise.

Requisitos

  • Educação: Ph.D., MSc ou MA com experiência demonstrada usando métodos de pesquisa quantitativa e qualitativa;
  • Linguagem: Proficiência escrita e falada em Inglês e Português;
  • Nível de experiência: Cinco (5) anos na gestão de projectos, métodos de pesquisa técnica, análise, redacção de relatórios em um país em desenvolvimento de preferência, Moçambique.

Exigências

  • Curriculum Vitae;
  • Carta de Candidatura.

Nota: Consulte https://forciergroup.has-jobs.com para obter descrições de posição completa e instruções de aplicação.

Sobre a Empresa

A Forcier Consulting é uma empresa de consultoria de pesquisa dinâmica que opera em toda a África desde 2011. Nossos serviços principais incluem pesquisa de monitoramento e avaliação (M & A), capacitação, treinamento e relatórios para agências das Nações Unidas, ONG, governos e clientes do sector privado que operam na postagem – contextos de conflito e ambientes desafiadores. Actualmente, a Forcier possui escritórios de campo em Moçambique, Sudão, Somália, Moçambique, República Democrática do Congo (RDC) e no Egipto. Esses escritórios são suportados por uma unidade técnica remota em Washington, DC, EUA.

Email:[email protected]

Validade: 31/07/2017

Local: Pambara – Vilankulo – Inhambane

A Joint Aid Management (JAM) pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Gestor Técnico de Agricultura Comercial.

Sumário do Programa

  • A JAMINT implementa um modelo de desenvolvimento agrícola no distrito de Vilankulo, em Moçambique, com objectivo de fortalecer a capacidade dos pequenos agricultores, através do treinamento usando a agricultura experimental de demonstração/ cultura do Centro de Excelência Agrícola da JAM, e fornecimento de insumos e tecnologia apropriados. O modelo destaca o papel dos pequenos agricultores na cadeia de valor local e destina-se a abordar os factores limitadores da produção para alcançar a viabilidade comercial. O programa permitirá que os 50 pequenos agricultores com 4HA terras, produzam milho e soja de forma comercial para alimentar as cadeia de mercado existentes com produtos, incluindo a fábrica de produção de papa de soja da JAM na Beira.

Objectivo Principal do Cargo

  • Prestar assistência técnica diária aos pequenos agricultores do distrito de Vilankulo, fortalecendo a capacidade daqueles na implementação/ gestão de campos agrícolas irrigados e comercializar seus produtos. Supervisionar o projecto, planificar e implementar ensaios de campo de cultivo no Centro de Excelência Agrícola da JAM, documentar informações e conhecimento-chave sobre os resultados das culturas agrícolas identificadas. O Gestor Técnico assegurará a gestão rigorosa dos regimes de produção de culturas, desenvolvimento Protocolos Operacionais Padrão para produção comercial e ensaios de várias culturas. O Gestor Técnico de Agricultura submeterá, periodicamente, ao Director Nacional, os Relatórios Técnicos para o Programa VP. Ele/Ela trabalhará em estreita colaboração com os outros membros da equipa JAMINT na Agricultura Comercial PLC e programas locais.

Principais Área de Resultados

  • Consciencializar as partes interessadas sobre os objectivos e metas dos pequenos agricultores;
  • Tratar com funcionários do ministério para garantir que todos os pequenos agricultores tenham direitos e privilégios formais nas parcelas de terra alocadas e detém direitos de acesso a água, electricidade para uso nas machambas;
  • Desenvolver planos de trabalho claros para os 50 pequenos agricultores que asseguram o uso equitativo de recursos compartilhados, mormente a água;
  • Desenvolver procedimentos operacionais padrão e directrizes para o processo de desenvolvimento de pequenos agricultores;
  • Desenvolver um programa abrangente de treinamento e aprendizagem de agricultor para agricultores para garantir que os beneficiários estejam totalmente preparados com os conhecimentos, habilidades e atitudes necessárias para que possam tomar decisões informadas durante a fase de implementação;
  • Assegurar a disponibilidade de insumos essenciais para o programa de desenvolvimento;
  • Ajudar na identificação de prioridades políticas e legislativas na área da agricultura e desenvolvimento rural que são necessárias para apoiar o programa no futuro;
  • Supervisionar a implementação do projecto;
  • Desenvolver uma rede de recolha de informações de mercado para ajudar a tomar decisões sobre o quê e quando produzir determinadas culturas;
  • Desenvolver planos de trabalho com os programas de desenvolvimento agrícola existentes para que os agricultores possam compreender a importância do conhecimento para produzir melhores culturas com o espaçamento adequado das plantas, uso de fertilizantes e práticas de gestão de pragas;
  • Assegurar que os agricultores tenham acesso a ferramentas de irrigação, financiando insumos iniciais e aprendendo constantemente para garantir que os agricultores tenham sucesso na produção de boas culturas para aumentar o lucro;
  • Adoptar um mecanismo de recuperação de custos acordados pelos agricultores e pela JAMINT;
  • Desenvolver MDE’s com um grupo de agricultores que garanta os direitos de ambas as partes durante a fase de implementação do projecto;
  • Documentar o progresso e os desafios do projecto;
  • Fornecer relatórios regulares para os pequenos agricultores.

Centro de Excelência Agrícola da PLC

  • Monitorar, manter e interpretar dados agro-climáticos da estação meteorológica agrícola do PLC e retransmitir a informação aos parceiros e agricultores do projecto do campo;
  • Desenhar protocolos de teste de colheita para testar a resiliência e o desempenho das colheitas nas condições climáticas de Vilankulo;
  • Realizar testes varietais de culturas durante todo o ano para uma ampla gama de culturas prioritárias que medem o desempenho da cultura;
  • Planificar e implementar programas de treinamento para os principais interessados na produção agrícola comercial;
  • Elaborar e desenvolver manuais de produção agrícola para pequenos agricultores comerciais e agentes de mudanças agrícolas;
  • Desenvolver protocolos de produção de sementes para variedades de milho polinizadas abertas;
  • Desenvolver hortas modelo para culturas de alto valor para treinamento de pequenos agricultores e pontos focais das hortas escolares.

Nota: Pode ser solicitado a desempenhar tarefas não especificamente indicadas na sua descrição de tarefas de vez em quando, desde que tais tarefas estejam relacionadas as operações da JAM.

Requisitos

Competências

  • Excelentes habilidades de comunicação;
  • Experiências comprovadas na redacção de relatórios;
  • Alfabetização informática;
  • Demonstra sensibilidade e adaptabilidade cultural, de género, religião, raça, nacionalidade e idade;
  • Padrões mais elevados de integridade, discrição e lealdade;
  • Possuir habilidades polivalentes, susceptível a ensinamentos;
  • Habilidades de prestar auxílio a terceiros de modo a constatar a oportunidade de prestar apoio aos outros;
  • Disponibilidade de deslocação em longas viagens, as vezes com aviso a curto prazo;
  • Capacidades de planificação e gestão financeira.

Qualificações Académicas

  • Mestrado em Agronomia, Protecção de Culturas, Irrigação ou disciplina relevante ou equivalente de experiência profissional relevante de experiência profissional relevante para o cargo ou Licenciatura em Agronomia com dez (10) anos de experiência profissional.

Línguas

  • Fluência em Inglês escrito e falado;
  • Conhecimento prático prático do Português é uma vantagem.

Experiência

  • Possuir no mínimo cinco (5) anos de experiência na área relevante para o cargo, devidamente comprovada.

Exigências

  • Curriculum Vitae.

Email:[email protected]

Validade: 28/07/2017

Local: Morrumbala, Mopeia e Chinde – Zambézia

A FHI360 pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Oficial de Monitoria e Avaliação.

Responsabilidades

  • Será responsável pela implementação das actividades de Monitoria e Avaliação para o escritório provincial da FHI360, assegurando que respondem às necessidades de Monitoria e Avaliação do doador, do Ministério da Saúde e do projecto.

Requisitos

  • Mestrado em Saúde Pública, Epidemiologia ou Bio-Estatística, com amplo conhecimento de sistemas de informação e gestão;
  • 4-6 anos de experiência profissional em Monitoria e Avaliação na área de saúde, em particular na área de HIV/SIDA;
  • Fortes conhecimentos de Microsoft e Estatística.

Exigências 

  • Carta de Candidatura;
  • Curriculum Vitae;
  • Cópias dos Certificados;
  • Três (3) Cartas de Referência.

Sobre a Empresa

A FHI360 é uma organização de desenvolvimento global com uma rigorosa abordagem, baseada em factos. O seu pessoal profissional inclui especialistas em saúde, nutrição, educação, fortalecimento económico, sociedade civil, ambiente e pesquisa. FHI 360 opera em 60 escritórios com 44oo trabalhadores no mundo. O seu compromisso com parcerias a todos os níveis e nossa abordagem multidisciplinar permite-nos ter um impacto duradouro sobre as pessoas, comunidades e países onde servimos – melhorando a vida de milhões.

Email:[email protected]

Validade: 28/07/2017

Local: Quelimane – Zambézia

A FHI360 pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Oficial Sénior de Programas.

Responsabilidades

  • Será responsável em gerir a conformidade contratual de todos os sub parceiros locais da FHI360, coordenando o lançamento de RFA, avaliação técnica e financeira de pré-adjudicação, selecção das organizações da sociedade civil.

Requisitos

  • Deve ter o mínimo de Mestrado com 5-7 anos de experiência ou a Licenciatura com 7-9 anos de experiência nas áreas de Assistência Social, Ciências Sociais, Comunicação ou outra área de actuação relevante;
  • Redige relatórios concisos e usa dados para o melhoramento da implementação e alcance dos resultados do projecto;
  • Conhecimento das regras e regulamentos da USAID, particularmente aqueles referentes à gestão de sub-adjudicações;
  • Possuir experiência em gestão de sub-adjudicações, preferencialmente em ambiente de ONG.

Exigências 

  • Carta de Candidatura;
  • Curriculum Vitae;
  • Cópias dos Certificados;
  • Três (3) Cartas de Referência.

Sobre a Empresa

A FHI360 é uma organização de desenvolvimento global com uma rigorosa abordagem, baseada em factos. O seu pessoal profissional inclui especialistas em saúde, nutrição, educação, fortalecimento económico, sociedade civil, ambiente e pesquisa. FHI 360 opera em 60 escritórios com 44oo trabalhadores no mundo. O seu compromisso com parcerias a todos os níveis e nossa abordagem multidisciplinar permite-nos ter um impacto duradouro sobre as pessoas, comunidades e países onde servimos – melhorando a vida de milhões.

Email:[email protected]

Validade: 28/07/2017

Local: Quelimane – Zambézia

A FHI360 pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Oficial Sénior Técnico de Laboratório.

Responsabilidades

  • Será responsável da componente técnica de laboratório no projecto e irá participar em vários grupos de trabalho técnico a nível central, para definir prioridades e desenvolver planos operacionais de acordo com o plano estratégico nacional para a área de laboratório, assim como servir de elo de ligação entre o projecto e a secção de Laboratório da Direcção Nacional de Assistência Médica (DNAM).

Requisitos

  • Grau de Licenciatura em Laboratório ou equivalente;
  • Mínimo de cinco (5) anos de experiência relacionada com práticas de diagnóstico laboratorial nas diferentes áreas acima descritas;
  • Possuir conhecimento na área de formação e supervisão de pessoal de laboratório.

Exigências 

  • Carta de Candidatura;
  • Curriculum Vitae;
  • Cópias dos Certificados;
  • Três (3) Cartas de Referência.

Sobre a Empresa

A FHI360 é uma organização de desenvolvimento global com uma rigorosa abordagem, baseada em factos. O seu pessoal profissional inclui especialistas em saúde, nutrição, educação, fortalecimento económico, sociedade civil, ambiente e pesquisa. FHI 360 opera em 60 escritórios com 44oo trabalhadores no mundo. O seu compromisso com parcerias a todos os níveis e nossa abordagem multidisciplinar permite-nos ter um impacto duradouro sobre as pessoas, comunidades e países onde servimos – melhorando a vida de milhões.

Email:[email protected]

Validade: 28/07/2017

Local: Quelimane – Zambézia

A FHI360 pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Oficial Sénior de Melhoria de Qualidade.

Responsabilidades

  • Será responsável em assistir os centros de saúde a nível distrital e dar apoio técnico as equipas para melhorar abordagem na qualidade dos cuidados e serviços usando princípios e metodologias de melhoria de qualidade.

Requisitos

  • Mestrado ou nível equivalente;
  • Experiência e conduzir actividades de Melhoria de Qualidade nas unidades sanitárias;
  • Experiência em fortalecimento institucional em planificação e facilitação de treinos e assistência técnica.

Exigências 

  • Carta de Candidatura;
  • Curriculum Vitae;
  • Cópias dos Certificados;
  • Três (3) Cartas de Referência.

Sobre a Empresa

A FHI360 é uma organização de desenvolvimento global com uma rigorosa abordagem, baseada em factos. O seu pessoal profissional inclui especialistas em saúde, nutrição, educação, fortalecimento económico, sociedade civil, ambiente e pesquisa. FHI 360 opera em 60 escritórios com 44oo trabalhadores no mundo. O seu compromisso com parcerias a todos os níveis e nossa abordagem multidisciplinar permite-nos ter um impacto duradouro sobre as pessoas, comunidades e países onde servimos – melhorando a vida de milhões.

Email:[email protected]

Validade: 28/07/2017

Local: Quelimane – Zambézia

A FHI360 pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Gestor de Monitoria e Avaliação.

Responsabilidades

  • Será responsável pela implementação das actividades de Monitoria e Avaliação para o escritório provincial da FHI360, assegurando que respondem às necessidades em Monitoria e Avaliação do doador, do Ministério da Saúde e do projecto;
  • É responsável pela supervisão dos Oficiais de M&A e os Oficiais Técnicos da província para os sistemas dos dados, AQ/IQ e IT/mHealth.

Requisitos

  • Mestrado em Saúde Pública ou Estatística com experiência em Estatística;
  • Com mais de seis (6) anos de experiência na área de M&A, especialmente em programas de saúde/ HIV/ SIDA financiados pelo PEPFAR;
  • Experiência em controlo de qualidade e melhoria de dados.

Exigências 

  • Carta de Candidatura;
  • Curriculum Vitae;
  • Cópias dos Certificados;
  • Três (3) Cartas de Referência.

Sobre a Empresa

A FHI360 é uma organização de desenvolvimento global com uma rigorosa abordagem, baseada em factos. O seu pessoal profissional inclui especialistas em saúde, nutrição, educação, fortalecimento económico, sociedade civil, ambiente e pesquisa. FHI 360 opera em 60 escritórios com 44oo trabalhadores no mundo. O seu compromisso com parcerias a todos os níveis e nossa abordagem multidisciplinar permite-nos ter um impacto duradouro sobre as pessoas, comunidades e países onde servimos – melhorando a vida de milhões.

Email:[email protected]

Validade: 28/07/2017

Local: Quelimane – Zambézia

A FHI360 pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Assessor de Monitoria e Avaliação.

Responsabilidades

  • Será responsável por apoiar o processo de monitoria e avaliação dos SDSMAS e DPS dos programas PTV, Cuidadores e Tratamentos, ATS, Apoio Psicossocial, e Comunidade estabelecendo processos de melhoria de qualidade dos dados.

Requisitos

  • Mestrado em Saúde Pública ou Estatística;
  • Experiência de seis (6) anos na área de M&A, especialmente em programas de saúde/ HIV/ SIDA com os fundos de PEPFAR;
  • Domínio do Microsoft Office Excel, Access, PowerPoint, Word e Outlook;
  • Experiência na melhoria e controle de qualidade de dados;
  • Experiência de trabalho com DPS ou outros Departamentos Governamentais das provinciais;
  • Experiência com pacotes estatísticos como SPSS e STATA;
  • Fluência nas línguas Inglesa e Portuguesa.

Exigências 

  • Carta de Candidatura;
  • Curriculum Vitae;
  • Cópias dos Certificados;
  • Três (3) Cartas de Referência.

Sobre a Empresa

A FHI360 é uma organização de desenvolvimento global com uma rigorosa abordagem, baseada em factos. O seu pessoal profissional inclui especialistas em saúde, nutrição, educação, fortalecimento económico, sociedade civil, ambiente e pesquisa. FHI 360 opera em 60 escritórios com 44oo trabalhadores no mundo. O seu compromisso com parcerias a todos os níveis e nossa abordagem multidisciplinar permite-nos ter um impacto duradouro sobre as pessoas, comunidades e países onde servimos – melhorando a vida de milhões.

Vagas na Anadarko Moçambique

Website: http://www.anadarko.com/Careers/Job-Search

Validade: 29/07/2017

Local: Maputo

A Anadarko Moçambique Área 1, Lda, é uma subsidiaria indirecta da Anadarko Petroleum Corporation, que em conjunto com os seus parceiros realizou descobertas significativas de gás ao longo da costa da Província de Cabo Delgado e que no âmbito da sua estratégia de crescimento pretende recrutar um (1) Gestor de Escritório.

Resumo do Cargo

  • O Administrador de Escritório será baseado em Maputo e reportará ao Director Geral e será responsável por gerir todos serviços relacionados ao escritório em Maputo, garantindo consistência com a estratégia da empresa, compromissos e objectivos.

Responsabilidades

  • Gerir e supervisionar a manutenção preventiva de escritórios e moradias corporativas;
  • Desenvolver e administrar orçamento anual do escritório;
  • Gerir o transporte de trabalhadores da AMA1;
  • Projectar e orçar os custos de manutenção;
  • Monitorar os custos actuais dos serviços de manutenção;
  • Determinar mudanças necessárias nas propostas e planos de base na avaliação orçamental, bem como a quantidade prevista de actividades de manutenção;
  • Gerir os requisitos de conformidade para todas as propriedades do escritório;
  • Determinar mudanças apropriadas nos escritórios, analisar os relatórios sobre condições do contrato, risco, conformidade e transparência do fornecedor;
  • Seleccionar provedores preferenciais com base na capacidade, presença legal, financiamento e conformidade fiscal;
  • Influenciar os fornecedores a gerir os custos e garantir que as taxas e melhorias sejam competitivos;
  • Gerir as operações diárias e as relações com fornecedores externos;
  • Gerir a logística do escritório AMA1 e o controle de materiais;
  • Gerir o serviço de administração dos escritórios no país;
  • Assegurar a disponibilidade dos serviços do escritório e de forma apropriada;
  • Gerir as instalações da AMA1 no país (escritórios em Maputo/ moradias);
  • Assegurar a obtenção dos recursos apropriados do escritório com vista a contribuir o alcance dos objectivos do Projecto dentro do prazo;
  • Garantir que os regulamentos do escritório da Anadarko sejam adoptados pelos trabalhadores e contratados;
  • Outras tarefas relativas ao cargo.

Requisitos

  • O candidato bem-sucedido terá no mínimo cinco (5) anos de experiência em gestão de escritórios;
  • Grau de Licenciatura em Engenharia ou outras áreas técnicas. O grau de Mestrado é preferencial;
  • É necessária experiência específica e competências nas seguintes áreas:
    • Experiência de trabalho em empresas multinacionais, Projectos ou Operações de forma prática, experiência em contratação/ gestão de fornecedores;
    • Experiência na criação e gerenciamento de orçamentos, procedimentos e políticas do escritório;
  • Fluência na língua Inglesa nas vertentes oral e escrita;
  • Bom conhecimento do mapeamento e apresentação de informação;
  • Boa experiência em programas básicos do Microsoft Office (Word, PowerPoint, Outlook e Excel);
  • Capacidade de trabalhar sob pressão em prazos apertados;
  • O candidato deve estar disposto a viajar periodicamente conforme necessário.

Benefícios

  • Excelente oportunidade de desenvolvimento e carreira;
  • Um pacote de remuneração compatível com as qualificações e experiência demonstrada.

Exigências

Sobre a Anadarko

Anadarko Petroleum Corporation é uma das maiores empresas independentes do mundo de exploração e produção de petróleo e gás, com sede em The Woodlands, no Texas. A missão da Anadarko consiste em oferecer um retorno competitivo e sustentável aos Accionistas, através do desenvolvimento, aquisição e exploração de recursos de petróleo & gás vitais à saúde e bem estar do mundo.

Email:[email protected]

Validade: 20/08/2017

A Friends in Global Health (FGH) pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Director de Recursos Humanos.

Objectivo do Cargo

  • Responsável por todos os RH duma Organização com número muito elevado de pessoal, da elaboração, implementação e monitoramento  de estratégias harmonizadas, políticas, práticas e procedimentos compartilhadas e cumpridas, garantindo padrões elevados, conformidade e melhoria contínua dos sistemas.

Tarefas

  • Garantir que as políticas e procedimentos de RH da Organização estejam em conformidade com toda legislação laboral relevante;
  • Identificar os nós de estrangulamento na ligação interna e entre as equipas, promovendo uma cultura de associação e motivação do pessoal;
  • Elo de ligação com os departamentos programáticos da Organização a fim de antecipar as necessidades em termos de RH e poder preparar da melhor forma sua integração nas equipas;
  • Recolher informação relevante para a actualização dos procedimentos e do Guidelines de RH, liderar a sua revisão, e ser ponta de lance na disseminação dos procedimentos em gerais;
  • Promover e criar uma rede de contactos ricos e construtivos com parceiros, tanto das ONG, bem como do sector Público e Privado;
  • Responsável pela elaboração e actualização devida dos organigramas nos departamentos de Suporte e outros;
  • Garantir a ética a nível dos RH, segundo as políticas internas e legislações moçambicanas;
  • Garantir a divulgação e bom entendimento, bem como a aplicação, de todas políticas em vigor na Organização, em particular no acto da indução aos candidatos recém-contratados;
  • Ponte de ligação com outros departamentos da Organização a fim de antecipar necessidades de RH, propor adequação dos organigramas, prevenir conflitos;
  • Participar em propostas salariais (e performar estudos “on request”);
  • Desenvolver em coordenação com o DAF uma política adequada para avaliação e motivação profissional do pessoal;
  • Adequar uma ferramenta a nível nacional, provincial e distrital da FGH, bem como nas Unidades Sanitárias, a fim de garantir o controlo das presenças, ausências, atrasos, etc… do pessoal, e sua repercussão no salário, férias;
  • Servir de elo de ligação com o departamento de assessoria legal para os casos laborais, garantindo que todos estejam devidamente encaminhados e seguidos (condutas inapropriadas, violação de políticas e normas, danificação de materiais, entre outros);
  • Comunicar-se regularmente e manter uma relação dinâmica e saudável com as entidades de Trabalho, Segurança Social e outras a nível nacional, provincial e distrital;
  • Responsável pelo cumprimento dos mapas de “esforços de trabalho”, em estreita colaboração com as Finanças da FGH;
  • Produção de relatórios em Português para as equipas, e Inglês para Sede ou Doador;
  • Participação em vários encontros a todos os níveis;
  • Responsável pelo seguimento dos contratos do pessoal internacional, e da sua Gestão, em coordenação com o DAF e a Sede;
  • Participar activamente nos processos de entrevistas;
  • Gestão do pessoal nacional em todas suas vertentes, aplicando a gama completa de políticas, sistemas, regras e regulamentos de RH;
  • Revisão de todas as descrições de tarefas da sua equipa a fim de encontrar num equilíbrio e eficiência no trabalho;
  • Responsável pela capacitação e formação do pessoal com o Software da Organização para RH e salários a nível provincial (PHC, Cost Point);
  • Participar e desenvolver uma gestão sã da comissão dos Trabalhadores, em Maputo e Quelimane.

Requisitos

  • Mestrado em RH ou áreas afins;
  • Pelo menos dez (10) anos de experiência na área de RH, liderando a nível nacional uma equipa numerosa, em Organizações ou empresas internacionais e multiculturais (de preferência ONG);
  • Elevada experiência na interpretação e aplicação da Lei de Trabalho;
  • Domínio de procedimentos de contratação de pessoal internacional;
  • Domínio da legislação laboral, INSS e outras;
  • Experiência na planificação e realização de formações, na definição de organigramas e de supervisão hierárquica;
  • Completamente autónomo no uso do computador nos pacotes Word, Excel, PowerPoint e algumas bases de dados. Nível de uso muito profissional;
  • Experiência prática larga em Software de gestão de RH (PHV, Cost Point, sistema de “Attendance sheet”);
  • Fluente em Inglês;
  • Experiência de trabalho com MITESS e Direcções de Trabalho;
  • Excelentes habilidades de comunicação interpessoal, escrita e oral, em Português e em Inglês. Diplomático, rigoroso, proactivo;
  • Capacidade de planificação, visão estratégica, definição de prioridades, para orientar sua equipa, colocar e alcançar metas, elaborar planos de trabalhos e monitorar os mesmos;
  • Capaz de viajar regularmente.

Exigências

  • Curriculum Vitae;
  • Certificados;
  • Carta de Candidatura;
  • Cópia de B.I.

Endereço: Av. Samora Machel nº 323, 4º Andar – Maputo

Email:[email protected]

Tel/Fax: 21 316 505

Validade: 11/08/2017

Local: Maputo

A GAPI, SA pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Especialista de Desenvolvimento da Cadeia de Valor Horticultura.

Contexto

  • O consórcio GAPI, SI/Novedades Agrícolas, Provedor Líder de Serviços (PLS), contratado pelo Ministério da Agricultura e Segurança Alimentar (MASA)/ Fundo de Desenvolvimento Agrário (FDA) para implementar as actividades de desenvolvimento da cadeia de valor de horticultura. O consórcio lidera a implementação de todo o processos de desenvolvimento da cadeia nas suas principais fases/etapas que incluem ligações à montante e a jusante da cadeia de valor.

Objectivo

  • O Projecto PROSUL tem como objectivo o aumento sustentável da renda dos pequenos produtores a partir do incremento de volumes de produção, produtividade, melhoria de qualidade e ligação ao mercado, nas cadeias de valor de Horticultura, Mandioca e Carnes Vermelhas.

Responsabilidades

Sob a supervisão da Coordenadora da Componente, Especialista de Desenvolvimento da Cadeia de Valor Horticultura trabalhará em estreita colaboração com os Coordenadores Provinciais, Oficiais Distritais e parceiros do projecto no desenvolvimento e implementação de modelos inovativos de negócios nos diferentes segmentos da cadeia de valor. Ele/Ela estará baseado(a) na Delegação da Gapi, SI em Maputo , por onde assistirá todos os distritos abrangidos pelo Projecto. As tarefas específicas incluem:

  • Apoiar na preparação e execução do Plano de Acções de Desenvolvimento da Cadeia de Valor de Horticultura, incluindo um plano de investimentos com foco no Mercado;
  • Liderar o processo de prospecção regular de mercados para informar os investimentos necessários para o desenvolvimento da cadeia de valor;
  • Apoiar o Provedor de Serviços de avaliação das necessidades de formação dos beneficiários do Projecto, pessoal do Projecto e do Governo, e planificar e executar programas de formação orientados às necessidades destes;
  • Participar e apoiar nos processos de desenho e implementação de estratégias de massificação de tecnologias já adoptadas ou que estejam a ser adoptadas pelos pequenos produtores, por exemplo sombrites/ estufas, assegurando o acesso a financiamento e mercado;
  • Promover o envolvimento do sector privado nas intervenções do projecto, incluindo a organização e facilitação de sessões/ reuniões de discussão de aspectos relacionados com o desenvolvimento da cadeia;
  • Assistir o Provedor de Serviços, no processo de estabelecimento e operacionalização dos centros de Serviços para a Cadeia de Valor, incluindo a identificação de parceiros, preparação de documentos de concurso e documentos legais bem como a capacitação das entidades gestores dos centros de Serviços;
  • Contribuir para o sistema de gestão do conhecimento do PROSUL através da divulgação das iniciativas de agro-negócios ao nível da cadeia de valor, incluindo esquemas de produção por contrato, participação e plataformas locais, regionais e nacionais da cadeia de valor, visitas de estudos e trocas de experiência;
  • Assistir o Provedor de Serviços na elaboração de planos de negócios sustentáveis para obtenção de financiamento e para operacionalização de aplicações nos diferentes segmentos da cadeia de valor;
  • Assistir o Provedor de Serviços no processo de desenvolvimento de um mercado seguro e permanente para a Horticultura, garantindo retornos sustentáveis aos produtores, quer a partir de estabelecimento de contratos com mercados consumidores, produtores emergentes, comerciantes e/ou centro de serviços;
  • Apoiar na monitoria do progresso físico do Projecto (actividades e resultados directamente obtidos), resultados e impactos ao nível da cadeia de valor da Horticultura;
  • Apoiar na planificação e gestão de operações de desenvolvimento da cadeia de valor;
  • Apoiar no desenvolvimento e testagem de modelos inovativos de negócios inclusivos com envolvimento dos actores da cadeia de valor.

Requisitos

  • Nível Superior em Agronegócio, Agronomia, Engenharia Agronómica, Agro-Economia, Economia Agrária ou áreas relacionadas, com experiência comprovada de pelo menos sete (7) anos nas áreas de Desenvolvimento de Cadeias de Valor de Produtos Agrícolas com foco no Mercado, incluindo a condução de estudos de viabilidade sobre investimentos no sector Agrário;
  • Candidatos com níveis de Mestrado ou Superior serão de maior preferência;
  • Requer-se que os candidatos tenham domínio de técnicas de produção e processamento de hortícolas;
  • Experiência no desenvolvimento e disseminação de pacotes tecnológicos inovaticos para de cadeias de valor de produtos agrícolas, bem como na facilitação de ligações comerciais são requeridos;
  • Conhecimentos de informática na óptica do utilizador com enfoque nos pacotes de análise de dados (SPSS/ STATA/ SAS);
  • Exige-se domínio da língua Inglesa e proficiência na língua Portuguesa. O conhecimento das línguas locais da área do projecto assim como experiência de trabalho em condições similares serão uma vantagem adicional.

Exigências

  • Carta de Motivação;
  • Curriculum Vitae;
  • Documentos de Identificação;
  • Certificados de Qualificações/ Habilitações;
  • Duas (2) Cartas de de Referência.

Endereço: Av. Karl Marx, nº 647, 2º Andar – Gaza

Validade: 07/08/2017

Local: Xai-Xai – Gaza

O Instituto Superior de Administração Pública (ISAP) pretende recrutar para o seu quadro pessoal um (1) Docente Universitário, Categoria Assistente para o preenchimento de vagas no Módulo de Métodos Quantitativos para Gestores.

Responsabilidades

  • Planificar as sessões do módulo;
  • Proceder à facilitação das sessões ligadas ao módulo;
  • Fazer acompanhamento dos estudantes durante o período de preparação;
  • Fazer acompanhamento dos estudantes durante o período de aplicação prática e avaliação;
  • Corrigir os trabalhos de avaliação e apresentar os resultados ao ISAP;
  • Elaborar o relatório dos módulos;
  • Executar outras tarefas a que forem incumbidas.

Requisitos

Gerais

  • Idade não inferior a 18 anos;
  • Conhecimentos sólidos sobre a temática e situação real sobre o assunto em Moçambique;
  • Capacidade de gerir acções de formação aplicando estratégias participativas;
  • Capacidade de trabalhar em grupo;
  • Conhecimentos sólidos de informática na óptica do utilizador;
  • Fluente em Português;
  • Experiência comprovada na Administração Pública moçambicana constitui uma vantagem.

Específicos

  • No mínimo nível de Mestrado;
  • Formação Académica: Estatística Social, Demografia, Metodologia de Investigação Social.

Exigências

  • Nacionalidade moçambicana;
  • Certidão de Nascimento/ Fotocopia de B.I. autenticada;
  • Certidão de Habilitações Literárias/ Diploma;
  • Sanidade Mental e Capacidade Física para o desempenho de funções na Administração Pública comprovado por Certificado Médico;
  • Não ter sido Aposentado ou Reformado;
  • Não ter sido expulso da Administração Pública;
  • Não ter sido condenado à pena de prisão maior, de prisão por crime desonroso;
  • Curriculum Vitae detalhado.

Endereço: Av. Karl Marx, nº 647, 2º Andar – Gaza

Validade: 07/08/2017

Local: Xai-Xai – Gaza

O Instituto Superior de Administração Pública (ISAP) pretende recrutar para o seu quadro pessoal um (1) Docente Universitário, Categoria Assistente para o preenchimento de vagas no Módulo de Direito Administrativo.

Responsabilidades

  • Planificar as sessões do módulo;
  • Proceder à facilitação das sessões ligadas ao módulo;
  • Fazer acompanhamento dos estudantes durante o período de preparação;
  • Fazer acompanhamento dos estudantes durante o período de aplicação prática e avaliação;
  • Corrigir os trabalhos de avaliação e apresentar os resultados ao ISAP;
  • Elaborar o relatório dos módulos;
  • Executar outras tarefas a que forem incumbidas.

Requisitos

Gerais

  • Idade não inferior a 18 anos;
  • Conhecimentos sólidos sobre a temática e situação real sobre o assunto em Moçambique;
  • Capacidade de gerir acções de formação aplicando estratégias participativas;
  • Capacidade de trabalhar em grupo;
  • Conhecimentos sólidos de informática na óptica do utilizador;
  • Fluente em Português;
  • Experiência comprovada na Administração Pública moçambicana constitui uma vantagem.

Específicos

  • No mínimo nível de Mestrado;
  • Formação Académica em Direito.

Exigências

  • Nacionalidade moçambicana;
  • Certidão de Nascimento/ Fotocopia de B.I. autenticada;
  • Certidão de Habilitações Literárias/ Diploma;
  • Sanidade Mental e Capacidade Física para o desempenho de funções na Administração Pública comprovado por Certificado Médico;
  • Não ter sido Aposentado ou Reformado;
  • Não ter sido expulso da Administração Pública;
  • Não ter sido condenado à pena de prisão maior, de prisão por crime desonroso;
  • Curriculum Vitae detalhado.

Email: [email protected]

Validade: 21/07/2017

Local: Maputo

Duração: Prazo certo de 13 meses, com extensão dependendo dos fundos

Global Programs for Research and Training pretende recrutar para o seu quadro um (1) Epidemiologista, Assessor Técnico. (Vaga n.º 007)

Objectivos

  • Trabalhando em colaboração com a equipe de Epidemiologia e Vigilância da UCSF/ Global Programs, o Epidemiologista será responsável por  fornecer assistência técnica geral na estrutura e função do Observatório Nacional de Saúde. O Epidemiologista será responsável por orientar o pessoal do INS, incluindo, mas não se limitando, aos Epidemiologistas, Oficiais de Vigilância, Gestores de Dados e Bioestatísticos na análise, disseminação e uso de dados de HIV/TB. O papel do Epidemiologista é crucial para apoiar o papel do INS na gestão e coordenação do sistema nacional de vigilância do HIV/TB e avaliação da resposta ao controle da epidemia.

Responsabilidades

Liderança de Equipas Cientificas

  • Fornecer assistência técnica directa e orientação para Bioestaticianos e/ou Epidemiologistas no INS, bem como gestores de dados e informáticos sobre tópicos epidemiológicos relacionados ao HIV/TB;
  • Treinar a equipe na selecção e aplicação de métodos e técnicas adequadas à resolução de problemas, fornece conselhos sobre métodos, práticas e procedimentos de trabalho, e auxiliar a equipe e os membros individuais na identificação de solução efectivas;
  • Fornecer assistência contínua para garantir privacidade, confidencialidade e autorização ética;
  • Organizar treinamentos e workshops para o pessoal nas áreas de colecta de dados (desenho do questionário), análise de dados, manuscrito e redacção de relatórios, etc.

Liderança a Análise de Investigação Epidemiológicas

  • Liderar o desenvolvimento e análise de estudos epidemiológicos para abordar problemas de saúde pública importantes e práticas e para planear programas;
  • Desenvolver métodos e realizar análises descritivas avançadas e abrangentes de dados de vigilância para múltiplas finalidades.

Divulgação de Dados, Informações e Conclusões do Programa de HIV/TB

  • Conduzir e supervisionar revisões de literatura para a concepção de programas, preparação de publicações e planeamento e avaliação;
  • Conceber, preparar e comentar relatórios de análises de dados de vigilância de HIV/TB e outras informações, como análises secundárias;
  • Apresentar de forma oral, para diversos públicos, os resultados dos dados;
  • Rever e preparar respostas aos pedidos de informação, em apoio ao planeamento e à tomada de decisões sobre HIV/TB;
  • Desenvolver e fornecer recomendações à funcionários de alto nível sobre o controle do HIV/TB com base nos resultados da vigilância, pesquisas de campo, pesquisa em saúde pública, testes laboratoriais e métodos de controle aceitáveis.

Prestação de Consulta Epidemiológica de HIV/TB em Questões Cientificas e Técnicas

  • Servir como um consultor científico reconhecido em HIV/TB e especialista em questões epidemiológicas ou problemas críticos onde o tipo de recursos fornecidos e o impacto nas comunidades é extensivo, de modo que o programa requeira aplicação de métodos e práticas científicas e técnicas avançadas;
  • Funcionar como um vínculo com as entidades geradoras de dados externos para desenvolver e manter parcerias para compartilhar e usar dados.

Requisitos

Qualificações Exigidas

  • Doutorado em Epidemiologia ou Bioestatística, ou Saúde Pública ou não-Doutorado (por exemplo, M.D) com experiência em Epidemiologia;
  • Pelo menos dez (10) anos de experiência de trabalho com dados de vigilância de saúde pública, incluindo dados baseados em instalações e comunidades para publicações gerais e chave;
  • Pelo menos cinco (5) anos de experiência de trabalho na área de HIV/TB;
  • Experiência comprovada na coordenação efectiva de actividades de vigilância em tempo útil, incluindo experiência em concepção de estudo, recrutamento de equipe de campo, treinamento e supervisão, colecta de dados e divulgação de resultados do estudo;
  • Excelente comando do software de análise estatística (ex: STATA, SAS, SPSS, R);
  • Experiência com processamento de dados (data mining), limpeza, gestão de dados, gestão e análise de dados e divulgação de resultados do estudo;
  • Experiência em capacitação e orientação de profissionais;
  • Excelentes habilidades analíticas que modelem a liderança e o pensamento sistémico para promover a respectiva epidemiológica num processo de planeamento estratégico da agência de saúde pública do governo internacional;
  • Experiência comprovada com escrita académica (Inglês), dez (10) ou mais publicações revistas por pares (como primeiro, segundo ou terceiro autor), cinco (5) ou mais relatórios de vigilância.

Exigências

  • Curriculum Vitae em Português e Inglês;
  • Carta de Candidatura.

Nota: Indicar o titulo da posição no ‘assunto’ do email e na carta.

Endereço: Av. Josina Machel nº 256 – Nampula

Caixa Postal 544 – Nampula

Tel/Fax: 26 215 738

Validade: 02/08/2017

Local: Nacala-Porto – Nampula

A Universidade Pedagógica (UP) – Delegação de Nampula nos Campus de Nacala-Porto pretende recrutar para o seu quadro de pessoal Docentes nas áreas:

  • Direito (2 vagas para tempo parcial)
  • Educação Visual (3 vagas: 1 para inteiro e 2 para tempo parcial)
  • Física (1 vaga para tempo inteiro)
  • Informática (3 vagas para tempo inteiro)
  • Gestão de Recursos Humanos (4 vagas: 1 para tempo inteiro e 3 para tempo parcial)
  • Contabilidade (2 vagas para tempo parcial)
  • Economia (2 vagas para tempo parcial)
  • Pedagogia (1 vaga para tempo inteiro)
  • Psicologia (1 vaga para tempo inteiro)
  • Geografia (1 vaga para tempo parcial)
  • Gestão Ambiental e Desenvolvimento Comunitário (2 vagas: 1 para tempo inteiro e 1 para tempo parcial)
  • Desenvolvimento Comunitário ou equivalente (1 vaga para tempo parcial)
  • Desenho Multimédia (1 vaga para tempo parcial)
  • Gestão de Empresas (3 vagas: 1 para tempo inteiro e 2 para tempo parcial)
  • Engenharia Electrónica (1 vaga para tempo parcial)
  • Arquitectura (1 vaga para tempo parcial)
  • Engenharia de Construção Civil  (6 vagas: 3 para tempo inteiro e 3 para tempo parcial)
  • Turismo (2 vagas para tempo parcial)

Requisitos

  • Ter o nível de Doutoramento, Mestrado ou Licenciatura na área ou disciplina que pretende leccionar;
  • Ter experiência na leccionação no Ensino Superior é uma vantagem;
  • Ter publicações de artigos, livros científicos;
  • Ter experiência profissional na área de formação.

Exigências

  • Requerimento de pedido de contratação dirigido ao Magnífico Reitor da Universidade Pedagógica;
  • Certificado de Habilitações Literárias;
  • Curriculum Vitae do candidato, em que se destaquem actividades de índole científico – académico e experiência de leccionação;
  • Cópia autenticada do Bilhete de Identidade;
  • NUIT.

Endereço: Av. Josina Machel nº 256 – Nampula

Caixa Postal 544 – Nampula

Tel/Fax: 26 215 738

Validade: 02/08/2017

Local: Napipine – Nampula

A Universidade Pedagógica (UP) – Delegação de Nampula nos Campus de Napipine pretende recrutar para o seu quadro de pessoal Docentes nas áreas:

  • Antropologia (4 vagas: 2 para tempo inteiro e 2 para tempo parcial)
  • Ciências Políticas (3 vagas para tempo parcial)
  • Contabilidade (2 vagas para tempo parcial)
  • Desenho Multimédia (1 vaga para tempo parcial)
  • Direito (1 vaga para tempo parcial)
  • Economia (2 vagas para tempo parcial)
  • Educação Física e Desporto (4 vagas: 3 para tempo inteiro e 1 para tempo parcial)
  • Educação Visual (1 vaga para tempo parcial)
  • Engenharia Electrónica (3 vagas: 2 para tempo inteiro e 1 para tempo parcial)
  • Filosofia (1 vaga para tempo parcial)
  • Informática (1 vaga para tempo parcial)
  • Geologia (3 vagas: 2 para tempo inteiro e 1 para tempo parcial)
  • Gestão de Recursos Humanos (3 vagas para tempo parcial)
  • Ciências Alimentares/ Nutrição (2 vagas para tempo parcial)
  • Física (3 vagas: 2 para tempo inteiro e 1 para tempo parcial)
  • Filosofia (1 vaga para tempo parcial)
  • Matemática (1 vaga para tempo parcial)
  • Psicologia (1 vaga para tempo parcial)
  • Psicologia de Saúde (1 vaga para tempo parcial)
  • Psiquiatria (1 vaga para tempo parcial)
  • Sociologia (5 vagas: 3 para tempo inteiro e 2 para tempo parcial)
  • Turismo (1 vaga para tempo inteiro)
  • Topografia (1 vaga para tempo parcial)
  • Biologia/ Laboratório (1 vaga para tempo inteiro)
  • Química/ Laboratório (1 vaga para tempo inteiro)
  • Física/ Laboratório (1 vaga para tempo inteiro)
  • Geologia/ Laboratório (1 vaga para tempo inteiro)
  • Gestão/ Laboratório (1 vaga para tempo inteiro)

Requisitos

  • Ter o nível de Doutoramento, Mestrado ou Licenciatura na área ou disciplina que pretende leccionar;
  • Ter experiência na leccionação no Ensino Superior é uma vantagem;
  • Ter publicações de artigos, livros científicos;
  • Ter experiência profissional na área de formação.

Exigências

  • Requerimento de pedido de contratação dirigido ao Magnífico Reitor da Universidade Pedagógica;
  • Certificado de Habilitações Literárias;
  • Curriculum Vitae do candidato, em que se destaquem actividades de índole científico – académico e experiência de leccionação;
  • Cópia autenticada do Bilhete de Identidade;
  • NUIT.

Endereço: Av. Agostinho Neto, nº 620 – Maputo

Rua da Missão, nº 315 – Matola

Rua da Base Moçambique, nº 640 – Pemba

Email: [email protected]

Validade: 17/07/2017

Local: Maputo

A Fundação Ariel Glaser Contra o Sida Pediátrico (ARIEL) pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Assessor Clínico.

Responsabilidades

  • Apoiar os Serviços Distritais da Saúde, Mulher e Acção Social (SDSMA) na avaliação das necessidades para expansão  e prestação de serviços  Clínicos de HIV de qualidade;
  • Participar na planificação do PES e Plano Operacional do SDSMAS;
  • Desenvolver em coordenação com as SDSMAS e outros membros da equipa multidisciplinar, os planos de implementação do Programa de PTV, C&T, AT e actividades comunitárias dos distritos, para cada Unidade Sanitária (US);
  • Apoiar a planificação e coordenação das formações/ treinos do Pessoal de Saúde, nas áreas de Aconselhamento e Testagem (ATIP/ATS), PTV, C&T e outras áreas relacionadas, em colaboração com as SDSMAS;
  • Apoiar as SDSMAS e US autónomas na organização e facilitação de encontros regulares e comités de gestão de qualidade (antigos comités TARV) com realce para a discussão de casos clínicos, monitoria e revisão de actividades, bem como de indicadores;
  • Apoiar no estabelecimento e institucionalização de um forum distrital de parceiros do sector saúde para fortalecer a coordenação e o papel de liderança do SDSMAS;
  • Supervisionar e capacitar do Oficial Clínico e Oficial de Monitoria e Avaliação da sua área geográfica;
  • Preparar e submeter os relatórios trimestral do programa de aconselhamento e testagem, apoio psicossocial, GBV, maternidade modelo, PCI, prevenção de transmissão vertical, cuidados e tratamento pediátrico e do adulto distrital a sua responsabilidade ao Assessor Clínico Sénior.

 Requisitos

  • Licenciatura em Medicina e com um mínimo 3 a 5 anos de experiência na prestação de serviços de prevenção, cuidados e tratamentos com ARV a pessoas vivendo com HIV, incluindo pediátrico. Possuir Mestrado em Saúde será uma vantagem;
  • Ter conhecimento das estratégias, politicas, procedimentos, directrizes e normas do MISAU na área de HIV, PTV e Cuidados e Tratamento para crianças e adultos;
  • Ter conhecimento em Saúde Reprodutiva e experiência com o programa PTV;
  • Ter experiência em tutoria, ensino, supervisão formativa e programas de melhoria de qualidade será uma vantagem;
  • Experiência em planificação, gestão, implementação, avaliação reprogramação e liderança de equipa;
  • Conhecimento da língua Inglesa;
  • Ser pro-activo e ter capacidade de trabalhar sob pressão e de forma independente;
  • Ter a capacidade de trabalhar em equipa multidisciplinar.

Exigências

  • Carta de Candidatura;
  • Curriculum Vitae.

Nota: Assunto: Código – AC-MP

Sobre a Empresa

A Fundação Ariel Glaser contra o SIDA Pediátrico trabalha em estreita colaboração com os doadores e com Ministério de Saúde em Moçambique, incluindo as equipas de saúde provinciais e distritais e outros parceiros de cooperação, para apoiar os serviços Clínicos e Integrados de HIV: Assistência Pediátrica, Cuidados e Tratamento para HIV/SIDA, Apoio Psico-social, Monitoria & Avaliação e Programa de Melhoria de Qualidade das Províncias de Maputo e Cabo Delgado. A missão da Fundação Ariel Glaser contra o SIDA Pediátrico é de fortalecer as instituições públicas e da sociedade civil para a Prevenção, Tratamento e Mitigação do impacto do HIV/SIDA, através da Capacitação, Pesquisa, Advocacia e Implementação de Programas de Saúde centrados na família de forma a contribuir para a redução de transmissão do HIV da mãe para filho e assegurar a inclusão e acesso de crianças aos serviços de prevenção, cuidados e tratamento de qualidade.

Email:[email protected]

Validade: 04/07/2017

Local: Maputo

O Centro de Colaboração em Saúde (CCS) pretende recrutar para o seu quadro pessoal um (1) Assessor de Melhoria de Qualidade.

Requisitos

  • Mestrado em Saúde Pública ou Licenciatura em Medicina;
  • Mínimo de cinco (5) anos de experiência em programas ligados a área de HIV/SIDA;
  • Experiência profissional na aplicação de métodos para a melhoria de qualidade em áreas clínicas é uma vantagem;
  • Proficiência em Microsoft Office na óptica do utilizador;
  • Fluência verbal e escrita em Português e Inglês;
  • Capacidade de trabalhar com autonomia e responsabilidade;
  • Habilidades de comunicação, coordenação, negociação e trabalho em equipa;
  • Disponibilidade para viajar.

Exigências

  • Carta de Apresentação;
  • Curriculum Vitae, detalhando as experiências relevantes e referências.

Nota: Indicar no assunto: “Assessor(a) de Melhoria de Qualidade”

A FHI360 pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Director Adjunto de Projecto_OVC.

Principais Funções

  • O Director-Adjunto do projecto COVida é responsável pela superintendência de toda a programação, incluindo pela garantia da qualidade técnica dos serviços;
  • O DA trabalha com os sub-parceiros para decidir sobre as metas, superintende o desenvolvimento e a execução dos planos de trabalho do projecto, monitora a implementação dos parceiros internacionais, moçambicanos e comunitários locais;
  • O DA providencia liderança técnica e coordena com o Ministério do Género, Criança e Acção Social, o governo local e outros parceiros-chave;
  • O DA dirige e supervisiona o pessoal técnico sénior e do programa e os consultores e uma equipa de cerca de vinte membros;
  • O DA lida com os relatórios e participa na orçamentação e monitoria de orçamentos.

Qualificações-chave

  • Mestrado em Saúde Pública, Ciências Sociais ou outro grau afim mais 7 a 9 de anos de experiência relevante ou Bacharelato mais 9 a 11 anos de experiência relevante;
  • Experiência na gestão de grandes e complexos projectos fortemente desejados de COVs ou cuidados e apoio do HIV-SIDA de base comunitária;
  • Cinco (5) anos de gestão de equipas e desenvolvimento ou gestão de sistemas que promovem alto desempenho;
  • Experiência demonstrada em planificação, desenho, implementação, monitoria e avaliação de projectos;
  • Fortes competências demonstradas de gestão, finanças, comunicação interpessoal;
  • Experiência em desenvolvimento e gestão de parceiros locais e internacionais preferida;
  • Experiência na gestão de subvenções com as organizações locais será uma vantagem;
  • Experiência com regras e regulamentos da USAID será uma vantagem. Experiência com o PEPFAR será uma vantagem;
  • Excelência em língua Portuguesa é preferencial;
  • Fluência em língua Inglesa. Experiência na elaboração de relatórios para doadores em língua Inglesa.

Endereço: Rua Carlos Albers, nº 107 – Maputo

Email: [email protected]

Validade: 30/06/2017

O Centro para Programas de Comunicação da Johns Hopkins University (JHU)/ Communication for Improved Health Outcomes (CIHO) pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Especialista Adjunto em Comunicação para Serviços de Prevenção e Tratamento.

Responsabilidades

  • As áreas de saúde incluem, promover e destimatizar serviços de HIV (teste, PTV), melhorar a adesão ao tratamento, estabelecer vínculos clínicos-comunitários com o HIV (HBC), incentivar o uso directo do preservativo e criar habilidades apropriadas culturalmente entre os provedores;
  • O provedor de saúde será apoiado com ferramentas de aconselhamento necessárias e ligações aprimoradas entre os serviços de HIV (CT, ART, PMTCT, ART Pediátrica, TB, FP, MCH), Malária e Nutrição.

Requisitos

  • Licenciado(a) ou Mestrado(a) ou Superior em Comunicação, Ciências Sociais ou Disciplina relacionada;
  • Mínimo quatro (4) anos de experiência com progressiva responsabilidade crescente em: Trabalho de equipa e auto-gestão é uma obrigação;
  • São necessárias excelentes habilidades de comunicação interpessoal, escrita e oral em Português e Inglês;
  • Capacidade em comunicar-se em saúde com sector público, sociedade civil e sector privado;
  • Contribuir tecnicamente e criativamente para o desenho de actividades de comunicação.

Exigências

  • Curriculum Vitae;
  • Carta com indicação do posto a que se candidata ao c/Sr. Sozinho Guerra.

Email: [email protected]

Validade: 05/07/2017

Local: Messica – Manica

Estado: Permanente

Categoria: E2

Linha de Reportagem: Gestor Geral de Operações

Indústrias Florestais de Manica (IFLOMA) pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Gestor Regional de Operações.

Funções

  • Operacionalizar, liderar, gerir e definir objectivos estratégicos para a IFLOMA, alinhados as Estratégias do Grupo SAFCOL que permitirão o alcance dos objectivos financeiros, de sustentabilidade e outros objectivos estratégicos definidos. O Gestor Regional: IFLOMA planeia, dirige, coordena e assegura a implementação de actividades ao mais alto nível de gestão, com a contribuição dos demais gestores e colaboradores, além disso, assegura que a IFLOMA esteja bem posicionada ao nível da sua indústria e entre as partes interessadas, cria um ambiente propício para a actuação e crescimentos dos colaboradores. Desenvolve, conduz e executa Planos Florestais e de Processamento, a fim de maximizar a rentabilidade e a eficiência das Operações da IFLOMA.

Responsabilidades

  • Aumentar o valor financeiro das operações da IFLOMA;
  • Desenvolver, gerir e supervisionar a implementação do plano de inovação de produtos para as operações da IFLOMA;
  • Desenvolver, administrar e supervisionar a implementação dos planos tácticos e operacionais da IFLOMA;
  • Desenvolver, gerir e supervisionar a execução do Plano de Operação Anual (POA) para operações de plantio, desbaste, poda e colheita;
  • Analisar os dados comparativos mensais e relatórios recebidos das entidades acima, bem como as publicações internacionais disponibilizadas pelos serviços de inteligência de mercados;
  • Conduzir apresentações estratégicas e outras para o Gestor Geral de Operações, Director Executivo, Conselho de Direcção e Accionistas da IFLOMA, quando solicitado;
  • Gerir e supervisionar as actividades de negociação nos processos de procurement para a adquirição de madeira em fornecedores externos para complementar sua a produção interna;
  • Gerir e supervisionar os acordos de consignação e monitorar a participação da IFLOMA no mercado de madeira;
  • Garantir entregas de produtos de acordo com os planos de vendas e alocações;
  • Gerir as operações da IFLOMA para alcançar os resultados orçamentados com base na optimização dos recursos (equipamentos, pessoas, financiamento);
  • Gerir e supervisionar as operações da IFLOMA (operações principais) para alcançar os resultados orçamentados usando os recursos de forma eficiente e rentável;
  • Desenvolver, supervisionar e garantir a implementação de um plano apropriado para o controle de activos;
  • Monitorar, supervisionar e assegurar a gestão eficiente de stock em crescimento;
  • Monitorar, supervisionar e garantir uma gestão eficiente dos activos móveis e imóveis;
  • Facilitar a certificação FSC de plantações na IFLOMA e assegurar a manutenção da mesma;
  • Supervisionar e garantir a manutenção das áreas TUP com menos de 3%;
  • Gerir e supervisionar a manutenção do registo de risco estratégico e operacional da IFLOMA para todas as operações;
  • Gerir e supervisionar a implementação das medidas de mitigação de risco na IFLOMA;
  • Gerir e supervisionar a implementação de acções apropriadas para evitar reportes repetidos nos relatórios de auditoria tanto interna como externa;
  • Assegurar o planificação de sucessão de posições-chave e críticas dentro da IFLOMA e outras intervenções de gestão de talentos;
  • Liderar, treinar e desenvolver equipes juniores/médias de gestão com alto desempenho.

Requisitos

Qualificações & Experiência

  • Nível Médio Profissional;
  • Quatro (4) anos BSc Licenciatura em Florestas;
  • 8-10 anos de experiência em Florestas, dos quais pelo menos três (3) anos num cargo de Gestor Sénior;
  • Mestrado em Florestas/ Administração e Gestão de Empresas/ Liderança Empresarial será uma vantagem;
  • Moçambicano que fale e escreva fluentemente Inglês e Português;
  • Carta de Condução válida.

Competências Comportamentais

  • Assertividade;
  • Diplomacia;
  • Julgamento;
  • Orientação para Resultados;
  • Pensamento Racional.

Habilidades

  • Persuasão Influência;
  • Capacidade de pensamento estratégico;
  • Foco organizacional e comercial;
  • Análise e resolução de problemas;
  • Treinamento e mentalização.

Exigências

  • Curriculum Vitae;
  • Certificados relevantes.

Endereço: Rua do Tchamba, nº 398 – Maputo

Email: [email protected]

Validade: 28/06/2017

Local: Gaza, Manica e Tete

Duração: O trabalho terá início em Julho prevendo-se o término para Outubro ou Novembro

A Save the Children Internacional (SCI) pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Consultor para “Realização de uma pesquisa relativa a transição sucedida no projecto de promoção de direitos para menores em Moçambique” – Projecto STAR G – TC-SC 003/17 nas zonas operacionais do projecto (Gaza, Manica e Tete).

Objectivo Geral da Consultoria

  • O objectivo geral da pesquisa é fornecer informações sobre os desafios e factores que prejudicam a aprendizagem das meninas no ensino primário superior e secundário e como estas podem ser melhoradas para promover o ingresso, retenção, transição e aprendizagem das meninas.

Requisitos

  • O Consultor principal deve apresentar nível académico em PHD ou MA em Educação ou áreas relacionadas com género ou relações internacionais;
  • Ter experiência em realização de pesquisas com foco específico em educação;
  • Experiências em pesquisa na área de educação com enfoque em transições escolares, atendimento e aprendizagem, especialmente no ensino médio e educação não formal;
  • Experiência de pelo menos cinco (5) anos na realização de pesquisas qualitativas e quantitativas em Moçambique ou contextos semelhantes;
  • Capacidade de liderar e trabalhar com supervisão mínima, orientado para os resultados;
  • Capacidade de trabalhar em prazos apertados e oferecer produtos de qualidade;
  • Fluência em comunicar em Inglês e competências em Português com capacidade de escrever relatórios formais em Inglês;
  • Compromisso com a visão da Save the Children, missão e valores constitui vantagem.

Exigências

  • Curriculum Vitae;
  • Carta de Motivação (em Português e Inglês).